Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 5 de 5
Filtrar
Mais filtros

Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Ciênc. rural (Online) ; 52(12): e20210531, 2022. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1375150

Resumo

This study evaluated the structure of vegetation and the performance of rearing heifers and cull cows in Campos grasslands managed in the rotational stocking method with first-last stocking in the spring-summer period. The treatments were different rest intervals of 402 and 252 degrees-day, which favor the growth of different functional groups of grasses. A completely randomized block design with two treatments and three repetitions was used. The test animals were 24 heifers in the "first" group and 24 cows in the "last" group. In the stratum between tussock grasses, sward heights greater than 0.16 m were predominant in both treatments, it was 1.3 times more frequent in the 402 DD treatment compared to the 252 DD treatment. Average stocking rate was 22% higher in the 252 DD treatment. Although, no differences were observed for the average daily gain of heifers (0.227 kg.day-1) and cows (0.336 kg.day-1) between treatments, the weight gain per area in the experimental period was greater in the 252 DD treatment. Despite the management system with first and last stoking does not provide significant changes in the structure of the pasture, it allowed to achieve satisfactory performance goals in areas of Campos grassland.


Este estudo teve como objetivo avaliar a estrutura da vegetação e o desempenho de novilhas em recria e vacas de descarte em pastagens naturais manejadas em sistema de pastejo rotacionado com lotes "ponta" e "rapador" no período primavera-verão. Os tratamentos foram diferentes intervalos de descanso de 402 e 252 graus-dia (GD), os quais favorecem o crescimento de gramíneas de diferentes grupos funcionais. O delineamento experimental foi em blocos ao acaso com dois tratamentos e três repetições. Os animais de teste foram 24 novilhas no grupo "ponta" e 24 vacas no grupo "rapador". No estrato entre touceiras, as alturas do pasto maiores que 16 cm foram predominantes em ambos os tratamentos, sendo 1.3 vezes mais frequente no tratamento 402 GD em relação ao tratamento 252 GD. A taxa de lotação média foi 22% maior no tratamento com 252 GD. Embora não tenham sido observadas diferenças para o ganho médio diário de novilhas (0,227 kg.dia-1) e vacas (0,336 kg.dia-1) entre os tratamentos, o ganho de peso por área no período experimental foi maior no tratamento 252 GD. Apesar do sistema de manejo com lotes "ponta" e "rapador" não proporcionar mudanças significativas na estrutura da pastagem, ele permite atingir metas de desempenho satisfatórias em áreas de pastagens naturais.


Assuntos
Animais , Feminino , Bovinos , Pastagens , Criação de Animais Domésticos/métodos , Aumento de Peso , Crescimento e Desenvolvimento
2.
Acta sci., Anim. sci ; 38(3): 311-317, jul.-set. 2016. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1459665

Resumo

Productive and reproductive performance of beef heifers grazing on Italian ryegrass (Lolium multiflorum Lam.) were analyzed, comprising animals exclusively on pasture and supplemented animals with extruded fat (0.15 or 0.30% of body weight). The grazing method was continuous with variable stocking rate. The experimental design was completely randomized following a repeated measure arrangement. Variables related to pasture were similar when the heifers received different supplementation levels, with similar grazing conditions. Mean values of forage mass and canopy height were 1,500 kg DM ha-1 and 17 cm, respectively. Heifers ingested forage with a similar content of crude protein (21.90%) and neutral detergent fiber (49.30%), regardless of supplementation levels. Beef heifers supplemented with extruded fat, regardless of the level, had higher average daily gain, body weight, body condition score, body weight: height ratio than heifers fed exclusively on pasture. The use of extruded fat as a supplement caused no change in pelvic area and reproductive tract score in beef heifers. Regardless of their nutritional status, 14/15-month-old heifers were not able to conceive during the mating season.


O desempenho produtivo e reprodutivo de novilhas de corte em pastejo de azevém (Lolium multiflorum Lam.) foi analisado com animais exclusivamente em pastejo ou suplementados com gordura extrusada (0,15 ou 0,30% do peso corporal). O método de pastejo foi contínuo com taxa de lotação variável. O delineamento experimental foi completamente casualisado com medidas repetidas no tempo. As variáveis relacionadas ao pasto foram semelhantes quando as novilhas receberam diferentes níveis de suplemento, assegurando similares condições a esses animais. Os valores médios de massa de forragem e altura do dossel foram 1.500 kg MS ha-1 e 17 cm, respectivamente. Novilhas ingeriram forragem com semelhante teor de proteína bruta (21,9%) e fibra em detergente neutro (49,3%), independente do nível de suplemento. Novilhas de corte suplementadas com gordura extrusada, independente do nível, têm maior ganho médio diário, peso corporal, escore de condição corporal, relação peso corporal: altura do que novilhas exclusivamente em pastejo. O uso de gordura extrusada não causa mudança na área pélvica e no escore de trato reprodutivo de novilhas de corte. Independente do estado nutricional imposto às novilhas, essas não são capazes de conceber durante a estação de acasalamento em 14/15 meses de idade.


Assuntos
Animais , Carne/análise , Lolium/crescimento & desenvolvimento , Pastagens/análise , Eficiência
3.
Acta Sci. Anim. Sci. ; 38(3): 311-317, jul.-set. 2016. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-481068

Resumo

Productive and reproductive performance of beef heifers grazing on Italian ryegrass (Lolium multiflorum Lam.) were analyzed, comprising animals exclusively on pasture and supplemented animals with extruded fat (0.15 or 0.30% of body weight). The grazing method was continuous with variable stocking rate. The experimental design was completely randomized following a repeated measure arrangement. Variables related to pasture were similar when the heifers received different supplementation levels, with similar grazing conditions. Mean values of forage mass and canopy height were 1,500 kg DM ha-1 and 17 cm, respectively. Heifers ingested forage with a similar content of crude protein (21.90%) and neutral detergent fiber (49.30%), regardless of supplementation levels. Beef heifers supplemented with extruded fat, regardless of the level, had higher average daily gain, body weight, body condition score, body weight: height ratio than heifers fed exclusively on pasture. The use of extruded fat as a supplement caused no change in pelvic area and reproductive tract score in beef heifers. Regardless of their nutritional status, 14/15-month-old heifers were not able to conceive during the mating season.(AU)


O desempenho produtivo e reprodutivo de novilhas de corte em pastejo de azevém (Lolium multiflorum Lam.) foi analisado com animais exclusivamente em pastejo ou suplementados com gordura extrusada (0,15 ou 0,30% do peso corporal). O método de pastejo foi contínuo com taxa de lotação variável. O delineamento experimental foi completamente casualisado com medidas repetidas no tempo. As variáveis relacionadas ao pasto foram semelhantes quando as novilhas receberam diferentes níveis de suplemento, assegurando similares condições a esses animais. Os valores médios de massa de forragem e altura do dossel foram 1.500 kg MS ha-1 e 17 cm, respectivamente. Novilhas ingeriram forragem com semelhante teor de proteína bruta (21,9%) e fibra em detergente neutro (49,3%), independente do nível de suplemento. Novilhas de corte suplementadas com gordura extrusada, independente do nível, têm maior ganho médio diário, peso corporal, escore de condição corporal, relação peso corporal: altura do que novilhas exclusivamente em pastejo. O uso de gordura extrusada não causa mudança na área pélvica e no escore de trato reprodutivo de novilhas de corte. Independente do estado nutricional imposto às novilhas, essas não são capazes de conceber durante a estação de acasalamento em 14/15 meses de idade.(AU)


Assuntos
Animais , Lolium/crescimento & desenvolvimento , Pastagens/análise , Carne/análise , Eficiência
4.
Ci. Rural ; 39(1): 182-187, jan.-fev. 2009. graf, tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-11687

Resumo

Foi avaliado o desenvolvimento corporal de bezerras de corte em pastagem de azevém (Lolium multiflorum Lam.), recebendo diferentes alternativas de suplementação mineral, associadas ou não à adição de ionóforo. Os tratamentos testados foram: "Sal comum": mineralização com cloreto de sódio; "Sal 40P": mineralização com sal mineral contendo 40g de fósforo por kg de produto; "Sal 40P + ionóforo": mineralização com 40g de fósforo + 2.000mg de lasalocida sódica por kg de produto. Os valores de proteína bruta, fibra em detergente neutro, Ca e P na forragem aparentemente consumida, consumo de sal, escore de condição corporal, relação peso: altura e GMD foram semelhantes (P>0,05) entre animais que receberam "Sal comum", "Sal 40P" e "Sal 40P + ionóforo". Em pastagem de azevém, sem restrição ao consumo voluntário, a lasalocida sódica adicionada ao sal mineral proporciona maior peso vivo de bezerras aos 12 meses de idade e um retorno financeiro positivo.(AU)


Body development of beef heifers grazing Italian ryegrass pasture (Lolium multiflorum Lam.) was evaluated. The animals received different alternatives of mineral supplement: associated or not to ionophore addition and the treatments were: 'Common salt': mineralization with sodium chloride; '40P salt': mineralization with mineral salt plus 40g of phosphorus per kilo of product; 40P salt + ionophore: mineralization with 40g of phosphorus plus 2000mg of lasalocid per kg of product. The values of crude protein, neutral detergent fiber and Ca and P of the apparently consumed forage, salt intake, body condition and body weight:height relation were similar (P>0.05) between animals receiving 'common salt', '40P salt' and '40P salt+ionophor'. For beef heifers grazing ryegrass pasture without intake restriction, the lasalocid associated to mineral salt provides a greater body weight at twelve months age and a positive financial.(AU)


Assuntos
Animais , Feminino , Bovinos , Bovinos/crescimento & desenvolvimento , Lolium , Pastagens , Ionóforos/administração & dosagem , Lasalocida/administração & dosagem , Pesos e Medidas Corporais/veterinária , Aditivos Alimentares/administração & dosagem
5.
Tese em Português | VETTESES | ID: vtt-8059

Resumo

O trabalho teve por objetivo avaliar os efeitos do creep-feeding no ganho de peso e comportamento ingestivo de concentrado dos terneiros e impacto no desempenho produtivo e reprodutivo de vacas primíparas (Experimento I) e de vacas multíparas (Experimento II). Os tratamentos em cada experimento foram T1: vacas amamentando terneiros em sistema creep-feeding; T2: vacas amamentando terneiras em sistema creep-feeding; T3: vacas amamentando terneiros em sistema sem creep-feeding e T4: vacas amamentando terneiras em sistema sem creep-feeding. No Experimento I, o sistema creep-feeding promoveu nas vacas peso vivo (PV) e escore de condição corporal (CC) no final do experimento mais altos (P<0,01) em relação às vacas do sistema sem creep-feeding (412 kg e 3,94 vs. 399 kg e 3,77, respectivamente). Foi observado para as vacas do sistema creep-feeding ganho de peso médio diário (GMD) mais elevados (P<0,01) em relação ao grupo de vacas onde os terneiros (as) não receberam suplementação (0,549 vs. 0,449 kg/dia). O sistema de alimentação e o sexo dos terneiros (as) não influenciaram a porcentagem de repetição de prenhez das vacas primíparas (76,5%). O sistema creep-feeding proporcionou maior peso vivo ao desmame e maior GMD (P<0,01) para terneiros (as) em comparação a estas categorias no sistema sem creep-feeding (194 kg e 0,843 kg/dia vs. 174 kg e 0,701 kg/dia, respectivamente). Na avaliação do comportamento ingestivo de concentrado se observou maior (P<0,01) tempo médio de consumo de concentrado (TCT) para os terneiros em relação as terneiras. Não se encontrou diferença (P>0,05) para número diário de acesso ao cocho (NAT) e porcentagem de terneiros (as) consumindo concentrado (PAT). No Experimento II, não se observou diferença significativa (P>0,05) para GMD e CC das vacas durante o experimento, em função do sistema de alimentação e do sexo dos terneiros (0,265 kg/dia e 3,15, respectivamente). O sistema de alimentação e o sexo dos terneiros (as) não influenciaram a porcentagem de repetição de prenhez das vacas multíparas, apresentando média de 76,5%. O sistema de alimentação e o sexo dos terneiros apresentaram diferenças significativas (P<0,01) para PV ao desmame (195, 184, 172 e 165 kg para T1, T2, T3 e T4, respectivamente) e para GMD (0,849, 0,789, 0,705 e 0,637 kg/dia para T1, T2, T3 e T4, respectivamente). Na avaliação do comportamento ingestivo de concentrado dos terneiros (as) de vacas multíparas não se observou diferença significativa (P>0,05) entre sexo para TCT, NAT E PAT

SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA