Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 4 de 4
Filtrar
Mais filtros

Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Revista Brasileira de Zoociências (Online) ; 18(3): 138-158, set. 2017. map, ilus, tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1494678

Resumo

Euterpe edulis Martius (Arecaceae) is considered one of the most important palm trees for the dispersing and pollinating fauna in the Atlantic Forest. However, the predatory exploitation of the palm heart has been causing its decline and extinction throughout the Atlantic Forest. The aim of this study was to identify the interactions between mammals and birds with Juçara palm, as well as contribute to the understanding of the ecological processes of seed dispersal and germination. The study was carried out in the municipality of Maquiné, state of Rio Grande do Sul, in an area of Dense Ombrophylous Forest belonging to Fundação Estadual de Pesquisa Agropecuária (FEPAGRO). Mammals and birds were recorded with six camera traps, focal (tree-focal) observation and transections. Germination experiments were also performed and differences were tested using Biostat 5.3 software. Twelve months of study resulted in over 1300 videos with a sampling effort of 334 camera days. In 1180 videos, the fauna interacted directly with the fruits of E. edulis, totaling 1245 interactions. In 38% of these, fruits were consumed, which were carried in 37% of these records and in 25%, swallowed. In total, 17 species were recorded, 12 birds and five mammals. Of these, small rodents were the ones that consumed or carried the fruits the most (N = 616 or 65%). Of the birds, four Turdus species consumed, swallowed or carried 322 fruits (33%). The percentage and / or the germination speed were significantly higher in regurgitated or pulped seeds by the fauna than in seeds extracted directly from the plant. Large frugivores were eventually recorded, suggesting a defaunation in the study area. The number of interactions verified, however, confirms the ecological importance of E. edulis for the maintenance of the frugivorous guild with occurrence in the locality.


Euterpe edulis Martius (Arecaceae) é considerada uma das palmeiras mais importantes para a fauna dispersora e polinizadora na Mata Atlântica. Contudo, a exploração predatória do palmito vem causando seu declínio e extinção ao longo da Mata Atlântica. O objetivo deste estudo foi identificar as interações entre mamíferos e aves com E. edulis Mart., bem como contribuir para a compreensão dos processos ecológicos de dispersão e germinação de sementes. O estudo foi realizado no município de Maquiné, RS, em área de Floresta Ombrófila Densa pertencente à Fundação Estadual de Pesquisa Agropecuária (FEPAGRO). Mamíferos e aves foram registrados por meio da utilização de seis armadilhas de filmagem, observação focal (árvore-focal) e transecções. Experimentos de germinação foram também realizados e as diferenças encontradas foram testadas por meio do programa Biostat 5.3. Doze meses de estudo resultaram em mais de 1300 vídeos com um esforço amostral de 334 armadilhas-dia. Em 1180 vídeos, a fauna interagiu diretamente com os frutos de E. edulis, totalizando 1245 interações. Em 38% destas houve consumo dos frutos, os quais foram carregados em 37% desses registros e em 25%, engolidos. No total, foram registradas 17 espécies, 12 de aves e cinco de mamíferos. Destes, os pequenos roedores foram os que mais consumiram ou carregaram os frutos (N=616 ou 65%). Das aves, quatro espécies de Turdus consumiram, engoliram ou carregaram 322 frutos (33%). O percentual e/ou a velocidade de germinação foram significativamente maiores em sementes regurgitadas ou despolpadas pela fauna do que em sementes extraídas diretamente da planta. Grandes frugívoros foram eventualmente registrados, sugerindo um quadro de defaunação na área de estudo. O número de interações constatadas, contudo, confirma a importância ecológica de E. edulis para a manutenção da guilda de frugívoros com ocorrência na localidade.


Assuntos
Aves , Comportamento Animal , Dispersão de Sementes , Euterpe/crescimento & desenvolvimento , Mamíferos , Brasil , Floresta Úmida
2.
R. bras. Zoo. ; 18(3): 138-158, set. 2017. mapas, ilus, tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-728741

Resumo

Euterpe edulis Martius (Arecaceae) is considered one of the most important palm trees for the dispersing and pollinating fauna in the Atlantic Forest. However, the predatory exploitation of the palm heart has been causing its decline and extinction throughout the Atlantic Forest. The aim of this study was to identify the interactions between mammals and birds with Juçara palm, as well as contribute to the understanding of the ecological processes of seed dispersal and germination. The study was carried out in the municipality of Maquiné, state of Rio Grande do Sul, in an area of Dense Ombrophylous Forest belonging to Fundação Estadual de Pesquisa Agropecuária (FEPAGRO). Mammals and birds were recorded with six camera traps, focal (tree-focal) observation and transections. Germination experiments were also performed and differences were tested using Biostat 5.3 software. Twelve months of study resulted in over 1300 videos with a sampling effort of 334 camera days. In 1180 videos, the fauna interacted directly with the fruits of E. edulis, totaling 1245 interactions. In 38% of these, fruits were consumed, which were carried in 37% of these records and in 25%, swallowed. In total, 17 species were recorded, 12 birds and five mammals. Of these, small rodents were the ones that consumed or carried the fruits the most (N = 616 or 65%). Of the birds, four Turdus species consumed, swallowed or carried 322 fruits (33%). The percentage and / or the germination speed were significantly higher in regurgitated or pulped seeds by the fauna than in seeds extracted directly from the plant. Large frugivores were eventually recorded, suggesting a defaunation in the study area. The number of interactions verified, however, confirms the ecological importance of E. edulis for the maintenance of the frugivorous guild with occurrence in the locality.(AU)


Euterpe edulis Martius (Arecaceae) é considerada uma das palmeiras mais importantes para a fauna dispersora e polinizadora na Mata Atlântica. Contudo, a exploração predatória do palmito vem causando seu declínio e extinção ao longo da Mata Atlântica. O objetivo deste estudo foi identificar as interações entre mamíferos e aves com E. edulis Mart., bem como contribuir para a compreensão dos processos ecológicos de dispersão e germinação de sementes. O estudo foi realizado no município de Maquiné, RS, em área de Floresta Ombrófila Densa pertencente à Fundação Estadual de Pesquisa Agropecuária (FEPAGRO). Mamíferos e aves foram registrados por meio da utilização de seis armadilhas de filmagem, observação focal (árvore-focal) e transecções. Experimentos de germinação foram também realizados e as diferenças encontradas foram testadas por meio do programa Biostat 5.3. Doze meses de estudo resultaram em mais de 1300 vídeos com um esforço amostral de 334 armadilhas-dia. Em 1180 vídeos, a fauna interagiu diretamente com os frutos de E. edulis, totalizando 1245 interações. Em 38% destas houve consumo dos frutos, os quais foram carregados em 37% desses registros e em 25%, engolidos. No total, foram registradas 17 espécies, 12 de aves e cinco de mamíferos. Destes, os pequenos roedores foram os que mais consumiram ou carregaram os frutos (N=616 ou 65%). Das aves, quatro espécies de Turdus consumiram, engoliram ou carregaram 322 frutos (33%). O percentual e/ou a velocidade de germinação foram significativamente maiores em sementes regurgitadas ou despolpadas pela fauna do que em sementes extraídas diretamente da planta. Grandes frugívoros foram eventualmente registrados, sugerindo um quadro de defaunação na área de estudo. O número de interações constatadas, contudo, confirma a importância ecológica de E. edulis para a manutenção da guilda de frugívoros com ocorrência na localidade.(AU)


Assuntos
Euterpe/crescimento & desenvolvimento , Dispersão de Sementes , Comportamento Animal , Mamíferos , Aves , Floresta Úmida , Brasil
3.
Acta Sci. Biol. Sci. ; 36(2): 241-247, Apr-June. 2014. mapas, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-695379

Resumo

Didelphis albiventris Lund, 1840 is one of the least known Brazilian marsupials with respect to its feeding habits. Since the white-eared opossum is omnivorous, it occupies several niches and may be found in urban areas as well as in forest fragments. Current analysis aimed at determining and comparing the diet of D. albiventris in two periurban areas of the municipality of Viamão, a conserved forest remnant and a degraded area resulting from agricultural activities. Captures of D. albiventris were carried out for a period of 30 months by a sampling effort of 504 trap-nights. Forty fecal samples were collected from 45 captures corresponding to 18 specimens.  Diet was determined by fecal analysis. Fruit was the most representative item, at an occurrence of 77.5%, comprising six species of plants, followed by invertebrates (62.5%) and vertebrates (37.5%). Didelphis albiventris displayed a frugivorous-omnivorous habit, with no difference between the sexes with respect to composition and frequency of the items consumed. Since there was a greater diversity of food items and fruits in the more conserved area, seasonal variations in the diet could be detected. Generalist species, such as D. albiventris, may have an important role in the recovery of degraded areas through the dispersal of seeds of species of initial successional stages.(AU)


Didelphis albiventris Lund, 1840 é um dos marsupiais brasileiros menos conhecidos quanto aos hábitos alimentares. De hábito onívoro, ocupa uma variedade de nichos, sendo encontrado tanto em áreas urbanas quanto em fragmentos florestais. Teve-se como objetivo conhecer e comparar a dieta de D. albiventris em duas áreas periurbanas do município de Viamão: um remanescente florestal conservado e uma área degradada por atividades agropastoris. Foram efetuadas capturas de D. albiventris durante um período de 30 meses, resultando em um esforço amostral de 504 armadilhas-noite. Foram coletadas 40 amostras de fezes decorrentes de 45 capturas correspondentes a 18 indivíduos. A dieta foi determinada através de análise fecal. Com ocorrência de 77,5%, os frutos foram o item mais representativo, compreendendo seis espécies de plantas, seguido de invertebrados, com 62,5%, e vertebrados, com 37,5%. Didelphis albiventris apresentou hábito frugívoro-onívoro, não havendo diferença entre os sexos quanto à composição e frequência dos itens consumidos. Na área mais conservada, obteve-se a mais alta diversidade de itens alimentares e de frutos, encontrando-se variações sazonais na dieta. Espécies generalistas, tais como D. albiventris, podem desempenhar importante papel na recuperação de áreas degradadas, efetuando a dispersão de sementes de espécies de estádios sucessionais iniciais.(AU)


Assuntos
Animais , Didelphis/metabolismo , Ração Animal/análise , Ração Animal , Comportamento Alimentar
4.
Tese em Português | VETTESES | ID: vtt-7802

Resumo

Foram realizados estudos citogenéticos em quatro populações de peixes pertencentes ao gênero Characidium coletados em pequenos tributários da bacia do Rio Grande, sul do Estado de Minas Gerais, Brasil. Os estudos resultaram em dois artigos sendo apresentados seus resumos abaixo: Primeiro Artigo: Divergências Citogenéticas entre duas espécies simpátricas de Characidium, C cf. zebra, da bacia do Rio Grande, Estado de Minas Gerais, Brasil. Foram realizados estudos citogenéticos em duas espécies simpátricas de Characidium, C. gomesi e C. cf. zebra, da bacia do Rio Grande, Estado de Minas Gerais, Brasil. Embora ambas as espécies tenham apresentado um número de cromossomos igual a 50 com um cariótipo que consiste exclusivamente de cromossomos meta e submetacêntricos, uma diversidade interspecífica foi detectada envolvendo o tamanho dos dois primeiros pares de cromossomos cariótipo. RONs ativas foram localizadas em posição terminal no braço longo do 17º par em C. gomesi e em posição subterminal no braço longo do 23º par de C. cf. zebra. O fluorocromo CMA3 marcou somente o par cromossômico portador do RON em ambas as espécies. O padrão de heterocromatina também mostrou alguma diferenciação entre estas espécies, estando restrita as regiões centométricas ou pericentrométricas em C. cf. zebra e praticamente ausente em C. gomesi. Estes dados são discutidos no que diz respeito à diversificação cromossômica neste grupo de peixes. Segundo Artigo: Caracterização do Cariótipo de duas populações alopátricas de Characidium cf. zebra (Pices, Crenuchidae) da bacia do Rio Grande, MG, Brasil. Duas populações de Characidium cf. zebra foram coletadas em tributários da bacia do Rio Grande e analisadas sob o aspecto citogenético. Ambas as populações de Characidium cf. zebra estudadas apresentaram a mesma estrutura cariotípica, com número diplóide de 2n = 50 cromossomos meta e submetacêntricos e número fundamental igual a 100. O bandeamento C evidenciou a heterocromatina somente na região centromérica. Resultados das análises da região organizadora de nucleólos, obtidas pela marcação com o nitrato de prata, evidenciaram as mesmas na posição terminal do braço longo de um pequeno par de cromicina A3 (CMA3) mostrou regiões ricas em pares de bases GC no par de cromossomos marcado pelo RON em ambas as populações e em um cromossomo metacêntrico na posição terminal no braço longo na população do córrego do Coqueiro. Alguns aspectos relacionados a composição cromossômica de Characidium cf. zebra são discutidos

SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA