Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 1 de 1
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Ano de publicação
Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Acta amaz. ; 51(2): 171-180, abr.-jun. 2021. mapas, tab, ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-31473

Resumo

Agroforestry systems (AFSs) integrate, through sustainable practices, agricultural and forest crops for the production of wood and food, providing environmental services, and conserving biodiversity. The freijó (Cordia goeldiana) has potential for cultivation in the Amazon for timber purposes, but data on the characteristics of its wood produced in AFSs are scarce. Our objective was to determine the physical-mechanical properties and suggest technological applications of freijó wood produced in a multi-stratified AFS established in the state of Rondônia, Brazil in 1996. Agricultural and forest species were established in the AFS in double rows with 5.0-m x 2.5-m spacing. Three 19-year-old freijó trees were harvested for chemical, physical (density and dimensional stability), and mechanical (compression, static bending, Janka hardness, and shear strength) characterization of the wood. The wood presented a chemical composition similar to tropical hardwoods, was moderately heavy (582.63 kg m-3), and had high dimensional stability in comparison with other consecrated woods on the market (longitudinal, radial, and tangential retraction = 0.25, 4.27, and 6.83%, respectively). The values determined for parallel (32.32 MPa) and perpendicular compression (8.02 MPa), specific strength (55.32 MPa kg-1 m-3), parallel (2373.33 N) and perpendicular Janka hardness (2326.67 N), strength to static bending (63.5 MPa), and shear (5.94 MPa) were similar to the values ​​observed in other high-density tropical woods grown in either monoculture plantations or natural forests. The wood under study is suitable for manufacture of high-value-added products, such as fine furniture, residential floors, musical instruments and structural pieces.(AU)


Os sistemas agroflorestais (SAFs) integram, com práticas sustentáveis, culturas agrícolas e florestais para produção de madeira e alimentos, conservando os serviços ambientais e a biodiversidade. O freijó, Cordia goeldiana, tem potencial para cultivo na Amazônia para fins madeireiros, porém dados sobre as características de sua madeira em SAFs são escassas. Objetivou-se determinar as propriedades físico-mecânicas e aplicações tecnológicas da madeira de freijó produzida em um SAF multiestratificado estabelecido no estado de Rondônia, Brasil em 1996. No SAF, as espécies agrícolas e madeireiras foram estabelecidas em renques duplos no espaçamento 5,0 m x 2,5 m. Abateram-se três árvores de freijó com 19 anos de idade, para caracterização química, física (densidade e estabilidade dimensional) e mecânica (compressão, flexão estática, dureza Janka e cisalhamento) da madeira. A madeira de freijó apresentou composição química similar à de madeiras nobres tropicais, peso moderado (582,63 kg m-3) e estabilidade dimensional elevada em comparação com outras madeiras consagradas no mercado (retração longitudinal, radial e tangencial = 0,25, 4,27 e 6,83%, respectivamente). Os valores de resistência à compressão paralela (32,32 MPa) e perpendicular (8.02 MPa), resistência específica (55,32 MPa kg-1 m-3), dureza Janka paralela (2373,33 N) e perpendicular (2326,67 N), resistência à flexão estática (63,5 MPa) e ao cisalhamento (5,94 MPa) foram semelhantes aos valores observados em outras madeiras tropicais de alta densidade, produzidas em monocultivo e florestas naturais. A madeira em estudo é adequada para fabricação de produtos de alto valor agregado, como móveis finos, pisos residenciais, instrumentos musicais e peças estruturais.(AU)


Assuntos
Boraginaceae/química , Fenômenos Físicos , Madeira/química
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA