Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 1 de 1
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Ano de publicação
Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Braz. J. Biol. ; 79(3): 395-403, jul.-set. 2019. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-19473

Resumo

The objective of this trial was to characterize the assemblage structure of fruit flies (Diptera: Tephritidae) by determining the diversity and faunal indices. Fruit flies were collected for ten years between 2003 and 2015 in six municipalities of the Metropolitan Region of Curitiba, Paraná. The orchards were divided into three crop protection strategies: organic, conventional, and integrated pest management. The characteristic of each community was determined using the Shannon-Wiener, Margalef, and Pielous indexes. The frequency, constancy, and dominance indexes were also determined. Biological material was analyzed using the explanatory variables: site, crop, plant protection strategy, and susceptibility period. A total of 8,089 fruit flies were collected, of which 4,681 were females. The species Anastrepha daciformis Bezzi, A. dissimilis Stone, A. distincta Greene and A. pickeli Lima were recorded for the first time in Paraná State, the occurrence of three other species was recorded for the first time in the Metropolitan Region of Curitiba (A. montei Lima, A. obliqua Macquart, and A. sororcula Zucchi), in addition A. fraterculus (Wiedemann), A. grandis (Macquart) and Ceratitis capitata (Wiedemann). A. fraterculus accounted for 98.5% of the collected species. Only A. fraterculus and A. sororcula were found in fruits. Fruit flies occurred predominantly in peach trees cultivated under organic conditions. The Shannon index indicated that the municipality of Cerro Azul had the highest diversity and richness whereas apple orchards had the lowest diversity. Crops cultivated under organic conditions exhibited the highest diversity whereas those cultivated under conventional conditions had the highest evenness index. The largest specimens number was collected during the period of crop susceptibility.(AU)


O objetivo deste estudo foi caracterizar agrupamento de espécies de moscas-das-frutas (Diptera: Tephritidae) pela determinação da diversidade e dos índices faunísticos. As moscas-das-frutas foram coletadas por dez anos entre 2003 e 2015 em seis municípios da Região Metropolitana de Curitiba, no Paraná. Os pomares foram divididos em três estratégias de proteção de culturas: orgânica, convencional e integrada. A característica de cada comunidade foi determinada usando os índices de Shannon-Wiener, Margalef e Pielou. Os índices de freqüência, constância e dominância também foram determinados. O material biológico foi analisado utilizando as variáveis explicativas: local, cultura, estratégia de proteção e período de susceptibilidade. Foram coletadas 8.089 moscas-das-frutas, sendo 4.681 fêmeas. As espécies Anastrepha daciformis Bezzi, A. dissimilis Stone, A. distincta Greene e A. pickeli Lima foram registradas pela primeira vez no Estado do Paraná, e pela primeira vez, na Região Metropolitana de Curitiba, as espécies A. montei Lima, A. obliqua Macquart e A. sororcula Zucchi), além de A. fraterculus (Wiedemann), A. grandis (Macquart) e Ceratitis capitata (Wiedemann). A. fraterculus foi responsável por 98,5% das espécies coletadas. Apenas A. fraterculus e A. sororcula foram encontrados em frutos. As moscas-das-frutas ocorreram predominantemente em pessegueiros cultivados sob condições orgânicas. O índice de Shannon indicou que o município de Cerro Azul teve a maior diversidade e riqueza, enquanto que a cultura macieira teve a menor diversidade. As culturas sob condição orgânica exibiram a maior diversidade, enquanto as cultivadas em condições convencionais apresentaram o maior índice de uniformidade. O maior número de espécimes foi coletado durante o período de suscetibilidade à cultura.(AU)

SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA