Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 1 de 1
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Ano de publicação
Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Ci. Rural ; 44(12): 2178-2185, Dec. 2014. mapas, tab, ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-26988

Resumo

O presente trabalho objetivou caracterizar a relação solo-vegetação em remanescente da Floresta Estacional Decidual na Região Central do Rio Grande do Sul a partir da análise da relação entre atributos edáficos e dois grupos fitossociológicos (G1 e G2). Características químicas e o percentual de argila do solo foram submetidos à análise da variância e suas relações com G1 e G2 foram avaliadas por análise de componentes principais (ACP). Para tanto, G1 e G2 foram classificados em 3 intervalos de declividade: 1-14º; 15-34º e 35-45º. Foram identificados Neossolo Litólico nas áreas declivosas e Neossolo Quartzarênico nas áreas planas. G1 na declividade 35-45º e G2 em 1-14º foram mais sensíveis à variação da qualidade química do solo. A relação dos grupos fitossociológicos com a qualidade química do solo aumentou proporcionalmente ao aumento de declividade. Relevo declivoso, pedogênese incipiente e material de origem sedimentar ressaltaram a fragilidade da área, o que valoriza a presença da floresta para a manutenção de serviços ambientais.(AU)


The present study aimed to characterize the soil-vegetation relationship in Seasonal Deciduous Forest remnant at Central Region of Rio Grande do Sul, starting from the analysis of the relationship between soil attributes and two phytosociological groups (G1 and G2). Chemical soil characteristics and clay percentage were submitted to variance analysis and relations with G1 and G2 were evaluated by Principal Components Analysis (PCA). Therefore, it was classified G1 and G2 within 3 slope intervals: 1-14°, 15-34° and 35-45°. Leptosols have been identified in high slopes and Arenosols in the plan area. G1 in 35-45° and G2 in 1-14º were more sensitive to soil chemical quality. The phytosociological groups and soil quality relationship increased proportionally with the increase on slope. The declivous relief, recent pedogenesis and sedimentary parental material highlighted the fragility of the area, which emphasizes the forest presence for the environmental services maintenance.(AU)


Assuntos
Características do Solo , Florestas
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA