Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 5 de 5
Filtrar
Mais filtros

Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Pesqui. vet. bras ; 36(6): 516-519, jun. 2016. ilus
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: lil-792613

Resumo

An extramedullary plasmacytoma case in a captive collared peccary (Pecari tajacu) is reported. The animal, a female aging three years old, had a medical history of diffusely distributed skin and mucocutaneous junction lesions, associated with swollen lymph nodes. Clinical examination and complementary exams (complete blood count, biochemical analysis, skin scraping to search mites and fungal culture) were performed. Thirty days after examination, the animal died. At necropsy, multiple consistent nodules, aseptic pustules and swollen lymph nodes were found. On histological exams of the skin and oral mucosa, we observed a large number of round cells forming masses organized in nests, sheets, and cords of cells in a well-vascularized fibrovascular tissue. Neoplastic plasma cells infiltrated between the fibers and the lamina propria of smooth muscle. Spaces among the cell masses were filled with some eosinophil and fluid. Most of the cells were well differentiated, presenting a perinuclear clear zone. In some points, the cells were pleomorphic. The plasma cells presented eccentric, basophilic and spherical nuclei, showing a dense to organized chromatin with distinct nucleoli. Binucleate cells were observed, but multinucleated giant cells were rare. Oral mucosa and lymph nodes tested by immunohistochemical analyses were positive for Mb-1, with a multifocal distribution. In regard to Bcl-2, the neoplastic cells were intermittent weakly positive. So, an extramedullary plasmacytoma was diagnosed in the collared peccary considering the location, the histopathological and immunohistochemical findings.(AU)


Um caso de plasmocitoma extramedular em cateto criado em cativeiro (Pecari tajacu) está sendo relatado. O animal, uma fêmea com três anos de idade, apresentou um histórico médico de lesões de pele, envolvendo junção mucocutânea e de aumento de linfonodos. Exame clínico e exames complementares (hemograma completo, análise bioquímica, raspado de pele para pesquisa de ácaros e cultura fúngica) foram realizados. Após 30 dias, o animal morreu. Na necropsia, verificou-se a presença de múltiplos nódulos, pústulas assépticas e aumento dos linfonodos. Na pele e mucosa oral, histologicamente as massas consistiam em ninhos, lençóis e cordões de células redondas, e um estroma fibrovascular bem vascularizado. Os plasmócitos foram observados infiltrados entre as fibras e músculo liso da lâmina própria. Espaços contendo eosinófilos, fluido e células livres estavam presentes na massa. A maioria das células estava bem diferenciada, com uma zona perinuclear clara, mas algumas células demonstraram-se pleomórficas. Os plasmócitos apresentavam núcleo excêntrico, redondo, basófilo, e pontilhado, com cromatina variando de densa a grosseiramente organizada e nucléolos distintos. O citoplasma finamente granular de anfifílico para basofílico. As células foram interpretadas como plasmócitos neoplásicos. Células binucleadas foram observadas e células gigantes multinucleadas eram raras. Na imunohistoquímica de tecidos da mucosa oral e de linfonodos observou-se positividade moderada e multifocal para Mb-1. As células tumorais revelaram positividade fraca e intermitente para Bcl-2. Com base na localização, achados histopatológicos e imuno-histoquímicos, um plasmocitoma extramedular foi diagnosticado.(AU)


Assuntos
Animais , Artiodáctilos/lesões , Plasmocitoma/patologia , Plasmocitoma/veterinária , Imuno-Histoquímica/veterinária , Neoplasias Cutâneas/veterinária
2.
Pesqui. vet. bras ; 36(6): 516-519, June 2016. ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-339554

Resumo

An extramedullary plasmacytoma case in a captive collared peccary (Pecari tajacu) is reported. The animal, a female aging three years old, had a medical history of diffusely distributed skin and mucocutaneous junction lesions, associated with swollen lymph nodes. Clinical examination and complementary exams (complete blood count, biochemical analysis, skin scraping to search mites and fungal culture) were performed. Thirty days after examination, the animal died. At necropsy, multiple consistent nodules, aseptic pustules and swollen lymph nodes were found. On histological exams of the skin and oral mucosa, we observed a large number of round cells forming masses organized in nests, sheets, and cords of cells in a well-vascularized fibrovascular tissue. Neoplastic plasma cells infiltrated between the fibers and the lamina propria of smooth muscle. Spaces among the cell masses were filled with some eosinophil and fluid. Most of the cells were well differentiated, presenting a perinuclear clear zone. In some points, the cells were pleomorphic. The plasma cells presented eccentric, basophilic and spherical nuclei, showing a dense to organized chromatin with distinct nucleoli. Binucleate cells were observed, but multinucleated giant cells were rare. Oral mucosa and lymph nodes tested by immunohistochemical analyses were positive for Mb-1, with a multifocal distribution. In regard to Bcl-2, the neoplastic cells were intermittent weakly positive. So, an extramedullary plasmacytoma was diagnosed in the collared peccary considering the location, the histopathological and immunohistochemical findings.(AU)


Um caso de plasmocitoma extramedular em cateto criado em cativeiro (Pecari tajacu) está sendo relatado. O animal, uma fêmea com três anos de idade, apresentou um histórico médico de lesões de pele, envolvendo junção mucocutânea e de aumento de linfonodos. Exame clínico e exames complementares (hemograma completo, análise bioquímica, raspado de pele para pesquisa de ácaros e cultura fúngica) foram realizados. Após 30 dias, o animal morreu. Na necropsia, verificou-se a presença de múltiplos nódulos, pústulas assépticas e aumento dos linfonodos. Na pele e mucosa oral, histologicamente as massas consistiam em ninhos, lençóis e cordões de células redondas, e um estroma fibrovascular bem vascularizado. Os plasmócitos foram observados infiltrados entre as fibras e músculo liso da lâmina própria. Espaços contendo eosinófilos, fluido e células livres estavam presentes na massa. A maioria das células estava bem diferenciada, com uma zona perinuclear clara, mas algumas células demonstraram-se pleomórficas. Os plasmócitos apresentavam núcleo excêntrico, redondo, basófilo, e pontilhado, com cromatina variando de densa a grosseiramente organizada e nucléolos distintos. O citoplasma finamente granular de anfifílico para basofílico. As células foram interpretadas como plasmócitos neoplásicos. Células binucleadas foram observadas e células gigantes multinucleadas eram raras. Na imunohistoquímica de tecidos da mucosa oral e de linfonodos observou-se positividade moderada e multifocal para Mb-1. As células tumorais revelaram positividade fraca e intermitente para Bcl-2. Com base na localização, achados histopatológicos e imuno-histoquímicos, um plasmocitoma extramedular foi diagnosticado.(AU)


Assuntos
Animais , Plasmocitoma/veterinária , Artiodáctilos/lesões , Plasmocitoma/patologia , Imuno-Histoquímica/veterinária , Neoplasias Cutâneas/veterinária
3.
Pesqui. vet. bras ; 34(11): 1101-1108, nov. 2014. ilus, tab
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: lil-736036

Resumo

This study is a retrospective examination of diseases in collared peccaries that were diagnosed by the Veterinary Pathology Laboratory, Universidade Federal Rural do Semiárido. Necropsy and histological examination were performed from 2005 to 2010. Of the 50 necropsied collared peccaries, 24% died due to restraint and capture myopathy; 18% died from trauma; and the remainder was diagnosed with splenic hemangioma (6%), enterolithiasis (6%), gastritis (6%), gastric ulcer (4%), intestinal volvulus (4%), gastric volvulus (2%), mammary carcinoma (2%), polycystic kidney disease (2%), pyometra (2%), and suppurative bronchopneumonia (2%). Twelve animals remained undiagnosed, seven of which (14%) were in advanced autolytic condition and five of which (10%) had no gross or microscopic lesions that were compatible with disease. This paper describes illnesses that have not been reported in the collared peccary, focusing on their clinical and pathological aspects.(AU)


Este trabalho teve por objetivo realizar um estudo retrospectivo sobre as doenças de catetos diagnosticadas pelo Laboratório de Patologia Veterinária da Universidade Federal Rural do Semi-Árido, através do exame de necropsia e histológico no período de 2005 a 2010. Dos 50 catetos submetidos à necropsia, as percentagens das enfermidades diagnosticadas foram: miopatia por captura e contenção (24%), morte por traumas (18%), hemangioma do baço (6%), enterolitíase (6%), gastrite (6%), úlcera gástrica (4%), vólvulo intestinal (4%), vólvulo gástrico (2%), carcinoma mamário (2%), doença renal policística (2%), piometra (2%) e broncopneumonia supurativa (2%). Onze (22%) animais permaneceram sem diagnóstico, dos quais sete (10%) apresentavam avançado estado autolítico e cinco (14%) não foram observadas lesões macroscópicas e microscópicas compatíveis com nenhuma enfermidade. Este estudo apresenta relatos de doenças ainda não descritas em catetos, com enfoque nos aspectos clínicos e patológicos.(AU)


Assuntos
Animais , Artiodáctilos , Causas de Morte , Autopsia/veterinária , Autopsia/estatística & dados numéricos
4.
Pesqui. vet. bras ; 34(11): 1101-1108, Nov. 2014.
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-17536

Resumo

This study is a retrospective examination of diseases in collared peccaries that were diagnosed by the Veterinary Pathology Laboratory, Universidade Federal Rural do Semiárido. Necropsy and histological examination were performed from 2005 to 2010. Of the 50 necropsied collared peccaries, 24% died due to restraint and capture myopathy, 18% died from trauma, and the remainder was diagnosed with splenic hemangioma (6%), enterolithiasis (6%), gastritis (6%), gastric ulcer (4%), intestinal volvulus (4%), gastric volvulus (2%), mammary carcinoma (2%), polycystic kidney disease (2%), pyometra (2%), and suppurative bronchopneumonia (2%). Twelve animals remained undiagnosed, seven of which (14%) were in advanced autolytic condition and five of which (10%) had no gross or microscopic lesions that were compatible with disease. This paper describes illnesses that have not been reported in the collared peccary, focusing on their clinical and pathological aspects.(AU)


Este trabalho teve por objetivo realizar um estudo retrospectivo sobre as doenças de catetos diagnosticadas pelo Laboratório de Patologia Veterinária da Universidade Federal Rural do Semi-Árido, através do exame de necropsia e histológico no período de 2005 a 2010. Dos 50 catetos submetidos à necropsia, as percentagens das enfermidades diagnosticadas foram: miopatia por captura e contenção (24%), morte por traumas (18%), hemangioma do baço (6%), enterolitíase (6%), gastrite (6%), úlcera gástrica (4%), vólvulo intestinal (4%), vólvulo gástrico (2%), carcinoma mamário (2%), doença renal policística (2%), piometra (2%) e broncopneumonia supurativa (2%). Onze (22%) animais permaneceram sem diagnóstico, dos quais sete (10%) apresentavam avançado estado autolítico e cinco (14%) não foram observadas lesões macroscópicas e microscópicas compatíveis com nenhuma enfermidade. Este estudo apresenta relatos de doenças ainda não descritas em catetos, com enfoque nos aspectos clínicos e patológicos.(AU)


Assuntos
Animais , Sus scrofa/anatomia & histologia , Autopsia/veterinária , Doenças dos Animais/fisiopatologia , Doenças Musculares/veterinária , Ferimentos e Lesões/veterinária
5.
Pesqui. vet. bras ; 30(6): 497-502, 2010. ilus, tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-14531

Resumo

O exame necroscópico é especialmente útil no diagnóstico de enfermidades em animais silvestres. Em muitas ocasiões, as manifestações clínicas não são características como em animais domésticos, sendo frequente a ocorrência de óbitos em animais assintomáticos. Este trabalho objetivou realizar um estudo retrospectivo sobre as doenças de cutias diagnosticadas pelo Laboratório de Patologia Veterinária da Universidade Federal Rural do Semi-Árido, através do exame anatomopatológico no período de 2006 a 2009. Em 32 cutias submetidas à necropsia, as percentagens das enfermidades diagnosticadas foram: morte perinatal pelo complexo inanição/hipotermia (21,6 por cento), urolitíase obstrutiva (6,24 por cento), distocia (6,24 por cento), obstrução do ceco por areia - sablose (6,24 por cento), intussuscepção (3,20 por cento), fecaloma (3,20 por cento) e obstrução do esôfago (3,20 por cento). Dezesseis (16) animais permaneceram sem diagnóstico, dos quais nove (28,48 por cento) apresentavam avançado estado autolítico e em sete (21,60 por cento) não foram observadas lesões macro e microscópicas compatíveis com nenhuma enfermidade. Este artigo apresenta relatos de doenças ainda não descritas em cutias e seus resultados poderão produzir literatura sobre os aspectos patológicos destas enfermidades nessa espécie.(AU)


Necroscopic examination is remarkably useful to diagnose wild animal's diseases. In several occasions the clinical signs are not charactheristic as in domestic animals and the occurrence of death in asymptomatic animals is frequent. Thus, the present work aimed to accomplish a retrospective study on agouti diseases diagnosed by pathological examination in the Laboratory of Veterinary Pathology, Federal Rural University of the Semi-arid, through January 2006 to December 2006. In 32 agoutis submitted to the necropsy, the percentage of diagnosed diseases was: perinatal death due hypothermia/ inanition complex (21.6 percent), obstructive urolithiasis (6.24 percent), dystocia (6.24 percent), cecum sablosis (6.24 percent), intussusceptions (3.20 percent), fecaloma (3.20 percent) and esophagus obstruction (3.20 percent). A total of 16 (50.08 percent) animals remained undiagnosed in which nine (28.48 percent) showed advanced autolysis and seven (21.60 percent) agouti had none macroscopic or microscopic lesions compatible with any disease. The present article presents reports of some diseases not yet diagnosed in agoutis and these results may produce literature review about the pathologic aspects of these diseases in this species.(AU)


Assuntos
Animais , Epidemiologia/instrumentação , Causas de Morte/tendências , Animais Selvagens/classificação , Mortalidade Perinatal/tendências , Hipotermia/mortalidade , Distocia/mortalidade
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA