Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 18 de 18
Filtrar
1.
Rev. bras. ciênc. vet ; 29(4): 159-163, out./dez. 2022. il.
Artigo em Português | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1426889

Resumo

O complexo de desordens hiperostóticas é uma condição rara e autolimitante, que tem as mesmas características histopatológicas, que cursa com proliferação óssea de caráter não neoplásico. Acomete cães jovens de raças distintas, com variabilidade quanto ao tipo de proliferação óssea e quanto aos ossos acometidos. O complexo é composto pela osteopatia craniomandibular, hiperostose da calota craniana e osteodistrofia hipertrófica. Podendo estar presente nos ossos da calota craniana, mandíbulas, coluna cervical e esqueleto apendicular. O presente relato, descreveu o quadro de uma cadela, da raça American Bully, não castrada, três meses de idade, que foi atendida com queixa de aumento de volume doloroso das mandíbulas, hiporexia e sialorreia há 15 dias, apresentando ao exame físico, amplitude de movimento diminuída e sensibilidade dolorosa da articulação temporomandibular, espessamento firme bilateral do crânio em região de fossa temporal, espessamento palpável de consistência firme das mandíbulas e crepitação respiratória. Após avaliação clínica e realização de exames complementares, chegou-se ao diagnóstico presuntivo, de complexo de desordens hiperostóticas. Foi instituído como conduta terapêutica o suporte analgésico, sendo eficaz para a manutenção das necessidades fisiológicas até a paciente alcançar a fase adulta. O prognóstico para esta paciente foi considerado bom, uma vez que não havia indícios de anquilose da articulação temporomandibular e/ou manifestações neurológicas.


The complex of hyperostotic disorders is a rare and self-limiting condition, which has the same histophatological characteristics, which courses with non-neoplastic bone proliferations. It affects young dogs of different breeds, with variability the bones affected. The complex is composed of craniomandibular osteopathy, calvarial hyperostotic syndrome and hypertrophic osteodystrophy. It may be present in the bones of the skullcap, jaws, cervical spine and appendicular skeleton. The present report describes the condition of a female dog, American Bully breed, entire, three months old, with a complaint of painful swelling of the jaws, hyporexia and drooling for 15 days, presenting on physical examination, reduced amplitude and pain of the temporomandibular joint, bilateral firm thickening of the skull in the temporal fossa region, palpable firm-consistent thickening of the mandibles and respiratory crackle. After clinical evaluation and complementary tests, a presumptive diagnosis of hyperostotic disorders complex was reached. It was instituted pain management as a treatment, being effective for the maintenance of physiological needs until the patient reaches the adulthood. The prognosis for this patient was considered good, since there was no evidence of temporomandibular joint ankylosis and/or neurological manifestations.


Assuntos
Animais , Cães , Articulação Temporomandibular/anormalidades , Desenvolvimento Ósseo , Hiperostose/veterinária , Transtornos Craniomandibulares/veterinária , Cães/anormalidades , Ossos Faciais/patologia , Analgésicos/uso terapêutico
2.
Arq. Ciênc. Vet. Zool. UNIPAR (Online) ; 23(1, cont.): e2309, 20200000. tab
Artigo em Português | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1129312

Resumo

A diabetes mellitus (DM) é uma doença comum na rotina veterinária, de caráter multifatorial, gerando graves consequências na saúde dos pacientes acometidos. O diagnóstico é possível por meio de manifestações clínicas apresentadas e da realização de exames laboratoriais complementares. Entre esses exames, estão a dosagem da glicose sérica e a urinálise, as quais trazem ao clínico diversas informações, que podem ser correlacionadas aos demais achados, tornando possível o diagnóstico conclusivo de DM. Dessa forma, o presente trabalho teve como objetivo avaliar as alterações urinárias e de glicemia em cães com DM. Para isto, foram analisados laudos de amostras urinárias e de glicose sérica de 15 animais, onde o diagnóstico foi conclusivo para DM. Verificou-se presença de glicosúria em 100% dos casos, sendo observado em 66,67% das amostras glicosúria maior que 1000 mg/dL e, em 33,33% amostras, de 500 mg/dL; a cetonúria esteve presente em 66,67 %; proteinúria em 66,67% e bacteriúria presente em 73,33 dos dados analisados. Já a hiperglicemia foi constatada em 13 pacientes (86,67%). Assim, conclui-se que a urinálise é um exame de suma importância para o estabelecimento do diagnóstico, da melhor terapêutica para cada caso e do prognóstico dos pacientes.(AU)


Diabetes mellitus (DM) is a common disease on the veterinary routine. It has a multifactorial character generating severe consequences on the health of the patient. It can be diagnosed by clinical manifestations and by making additional laboratory tests. These tests include the measurement of serum glucose and urinalysis, which provides the physician with additional information to be correlated with other findings, in order to reach a conclusive diagnosis of DM. Therefore, this study aimed at evaluating urinary and glycemic alterations in dogs with DM. It analyzed reports of urine and serum glucose samples from 15 animals with a conclusive diagnosis for DM. Glycosuria was present in 100% of the cases. In addition, it was also observed that in 66.67% of the samples, glycosuria was higher than 1000 mg/dL, and in 33.33%, it was 500 mg/dL. Ketonuria was present in 66.67% of the samples, while proteinuria was observed in 66.67%. Bacteriuria was present in 73.33% of the samples on the analyzed data. Hyperglycemia was observed in 13 of these patients (86.67%), and thus, it can be concluded that urinalysis is an extremely important test for diagnosis, to choose the best therapy for each case and prognosis of the patients.(AU)


Diabetes mellitus (DM) es una enfermedad común en la rutina veterinaria, con un carácter multifactorial, que genera graves consecuencias en la salud de los pacientes afectados. El diagnóstico es posible a través de las manifestaciones clínicas presentadas y mediante realización de pruebas de laboratorio complementarias. Entre esas pruebas, están la medición de la glucosa en suero y el análisis de orina, que brindan al médico informaciones diversas que pueden ser correlacionadas a otros hallazgos, lo que permite hacer un diagnóstico concluyente de DM. Por lo tanto, el presente estudio tuvo como objetivo evaluar las alteraciones urinarias y glucémicas en perros con DM. Para esto, se analizaron informes de muestras de glucosa en suero y orina de 15 animales, donde el diagnóstico fue concluyente para DM. La glucosuria estuvo presente en el 100% de los casos, observándose en el 66,67% de las muestras glucosuria mayor de 1000 mg / dL y, en el 33,33% de las muestras, de 500 mg / dL; la cetonuria estuvo presente en 66.67%; proteinuria en 66.67% y bacteriuria presente en 73.33 de los datos analizados. Se observó hiperglucemia en 13 de esos pacientes (86,67%). Por lo tanto, se concluye que el análisis de orina es una prueba extremadamente importante para establecer el diagnóstico, el mejor tratamiento para cada caso y el pronóstico de los pacientes.(AU)


Assuntos
Animais , Cães , Urina , Urinálise , Diabetes Mellitus/diagnóstico , Cães/fisiologia , Cetose/diagnóstico
3.
Arq. ciênc. vet. zool. UNIPAR ; 23: e2309, 20200000. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-29419

Resumo

A diabetes mellitus (DM) é uma doença comum na rotina veterinária, de caráter multifatorial, gerando graves consequências na saúde dos pacientes acometidos. O diagnóstico é possível por meio de manifestações clínicas apresentadas e da realização de exames laboratoriais complementares. Entre esses exames, estão a dosagem da glicose sérica e a urinálise, as quais trazem ao clínico diversas informações, que podem ser correlacionadas aos demais achados, tornando possível o diagnóstico conclusivo de DM. Dessa forma, o presente trabalho teve como objetivo avaliar as alterações urinárias e de glicemia em cães com DM. Para isto, foram analisados laudos de amostras urinárias e de glicose sérica de 15 animais, onde o diagnóstico foi conclusivo para DM. Verificou-se presença de glicosúria em 100% dos casos, sendo observado em 66,67% das amostras glicosúria maior que 1000 mg/dL e, em 33,33% amostras, de 500 mg/dL; a cetonúria esteve presente em 66,67 %; proteinúria em 66,67% e bacteriúria presente em 73,33 dos dados analisados. Já a hiperglicemia foi constatada em 13 pacientes (86,67%). Assim, conclui-se que a urinálise é um exame de suma importância para o estabelecimento do diagnóstico, da melhor terapêutica para cada caso e do prognóstico dos pacientes.(AU)


Diabetes mellitus (DM) is a common disease on the veterinary routine. It has a multifactorial character generating severe consequences on the health of the patient. It can be diagnosed by clinical manifestations and by making additional laboratory tests. These tests include the measurement of serum glucose and urinalysis, which provides the physician with additional information to be correlated with other findings, in order to reach a conclusive diagnosis of DM. Therefore, this study aimed at evaluating urinary and glycemic alterations in dogs with DM. It analyzed reports of urine and serum glucose samples from 15 animals with a conclusive diagnosis for DM. Glycosuria was present in 100% of the cases. In addition, it was also observed that in 66.67% of the samples, glycosuria was higher than 1000 mg/dL, and in 33.33%, it was 500 mg/dL. Ketonuria was present in 66.67% of the samples, while proteinuria was observed in 66.67%. Bacteriuria was present in 73.33% of the samples on the analyzed data. Hyperglycemia was observed in 13 of these patients (86.67%), and thus, it can be concluded that urinalysis is an extremely important test for diagnosis, to choose the best therapy for each case and prognosis of the patients.(AU)


Diabetes mellitus (DM) es una enfermedad común en la rutina veterinaria, con un carácter multifactorial, que genera graves consecuencias en la salud de los pacientes afectados. El diagnóstico es posible a través de las manifestaciones clínicas presentadas y mediante realización de pruebas de laboratorio complementarias. Entre esas pruebas, están la medición de la glucosa en suero y el análisis de orina, que brindan al médico informaciones diversas que pueden ser correlacionadas a otros hallazgos, lo que permite hacer un diagnóstico concluyente de DM. Por lo tanto, el presente estudio tuvo como objetivo evaluar las alteraciones urinarias y glucémicas en perros con DM. Para esto, se analizaron informes de muestras de glucosa en suero y orina de 15 animales, donde el diagnóstico fue concluyente para DM. La glucosuria estuvo presente en el 100% de los casos, observándose en el 66,67% de las muestras glucosuria mayor de 1000 mg / dL y, en el 33,33% de las muestras, de 500 mg / dL; la cetonuria estuvo presente en 66.67%; proteinuria en 66.67% y bacteriuria presente en 73.33 de los datos analizados. Se observó hiperglucemia en 13 de esos pacientes (86,67%). Por lo tanto, se concluye que el análisis de orina es una prueba extremadamente importante para establecer el diagnóstico, el mejor tratamiento para cada caso y el pronóstico de los pacientes.(AU)


Assuntos
Animais , Cães , Urina , Urinálise , Diabetes Mellitus/diagnóstico , Cães/fisiologia , Cetose/diagnóstico
4.
Artigo em Inglês | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1471131

Resumo

This study aimed to grade joint abnormalities in horses submitted to therapeutic arthroscopy using score-based protocols for equine joint assessment, correlated with arthroscopic treatment outcomes and owner satisfaction. In this prospective study, we evaluated 126 joints of athletic horses referred for arthroscopy. The joints were scored according to findings of medical history and physical, radiographic, ultrasonographic and arthroscopic examination. Lameness, positive response to flexion test and decreased maximum joint flexion angle were detected in more than 50% of joints. Soft tissue swelling, sclerosis, subchondral bone osteolysis and single osteochondral fragments were the most common radiographic findings. Ultrasonographic examination revealed changes in synovial fluid volume and appearance, and subchondral bone irregularities. Increased vascularity of the synovial villi, chondral fibrillation, chondral fissures and superficial cartilage erosions were the most significant arthroscopic findings. The approaches that demonstrated greater sensitivity and correlation with treatment outcome and owner satisfaction were medical history, ultrasonographic and arthroscopic examination. The scoring protocol employed to grade joint abnormalities enabled the creation of a joint score system for the objective assessment, thus determining the most frequent findings and establishing an


O objetivo desse estudo foi avaliar as anormalidades articulares observadas em equinos submetidos à artroscopia terapêutica, utilizando protocolos baseados em pontuações e correlacionando os resultados do tratamento cirúrgico com a satisfação do proprietário. Neste estudo prospectivo, foram avaliadas 126 articulações de cavalos atletas, encaminhados para artroscopia. As articulações foram pontuadas de acordo com os achados da anamnese e exame físico, exame radiográfico, exame ultrassonográfico e avaliação artroscópica. A claudicação, resposta positiva ao teste de flexão e diminuição do ângulo máximo de flexão articular foram detectados em mais de 50% das articulações. Aumento de volume dos tecidos moles, esclerose subcondral, osteólise subcondral e fragmentos osteocondrais únicos foram os achados radiográficos mais comuns. O exame ultrassonográfico revelou, com frequência, as alterações no volume e na aparência do líquido sinovial, além de irregularidades osteocondrais. O aumento da vascularização das vilosidades sinoviais, fibrilação condral, fissuras condrais e erosões superficiais da cartilagem foram os achados artroscópicos mais significativos. As abordagens diagnósticas que demonstraram maior sensibilidade e melhor correlação entre o resultado do tratamento e satisfação do proprietário foram história médica, exame ultrassonográfico e artroscópico. O protocolo de avaliação

5.
Artigo em Inglês | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1471158

Resumo

This study aimed to grade joint abnormalities in horses submitted to therapeutic arthroscopy using score-based protocols for equine joint assessment, correlated with arthroscopic treatment outcomes and owner satisfaction. In this prospective study, we evaluated 126 joints of athletic horses referred for arthroscopy. The joints were scored according to findings of medical history and physical, radiographic, ultrasonographic and arthroscopic examination. Lameness, positive response to flexion test and decreased maximum joint flexion angle were detected in more than 50% of joints. Soft tissue swelling, sclerosis, subchondral bone osteolysis and single osteochondral fragments were the most common radiographic findings. Ultrasonographic examination revealed changes in synovial fluid volume and appearance, and subchondral bone irregularities. Increased vascularity of the synovial villi, chondral fibrillation, chondral fissures and superficial cartilage erosions were the most significant arthroscopic findings. The approaches that demonstrated greater sensitivity and correlation with treatment outcome and owner satisfaction were medical history, ultrasonographic and arthroscopic examination. The scoring protocol employed to grade joint abnormalities enabled the creation of a joint score system for the objective assessment, thus determining the most frequent findings and establishing an


O objetivo desse estudo foi avaliar as anormalidades articulares observadas em equinos submetidos à artroscopia terapêutica, utilizando protocolos baseados em pontuações e correlacionando os resultados do tratamento cirúrgico com a satisfação do proprietário. Neste estudo prospectivo, foram avaliadas 126 articulações de cavalos atletas, encaminhados para artroscopia. As articulações foram pontuadas de acordo com os achados da anamnese e exame físico, exame radiográfico, exame ultrassonográfico e avaliação artroscópica. A claudicação, resposta positiva ao teste de flexão e diminuição do ângulo máximo de flexão articular foram detectados em mais de 50% das articulações. Aumento de volume dos tecidos moles, esclerose subcondral, osteólise subcondral e fragmentos osteocondrais únicos foram os achados radiográficos mais comuns. O exame ultrassonográfico revelou, com frequência, as alterações no volume e na aparência do líquido sinovial, além de irregularidades osteocondrais. O aumento da vascularização das vilosidades sinoviais, fibrilação condral, fissuras condrais e erosões superficiais da cartilagem foram os achados artroscópicos mais significativos. As abordagens diagnósticas que demonstraram maior sensibilidade e melhor correlação entre o resultado do tratamento e satisfação do proprietário foram história médica, exame ultrassonográfico e artroscópico. O protocolo de avaliação

6.
R. cient. eletr. Med. Vet. ; (31)jul. 2018. tab, ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-738122

Resumo

O Hepatozoon spp. é um hemoparasita de cães, descrito em várias regiões do Brasil entre elas, São Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul, no entanto não há citações no estado do Paraná. Desta forma, relatou-se um caso de diagnóstico laboratorial de hepatozoonose trazendo informações sobre a doença e da importância do exame laboratorial pela visualização das inclusões em leucócitos pela microscopia óptica durante o hemograma.(AU)


Hepatozoon spp. is a hemoparasite of dogs, described in several regions of Brazil among them, São Paulo, Rio de Janeiro and Rio Grande do Sul, however there are no citations in the state of Paraná. In this way, a case of laboratory diagnosis of hepatozoonosis was reported, bringing information about the disease and the importance of the laboratory examination by the visualization of the inclusions in leukocytes by light microscopy during the hemogram.(AU)


Assuntos
Animais , Cães , Apicomplexa , Leucócitos , Parasitologia , Rhipicephalus sanguineus , Microscopia/veterinária , Contagem de Células Sanguíneas/veterinária , Brasil
7.
Rev. cient. eletrônica med. vet ; (31)jul. 2018. tab, ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1494304

Resumo

O Hepatozoon spp. é um hemoparasita de cães, descrito em várias regiões do Brasil entre elas, São Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul, no entanto não há citações no estado do Paraná. Desta forma, relatou-se um caso de diagnóstico laboratorial de hepatozoonose trazendo informações sobre a doença e da importância do exame laboratorial pela visualização das inclusões em leucócitos pela microscopia óptica durante o hemograma.


Hepatozoon spp. is a hemoparasite of dogs, described in several regions of Brazil among them, São Paulo, Rio de Janeiro and Rio Grande do Sul, however there are no citations in the state of Paraná. In this way, a case of laboratory diagnosis of hepatozoonosis was reported, bringing information about the disease and the importance of the laboratory examination by the visualization of the inclusions in leukocytes by light microscopy during the hemogram.


Assuntos
Animais , Cães , Apicomplexa , Leucócitos , Parasitologia , Brasil , Contagem de Células Sanguíneas/veterinária , Microscopia/veterinária , Rhipicephalus sanguineus
8.
Vet. Foco ; 15(1): 54-58, jul.-dez. 2017. ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-21793

Resumo

The present report describes the case of a male adult Dorper sheep with abdominal distention. The animal had already presented several episodes of bloat. Ruminocentesis was performed and there was a lot of gas output. An attempt was made to pass an orogastric tube up to the rumen in order to remove the content, but there was no progression. Contrast radiograph revealed esophageal dilation, accumulation of contrast in the esophageal lumen and ventral displacement of the trachea, suggesting megaesophagus. The patient still had signs of pneumonia resulting from aspiration of regurgitated content. The animal was submitted to euthanasia and in necropsy, there was enlargement of esophageal diameter and food content inside. Microscopic examination showed edema at lamina propria and submucosa of the esophagus. Megaesophagus diagnosis was based on clinical signs associated with findings from contrast radiograph and post-mortem exam.(AU)


O presente relato descreve o caso de um ovino adulto Dorper com distensão abdominal. O animal já havia apresentado vários episódios de timpanismo. Inicialmente realizou-se rumenocentese devido à intensa produção de gás e, então, tentou-se passar uma sonda orogástrica para remover o conteúdo ruminal, mas não houve progressão. A radiografia contrastada revelou dilatação esofágica, acúmulo de contraste na luz do esôfago e deslocamento ventral da traqueia, sugerindo megaesôfago. O paciente ainda apresentava pneumonia resultante da aspiração de conteúdo regurgitado. O animal foi submetido à eutanásia e necropsia com observação de aumento do diâmetro esofágico e acúmulo de conteúdo alimentar na luz. O exame microscópico mostrou edema na lâmina própria e submucosa do esôfago. O diagnóstico de megaesôfago foi baseado nas manifestações clínicas associadas aos resultados da radiografia contrastada e exame post mortem.(AU)


Assuntos
Animais , Ovinos , Acalasia Esofágica/veterinária , Acalasia Esofágica/fisiopatologia , Doenças do Esôfago/veterinária
9.
Vet. foco ; 15(1): 54-58, jul.-dez. 2017. ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1502677

Resumo

The present report describes the case of a male adult Dorper sheep with abdominal distention. The animal had already presented several episodes of bloat. Ruminocentesis was performed and there was a lot of gas output. An attempt was made to pass an orogastric tube up to the rumen in order to remove the content, but there was no progression. Contrast radiograph revealed esophageal dilation, accumulation of contrast in the esophageal lumen and ventral displacement of the trachea, suggesting megaesophagus. The patient still had signs of pneumonia resulting from aspiration of regurgitated content. The animal was submitted to euthanasia and in necropsy, there was enlargement of esophageal diameter and food content inside. Microscopic examination showed edema at lamina propria and submucosa of the esophagus. Megaesophagus diagnosis was based on clinical signs associated with findings from contrast radiograph and post-mortem exam.


O presente relato descreve o caso de um ovino adulto Dorper com distensão abdominal. O animal já havia apresentado vários episódios de timpanismo. Inicialmente realizou-se rumenocentese devido à intensa produção de gás e, então, tentou-se passar uma sonda orogástrica para remover o conteúdo ruminal, mas não houve progressão. A radiografia contrastada revelou dilatação esofágica, acúmulo de contraste na luz do esôfago e deslocamento ventral da traqueia, sugerindo megaesôfago. O paciente ainda apresentava pneumonia resultante da aspiração de conteúdo regurgitado. O animal foi submetido à eutanásia e necropsia com observação de aumento do diâmetro esofágico e acúmulo de conteúdo alimentar na luz. O exame microscópico mostrou edema na lâmina própria e submucosa do esôfago. O diagnóstico de megaesôfago foi baseado nas manifestações clínicas associadas aos resultados da radiografia contrastada e exame post mortem.


Assuntos
Animais , Acalasia Esofágica/fisiopatologia , Acalasia Esofágica/veterinária , Ovinos , Doenças do Esôfago/veterinária
10.
Rev. cient. eletrônica med. vet ; (29): [s.p.], jul. 2017. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1494247

Resumo

O ciclo estral de cadelas é influenciado por diversos hormônios que além das alterações uterinas, causamefeitos sistêmicos, como é o caso da progesterona, que leva à resistência a insulina, reduzindo sua ligaçãoaos receptores celulares e assim, o transporte de glicose nos tecidos. Com o objetivo de auxiliar os médicosveterinários da prática clínica, este estudo propôs relacionar as alterações hematológicas e concentração deglicose plasmática nas diferentes fases do ciclo estral de cadelas, identificando a fase do ciclo por citologiavaginal. Os resultados obtidos não tiveram significância estatística, porém demonstraram discreto aumentona glicose durante a fase progesterônica.


The estrous cycle of bitches is influenced by several hormones that, in addition to uterine changes, causesystemic effects, such as progesterone, which leads to insulin resistance, reducing its binding to cellularreceptors and thus, the transport of glucose into tissues. With the objective of assisting veterinarians inclinical practice, this study proposed to relate the hematological changes and plasma glucose concentrationin the different phases of the estral cycle of bitches, identifying the phase of the cycle by vaginal cytology.The results obtained were not statistically significant, but showed a slight increase in glucose during theprogesterone phase.


Assuntos
Feminino , Animais , Ciclo Estral , Células Sanguíneas/citologia , Glicemia/análise
11.
Acta Vet. Brasilica ; 10(3): 266-272, 2016. ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1453047

Resumo

Um cão, sem raça definida, de seis anos de idade foi encaminhado após episódio de trauma torácico por mordedura, com posterior aumento de volume em região, para a realização de exame radiográfico torácico, devido à tosse seca após esforço físico ou posicionamento em decúbito dorsal. Foi evidenciada uma protrusão pulmonar através do quinto espaço intercostal esquerdo por meio das radiografias. Foi realizada a toracotomia intercostal com ressecção de porção cranial do lobo pulmonar cranial esquerdo e correção da eventração. As radiografias torácicas pós-operatórias confirmaram expansão normal do lobo cranial esquerdo remanescente. A eventração de lobo pulmonar intercostal deve ser considerada diagnóstico diferencial nos casos de aumento de volume torácico e episódios de trauma.


A mixed breed dog, six years old was referred, after an episode of thoracic trauma bite, with posterior swelling in the thoracic region, to perform chest radiographs due to dry cough after physical exertion or dorsal position. Through radiographs, pulmonary protrusion through the fifth left intercostal space was observed. Thoracotomy and resection of cranial portion of the left cranial pulmonary lobe and eventration repair were performed. Postoperative chest radiographs confirmed the normal expansion of the remaining left cranial lobe. The intercostal eventration should be considered a differential diagnosis in cases of increased thoracic volume and episodes of trauma.


Assuntos
Animais , Cães , Traumatismos Torácicos , Traumatismos Torácicos/veterinária , Radiografia/veterinária , Toracotomia/veterinária , Ultrassonografia/veterinária
12.
Acta Vet. bras. ; 10(3): 266-272, 2016. ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-341560

Resumo

Um cão, sem raça definida, de seis anos de idade foi encaminhado após episódio de trauma torácico por mordedura, com posterior aumento de volume em região, para a realização de exame radiográfico torácico, devido à tosse seca após esforço físico ou posicionamento em decúbito dorsal. Foi evidenciada uma protrusão pulmonar através do quinto espaço intercostal esquerdo por meio das radiografias. Foi realizada a toracotomia intercostal com ressecção de porção cranial do lobo pulmonar cranial esquerdo e correção da eventração. As radiografias torácicas pós-operatórias confirmaram expansão normal do lobo cranial esquerdo remanescente. A eventração de lobo pulmonar intercostal deve ser considerada diagnóstico diferencial nos casos de aumento de volume torácico e episódios de trauma.(AU)


A mixed breed dog, six years old was referred, after an episode of thoracic trauma bite, with posterior swelling in the thoracic region, to perform chest radiographs due to dry cough after physical exertion or dorsal position. Through radiographs, pulmonary protrusion through the fifth left intercostal space was observed. Thoracotomy and resection of cranial portion of the left cranial pulmonary lobe and eventration repair were performed. Postoperative chest radiographs confirmed the normal expansion of the remaining left cranial lobe. The intercostal eventration should be considered a differential diagnosis in cases of increased thoracic volume and episodes of trauma.(AU)


Assuntos
Animais , Cães , Traumatismos Torácicos , Traumatismos Torácicos/veterinária , /veterinária , Toracotomia/veterinária , Ultrassonografia/veterinária , Radiografia/veterinária
13.
Clín. Vet. ; 22(128): 70-78, mai./jun. 2017. ilus, tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-690875

Resumo

A anemia hemolítica imunomediada leva à remoção prematura dos eritrócitos. Considerada reação de hipersensibilidade tipo 2, nela os eritrócitos estão recobertos por anticorpos ou complemento e são fagocitados no baço ou lisados nos vasos sanguíneos. É primária, quando as causas são desconhecidas, ou secundária, quando decorre de antígenos externos. O diagnóstico é terapêutico ou pelo teste de Coombs direto positivo e achados laboratoriais, como anemia moderada a grave de regeneração variável, policromasia, esferocitose, aglutinação de hemácias, hiperbilirrubinemia e hemoglobinúria. O tratamento é feito com doses imunossupressoras de anti-inflamatórios esteroidais, como a prednisona. Relata-se o caso de uma cadela com anemia hemolítica imunomediada primária, apresentando quadro de início agudo, apatia, dispneia, dor à palpação abdominal, esplenomegalia e mucosas pálidas. O teste de Coombs direto foi positivo. Utilizou-se prednisona, com resposta desfavorável, seguida pela associação de outros fármacos. Com a evolução desfavorável e mau prognóstico, o proprietário optou pela eutanásia.(AU)


Immune-mediated hemolytic anemia leads to the premature removal of erythrocytes. It is a type 2 hypersensitivity reaction in which erythrocytes are covered by antibodies or complement and are phagocytized in the spleen or Iysed within the blood vessels. It is considered of primary origin when the causes of the onset of the disease are unknown, or regarded as secondary when resulting from external antigens. The diagnosis may be therapeutic or based on the direct positive Coombs test in conjunction with laboratory findings, such as moderate to severe variable regeneration anemia, polychromasia, spherocytosis, red blood cell agglutination, hyperbilirubinemia, and hemoglobinuria. Treatment is based on immunosuppressive doses of steroidal anti-inflammatory drugs such as prednisone. This paper reports the case of an acute onset in a dog diagnosed with primary immune-mediated hemolytic anemia, presenting apathy, dyspnea, pain upon abdominal palpation, splenomegaly and pale mucous membranes. Coombs direct test was positive. Treatment started with prednisone, but as the response was not favorable, other drugs were associated to it. Evolution was unfavorable and the owner opted for euthanasia due to poor prognosis.(AU)


La anemia hemolítica inmunomediada provoca una eliminación prematura de eritrocitos. Considerada como reacción de hipersensibilidad tipo 2, los eritrocitos están cubiertos por anticuerpos o complemento, que sufren un proceso de fagocitosis en el bazo, o bien pueden ser lisados en el interior de los vasos sanguíneos. Se dice que la enfermedad es de tipo primaria cuando sus causas son desconocidas, y secundaria, en aquellos casos provocados por antígenos externos. El diagnóstico puede ser terapéutico o a través de la prueba de Coombs y otros resultados de laboratorio, como una anemia moderada a grave de diferentes grados de regeneración, policromasia, esferocitosis, aglutinación de eritrocitos, hiperbilirrubinemia y hemoglobinuria. El tratamiento se realiza con dosis inmunosupresoras de antiinflamatorios esteroides, como la prednisona. Se relata el caso de una perra de un ano con un cuadro agudo de anemia hemolítica inmunomediada primaria, que presentaba apatía, disnea, dolor abdominal, esplenomegalia y mucosas pálidas. La prueba de Coombs directa dio positiva. La prednisona no provocó la respuesta esperada, 10 que llevó a la asociación con otros fármacos. Debido a la evolución desfavorable y el mal pronóstico, el propietario decidió por la eutanasia del paciente.(AU)


Assuntos
Animais , Feminino , Cães , Anemia Hemolítica/veterinária , Imunossupressores/uso terapêutico , Anti-Inflamatórios/uso terapêutico , Prednisona , Autoanticorpos , Aglutinação , Teste de Coombs/veterinária , Hemólise
14.
Clín. Vet. (São Paulo, Ed. Port.) ; 22(128): 70-78, mai./jun. 2017. ilus, tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1481090

Resumo

A anemia hemolítica imunomediada leva à remoção prematura dos eritrócitos. Considerada reação de hipersensibilidade tipo 2, nela os eritrócitos estão recobertos por anticorpos ou complemento e são fagocitados no baço ou lisados nos vasos sanguíneos. É primária, quando as causas são desconhecidas, ou secundária, quando decorre de antígenos externos. O diagnóstico é terapêutico ou pelo teste de Coombs direto positivo e achados laboratoriais, como anemia moderada a grave de regeneração variável, policromasia, esferocitose, aglutinação de hemácias, hiperbilirrubinemia e hemoglobinúria. O tratamento é feito com doses imunossupressoras de anti-inflamatórios esteroidais, como a prednisona. Relata-se o caso de uma cadela com anemia hemolítica imunomediada primária, apresentando quadro de início agudo, apatia, dispneia, dor à palpação abdominal, esplenomegalia e mucosas pálidas. O teste de Coombs direto foi positivo. Utilizou-se prednisona, com resposta desfavorável, seguida pela associação de outros fármacos. Com a evolução desfavorável e mau prognóstico, o proprietário optou pela eutanásia.


Immune-mediated hemolytic anemia leads to the premature removal of erythrocytes. It is a type 2 hypersensitivity reaction in which erythrocytes are covered by antibodies or complement and are phagocytized in the spleen or Iysed within the blood vessels. It is considered of primary origin when the causes of the onset of the disease are unknown, or regarded as secondary when resulting from external antigens. The diagnosis may be therapeutic or based on the direct positive Coombs test in conjunction with laboratory findings, such as moderate to severe variable regeneration anemia, polychromasia, spherocytosis, red blood cell agglutination, hyperbilirubinemia, and hemoglobinuria. Treatment is based on immunosuppressive doses of steroidal anti-inflammatory drugs such as prednisone. This paper reports the case of an acute onset in a dog diagnosed with primary immune-mediated hemolytic anemia, presenting apathy, dyspnea, pain upon abdominal palpation, splenomegaly and pale mucous membranes. Coombs direct test was positive. Treatment started with prednisone, but as the response was not favorable, other drugs were associated to it. Evolution was unfavorable and the owner opted for euthanasia due to poor prognosis.


La anemia hemolítica inmunomediada provoca una eliminación prematura de eritrocitos. Considerada como reacción de hipersensibilidad tipo 2, los eritrocitos están cubiertos por anticuerpos o complemento, que sufren un proceso de fagocitosis en el bazo, o bien pueden ser lisados en el interior de los vasos sanguíneos. Se dice que la enfermedad es de tipo primaria cuando sus causas son desconocidas, y secundaria, en aquellos casos provocados por antígenos externos. El diagnóstico puede ser terapéutico o a través de la prueba de Coombs y otros resultados de laboratorio, como una anemia moderada a grave de diferentes grados de regeneración, policromasia, esferocitosis, aglutinación de eritrocitos, hiperbilirrubinemia y hemoglobinuria. El tratamiento se realiza con dosis inmunosupresoras de antiinflamatorios esteroides, como la prednisona. Se relata el caso de una perra de un ano con un cuadro agudo de anemia hemolítica inmunomediada primaria, que presentaba apatía, disnea, dolor abdominal, esplenomegalia y mucosas pálidas. La prueba de Coombs directa dio positiva. La prednisona no provocó la respuesta esperada, 10 que llevó a la asociación con otros fármacos. Debido a la evolución desfavorable y el mal pronóstico, el propietario decidió por la eutanasia del paciente.


Assuntos
Feminino , Animais , Cães , Aglutinação , Anemia Hemolítica/veterinária , Anti-Inflamatórios/uso terapêutico , Autoanticorpos , Imunossupressores/uso terapêutico , Prednisona , Hemólise , Teste de Coombs/veterinária
15.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1432610

Resumo

A diabetes mellitus (DM) é uma doença comum na rotina veterinária, de caráter multifatorial, gerando graves consequências na saúde dos pacientes acometidos. O diagnóstico é possível por meio manifestações clínicas apresentadas e da realização de exames laboratoriais complementares. Entre estes exames, estão a dosagem da glicose sérica e a urinálise, as quais trazem ao clínico diversas informações, que podem ser correlacionadas aos demais achados, tornando possível o diagnóstico conclusivo de DM. Desta forma, o presente trabalho teve como objetivo avaliar as alterações urinárias e de glicemia em cães com DM. Para isto, foram analisados laudos de amostras urinárias e de glicose sérica de 15 animais, onde o diagnóstico foi conclusivo para DM. Verificou-se presença de glicosúria em 100% dos casos, sendo observado em 66,67% das amostras glicosúria maior que 1000 mg/dL e, em 33,33% amostras, de 500 mg/dL; a cetonúria esteve presente em 66,67 %; proteinúria em 66,67% e bacteriúria presente em 73,33 dos dados analisados. Já a hiperglicemia foi constatada em 13 pacientes (86,67%). Assim, conclui-se que a urinálise é um exame de suma importância para o estabelecimento do diagnóstico, da melhor terapêutica para cada caso e do prognóstico dos pacientes.

16.
Semina ciênc. agrar ; 23(1): 15-19, 2002.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1433059

Resumo

The purpose of this work was to evaluate the immune response in goats with different degrees of gastrintestinal nematode infection. Ninety adult animals naturally infected were grouped according to the total egg count per feces gram (EPG): group I from zero to 500 EPG, group II from 501 to 2000 and group III above 2000. The parameters studied were serum total protein (STP), evaluated by biuret method; globulin (Glob), calculated by the difference between STP and serum albumin; gammaglobulin (Gglob), estimated throughout electrophoresis; immunoglobulin (Ig), estimated by turbidometry test with ZnSO4 and absolute lymphocyte count (Lymp / ml). It was found statistically decrease in three parameters (STP, Ig and Lymp / ml) for group III. For Glob and Gglob, the decrease found was not statistically significant. These results show a depressor effect of nematode infection on humoral immune system. The intense dispersion of Glob and Gglob data can explain the not significant decrease found in those parameters. It was concluded that goats with intense nematode infection (above 2000 EPG) can show immunedepression, with impairment of lymphocyte count and serum antibody level.


O objetivo deste trabalho foi estudar a resposta imunológica em caprinos com vários graus de verminose gastrintestinal. Foram utilizados 90 animais adultos, naturalmente infectados, divididos em três grupos de 30 animais cada e separados segundo a contagem de ovos por grama de fezes (OPG): grupo I de zero a 500 OPG; grupo II de 501 a 2.000 OPG e o grupo III maior que 2.000 OPG. As variáveis estudadas foram: a dosagem de proteínas séricas totais (PST), avaliada pelo método do biureto; globulinas (Glob), calculada pela diferença entre a proteína total e a albumina sérica; gamaglobulinas (Gglob), medidas pela eletroforese; imunoglobulinas (Ig), dosadas pelo teste da turbidimetria com ZnSO4 e a contagem absoluta de linfócitos (Linfo/mL). Observou-se que em três destes parâmetros (PST, Ig e Linfo/mL) houve queda estatisticamente significativa para o grupo mais infectado. Para a Glob e Gglob a queda não foi significativa. A diminuição destes parâmetros denota um efeito depressor da helmintose sobre o sistema imune humoral. O fato da dosagem de Glob e Gglob não ser estatisticamente menor pode ser explicado pela ocorrência de uma maior dispersão destes resultados. Conclui-se, assim, que caprinos acometidos de intensa helmintose gastrintestinal (acima de 2000 OPG) mostraram-se imunodeprimidos, com linfopenia e diminuição dos níveis séricos de anticorpos.

17.
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-760651

Resumo

This study aimed to grade joint abnormalities in horses submitted to therapeutic arthroscopy using score-based protocols for equine joint assessment, correlated with arthroscopic treatment outcomes and owner satisfaction. In this prospective study, we evaluated 126 joints of athletic horses referred for arthroscopy. The joints were scored according to findings of medical history and physical, radiographic, ultrasonographic and arthroscopic examination. Lameness, positive response to flexion test and decreased maximum joint flexion angle were detected in more than 50% of joints. Soft tissue swelling, sclerosis, subchondral bone osteolysis and single osteochondral fragments were the most common radiographic findings. Ultrasonographic examination revealed changes in synovial fluid volume and appearance, and subchondral bone irregularities. Increased vascularity of the synovial villi, chondral fibrillation, chondral fissures and superficial cartilage erosions were the most significant arthroscopic findings. The approaches that demonstrated greater sensitivity and correlation with treatment outcome and owner satisfaction were medical history, ultrasonographic and arthroscopic examination. The scoring protocol employed to grade joint abnormalities enabled the creation of a joint score system for the objective assessment, thus determining the most frequent findings and establishing an


O objetivo desse estudo foi avaliar as anormalidades articulares observadas em equinos submetidos à artroscopia terapêutica, utilizando protocolos baseados em pontuações e correlacionando os resultados do tratamento cirúrgico com a satisfação do proprietário. Neste estudo prospectivo, foram avaliadas 126 articulações de cavalos atletas, encaminhados para artroscopia. As articulações foram pontuadas de acordo com os achados da anamnese e exame físico, exame radiográfico, exame ultrassonográfico e avaliação artroscópica. A claudicação, resposta positiva ao teste de flexão e diminuição do ângulo máximo de flexão articular foram detectados em mais de 50% das articulações. Aumento de volume dos tecidos moles, esclerose subcondral, osteólise subcondral e fragmentos osteocondrais únicos foram os achados radiográficos mais comuns. O exame ultrassonográfico revelou, com frequência, as alterações no volume e na aparência do líquido sinovial, além de irregularidades osteocondrais. O aumento da vascularização das vilosidades sinoviais, fibrilação condral, fissuras condrais e erosões superficiais da cartilagem foram os achados artroscópicos mais significativos. As abordagens diagnósticas que demonstraram maior sensibilidade e melhor correlação entre o resultado do tratamento e satisfação do proprietário foram história médica, exame ultrassonográfico e artroscópico. O protocolo de avaliação

18.
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-744425

Resumo

This study aimed to grade joint abnormalities in horses submitted to therapeutic arthroscopy using score-based protocols for equine joint assessment, correlated with arthroscopic treatment outcomes and owner satisfaction. In this prospective study, we evaluated 126 joints of athletic horses referred for arthroscopy. The joints were scored according to findings of medical history and physical, radiographic, ultrasonographic and arthroscopic examination. Lameness, positive response to flexion test and decreased maximum joint flexion angle were detected in more than 50% of joints. Soft tissue swelling, sclerosis, subchondral bone osteolysis and single osteochondral fragments were the most common radiographic findings. Ultrasonographic examination revealed changes in synovial fluid volume and appearance, and subchondral bone irregularities. Increased vascularity of the synovial villi, chondral fibrillation, chondral fissures and superficial cartilage erosions were the most significant arthroscopic findings. The approaches that demonstrated greater sensitivity and correlation with treatment outcome and owner satisfaction were medical history, ultrasonographic and arthroscopic examination. The scoring protocol employed to grade joint abnormalities enabled the creation of a joint score system for the objective assessment, thus determining the most frequent findings and establishing an


O objetivo desse estudo foi avaliar as anormalidades articulares observadas em equinos submetidos à artroscopia terapêutica, utilizando protocolos baseados em pontuações e correlacionando os resultados do tratamento cirúrgico com a satisfação do proprietário. Neste estudo prospectivo, foram avaliadas 126 articulações de cavalos atletas, encaminhados para artroscopia. As articulações foram pontuadas de acordo com os achados da anamnese e exame físico, exame radiográfico, exame ultrassonográfico e avaliação artroscópica. A claudicação, resposta positiva ao teste de flexão e diminuição do ângulo máximo de flexão articular foram detectados em mais de 50% das articulações. Aumento de volume dos tecidos moles, esclerose subcondral, osteólise subcondral e fragmentos osteocondrais únicos foram os achados radiográficos mais comuns. O exame ultrassonográfico revelou, com frequência, as alterações no volume e na aparência do líquido sinovial, além de irregularidades osteocondrais. O aumento da vascularização das vilosidades sinoviais, fibrilação condral, fissuras condrais e erosões superficiais da cartilagem foram os achados artroscópicos mais significativos. As abordagens diagnósticas que demonstraram maior sensibilidade e melhor correlação entre o resultado do tratamento e satisfação do proprietário foram história médica, exame ultrassonográfico e artroscópico. O protocolo de avaliação

SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA