Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 4 de 4
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Ano de publicação
Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Bol. ind. anim. (Impr.) ; 77: 1-8, 7 fev. 2020. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1466994

Resumo

O objetivo do trabalho foi avaliar diferentes níveis de inclusão de farelo de algodão na alimentação de codornas japonesas. Foram utilizadas 240 codornas japonesas distribuídas em delineamento inteiramente casualizado com cinco tratamentos e seis repetições, com oito codornas por repetição. Os tratamentos utilizados foram: dieta basal com 0% de farelo de algodão; inclusão de 4% de farelo de algodão; 8% de farelo de algodão; 12% de farelo de algodão e 16% de farelo de algodão. Foram avaliados o consumo de ração individual (g/ave/dia), taxa de postura (%), conversão alimentar por dúzia de ovos (kg/dz), conversão alimentar por massa de ovos (kg/kg), viabilidade das aves, ganho de peso. As variáveis para a qualidade do ovo foram: peso do ovo (g), peso da gema (g), peso da casca (g) peso do albúmen, participação percentual da gema, casca e albúmen, gravidade específica (g/cm3). Para consumo individual de ração (g/ave/dia), peso de gema (g), albúmen, percentual da gema, casca e albúmen houve influência (P0,05). O farelo de algodão pode ser adicionado na dieta de codornas japonesas, sem prejudicar o desempenho e a qualidade dos ovos.


The objective of this study was to evaluate different levels of inclusion of cottonseed meal in the diet of Japanese quail. Twenty Japanese quails were used in a completely randomized design consisting of five treatments and six replicates, with eight quails per replicate. The treatments used were: basal diet with 0% cottonseed meal; inclusion of 4% cottonseed meal, 8% cottonseed meal, 12% cottonseed meal, and 16% cottonseed meal. Feed intake per egg mass (kg/dz), feed conversion per egg mass (kg/kg), viability of birds, and weight gain were evaluated. The egg quality variables were: egg weight (g), yolk weight (g), eggshell weight (g) albumen weight, percentage of yolk, eggshell and albumen, and specific gravity (g/cm3). Cottonseed meal in the diet influenced (P0.05). Cottonseed meal can be added to the diet of Japanese quail without compromising performance or egg quality.


Assuntos
Animais , Aumento de Peso , Coturnix/crescimento & desenvolvimento , Coturnix/metabolismo , Gema de Ovo , Gossypium , Ovos/análise
2.
B. Indústr. Anim. ; 77: 1-8, 3 abr. 2020. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-29266

Resumo

O objetivo do trabalho foi avaliar diferentes níveis de inclusão de farelo de algodão na alimentação de codornas japonesas. Foram utilizadas 240 codornas japonesas distribuídas em delineamento inteiramente casualizado com cinco tratamentos e seis repetições, com oito codornas por repetição. Os tratamentos utilizados foram: dieta basal com 0% de farelo de algodão; inclusão de 4% de farelo de algodão; 8% de farelo de algodão; 12% de farelo de algodão e 16% de farelo de algodão. Foram avaliados o consumo de ração individual (g/ave/dia), taxa de postura (%), conversão alimentar por dúzia de ovos (kg/dz), conversão alimentar por massa de ovos (kg/kg), viabilidade das aves, ganho de peso. As variáveis para a qualidade do ovo foram: peso do ovo (g), peso da gema (g), peso da casca (g) peso do albúmen, participação percentual da gema, casca e albúmen, gravidade específica (g/cm3). Para consumo individual de ração (g/ave/dia), peso de gema (g), albúmen, percentual da gema, casca e albúmen houve influência (P<0,05) do farelo de algodão na dieta, para as demais variáveis não foi observada diferença significativa (P>0,05). O farelo de algodão pode ser adicionado na dieta de codornas japonesas, sem prejudicar o desempenho e a qualidade dos ovos.(AU)


The objective of this study was to evaluate different levels of inclusion of cottonseed meal in the diet of Japanese quail. Twenty Japanese quails were used in a completely randomized design consisting of five treatments and six replicates, with eight quails per replicate. The treatments used were: basal diet with 0% cottonseed meal; inclusion of 4% cottonseed meal, 8% cottonseed meal, 12% cottonseed meal, and 16% cottonseed meal. Feed intake per egg mass (kg/dz), feed conversion per egg mass (kg/kg), viability of birds, and weight gain were evaluated. The egg quality variables were: egg weight (g), yolk weight (g), eggshell weight (g) albumen weight, percentage of yolk, eggshell and albumen, and specific gravity (g/cm3). Cottonseed meal in the diet influenced (P<0.05) individual feed intake (g/bird/day), yolk weight (g), albumen, and percentage of yolk, eggshell and albumen. No significant difference was observed for the other variables (P>0.05). Cottonseed meal can be added to the diet of Japanese quail without compromising performance or egg quality.(AU)


Assuntos
Animais , Coturnix/crescimento & desenvolvimento , Coturnix/metabolismo , Ovos/análise , Gema de Ovo , Gossypium , Aumento de Peso
3.
Bol. ind. anim. (Impr.) ; 77: 1-13, 7 fev. 2020. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1466997

Resumo

The objective of this research was to evaluate the effect of Pimpinella anisum (fennel) on the performance, stress, and quality of Japanese Quail eggs in the second laying cycle (73 to 77 weeks). One hundred sixty-eight female quails from Japanese sub-species (Coturnix coturnix japonica) at 73 weeks of age, divided and submitted to four treatments (0; 250; 500 and 750mg of fennel/kg of feed) were used in a randomized block design. (RBD), with seven replications and six birds per experimental plot, totaling 28 plots. Performance, behavioral, and egg quality parameters were evaluated. Bird performance was not influenced (p>0.05) by the treatments tested. The highest egg weight and albumen weight were found in birds fed 750 mg of fennel, while a higher albumen height was observed for the estimated dose of 669 mg (p0.05). The tonic immobility test had a decreasing linear effect (p<0.05), which indicates a lower time in seconds in tonic immobility to birds receiving 750 mg of fennel. Fennel added to the diet did not interfere with performance, but it influenced essential parameters related to egg quality and was able to alter characteristics related to bird behavior.


O objetivo desta pesquisa foi avaliar o efeito da Pimpinella anisum(erva-doce) sobre o desempenho, estresse e qualidade dos ovos de codornas japonesas no segundo ciclo de postura (73 a 77 semanas). Foram utilizadas 168 codornas fêmeas da subespécie japonesa (Coturnix coturnix japonica) com 73 semanas de idade, divididas e submetidas a quatro tratamentos (0; 250; 500 e 750mg de erva-doce/kg de ração), em delineamento em blocos casualizados (DBC), com sete repetições e seis aves por parcela experimental, totalizando 28 parcelas. Foram avaliados os parâmetros de desempenho, comportamentais e qualidade dos ovos. O desempenho das aves não foi influenciado (p>0,05) pelos tratamentos testados. O maior peso dos ovos e peso do albúmen foram encontrados nas aves alimentadas com 750 mg de erva-doce, enquanto a maior altura do albúmen foi observada pela dose estimada de 669 mg (p0,05). O Teste de imobilidade tônica teve efeito linear (p<0,05) decrescente, que indica um menor tempo em segundos em imobilidade tônica para as aves que receberam 750 mg de erva-doce. A erva-doce adicionada à dieta não interfere no desempenho, porém melhorou à qualidade dos ovos e foi capaz de alterar características relacionadas ao comportamento das aves.


Assuntos
Animais , Comportamento Animal , Coturnix/fisiologia , Coturnix/metabolismo , Estresse Psicológico , Ovos , Pimpinella
4.
B. Indústr. Anim. ; 77: 1-13, Ago. 18, 2020. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-27600

Resumo

The objective of this research was to evaluate the effect of Pimpinella anisum (fennel) on the performance, stress, and quality of Japanese Quail eggs in the second laying cycle (73 to 77 weeks). One hundred sixty-eight female quails from Japanese sub-species (Coturnix coturnix japonica) at 73 weeks of age, divided and submitted to four treatments (0; 250; 500 and 750mg of fennel/kg of feed) were used in a randomized block design. (RBD), with seven replications and six birds per experimental plot, totaling 28 plots. Performance, behavioral, and egg quality parameters were evaluated. Bird performance was not influenced (p>0.05) by the treatments tested. The highest egg weight and albumen weight were found in birds fed 750 mg of fennel, while a higher albumen height was observed for the estimated dose of 669 mg (p<0,05). The estimated doses of 554.09 mg, 634.10 mg, and 613.10 mg of fennel were efficient in reducing agitated behaviors by riding, pecking, and stirring, respectively. However, non-aggressive variables were not influenced by the addition of fennel to the diet (p>0.05). The tonic immobility test had a decreasing linear effect (p<0.05), which indicates a lower time in seconds in tonic immobility to birds receiving 750 mg of fennel. Fennel added to the diet did not interfere with performance, but it influenced essential parameters related to egg quality and was able to alter characteristics related to bird behavior.(AU)


O objetivo desta pesquisa foi avaliar o efeito da Pimpinella anisum(erva-doce) sobre o desempenho, estresse e qualidade dos ovos de codornas japonesas no segundo ciclo de postura (73 a 77 semanas). Foram utilizadas 168 codornas fêmeas da subespécie japonesa (Coturnix coturnix japonica) com 73 semanas de idade, divididas e submetidas a quatro tratamentos (0; 250; 500 e 750mg de erva-doce/kg de ração), em delineamento em blocos casualizados (DBC), com sete repetições e seis aves por parcela experimental, totalizando 28 parcelas. Foram avaliados os parâmetros de desempenho, comportamentais e qualidade dos ovos. O desempenho das aves não foi influenciado (p>0,05) pelos tratamentos testados. O maior peso dos ovos e peso do albúmen foram encontrados nas aves alimentadas com 750 mg de erva-doce, enquanto a maior altura do albúmen foi observada pela dose estimada de 669 mg (p<0.05). As variáveis comportamentais agressivas foram consideradas diferentes entre os níveis analisados (p<0,05). As doses estimadas de 554,09 mg, 634,10 mg e 613,10 mg de erva-doce foram eficientes na redução dos comportamentos agitados montando, bicando e agitada, respectivamente. No entanto as variáveis não agressivas não foram influenciadas pela adição de erva-doce na dieta (p>0,05). O Teste de imobilidade tônica teve efeito linear (p<0,05) decrescente, que indica um menor tempo em segundos em imobilidade tônica para as aves que receberam 750 mg de erva-doce. A erva-doce adicionada à dieta não interfere no desempenho, porém melhorou à qualidade dos ovos e foi capaz de alterar características relacionadas ao comportamento das aves.(AU)


Assuntos
Animais , Coturnix/metabolismo , Coturnix/fisiologia , Pimpinella , Ovos , Comportamento Animal , Estresse Psicológico
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA