Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 9 de 9
Filtrar
Mais filtros

Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
R. Ci. agrovet. ; 16(3): 277-285, 2017. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-734357

Resumo

Como Propriedades Físicas ea Composição química da madeira exercem grande Influência Sobre as OUTRAS Propriedades, pois estao Relacionadas à Transformação industrial, Bem Como Às Variadas Formas de Utilização. O Presente Estudo objetivou avaliar como Propriedades Químicas e Físicas da Cryptomeria japonica em Função da posição radial (Cerne / alburno). Como Propriedades Químicas determinadas were: o Teor de extrativos, Teor de lignina, Teor de materiais inorgânicos EO potencial hidrogeniônico, como Quais seguiram OS Procedimentos Recomendados Pelas Normas ABNT e TAPPI. A Determinação das Propriedades de Massa Específica e Estabilidade dimensional seguiram OS Procedimentos preconizados Pelas Normas EN 322 2002 e 323: 2002. De Maneira Geral, Ambas como Posições radiais apresentaram Propriedades Químicas compatíveis com a literatura do Pará uma Cryptomeria japonica . Ambas Pará como Posições foi obtido hum Baixo Teor de extrativos, Sendo ELE Mais Baixo sem alburno. Os Resultados obtidos indicaram that uma especie apresentou Massa Específica de baixa a mídia, Sendo ELA semelhante parágrafo Ambas como Posições radiais. Em relaçao à Estabilidade dimensional a Cryptomeria japonica foi classificada Como Estabilidade boa.(AU)


The study of the physical properties and chemical composition of the wood are of great importance for being related to industrial transformation as well as its aptness the most varied forms of use. On this basis, this study aimed to evaluate the chemical and physical properties of Cryptomeria japonica in wood samples for the heartwood and sapwood. The chemical properties of the content of extractives, lignin and inorganic materials content and hydrogenic potential (pH) were determined. The physical properties related to determination of density and dimensional stability, were evaluated by using 951 samples. In general, both wood samples presented chemical properties compatible with the literature for Cryptomeria japonica. For both samples a low content of extractives was obtained, being lower in the sapwood. The results indicated that the species presented density from low to medium; it is similar to both wood samples. Regarding the dimensional stability Cryptomeria japonica was rated as good stability.(AU)


Assuntos
Cryptomeria/análise , Madeira/análise , Anisotropia , Desenvolvimento Vegetal
2.
Rev. Ciênc. Agrovet. (Online) ; 16(3): 277-285, 2017.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1488172

Resumo

Como Propriedades Físicas ea Composição química da madeira exercem grande Influência Sobre as OUTRAS Propriedades, pois estao Relacionadas à Transformação industrial, Bem Como Às Variadas Formas de Utilização. O Presente Estudo objetivou avaliar como Propriedades Químicas e Físicas da Cryptomeria japonica em Função da posição radial (Cerne / alburno). Como Propriedades Químicas determinadas were: o Teor de extrativos, Teor de lignina, Teor de materiais inorgânicos EO potencial hidrogeniônico, como Quais seguiram OS Procedimentos Recomendados Pelas Normas ABNT e TAPPI. A Determinação das Propriedades de Massa Específica e Estabilidade dimensional seguiram OS Procedimentos preconizados Pelas Normas EN 322 2002 e 323: 2002. De Maneira Geral, Ambas como Posições radiais apresentaram Propriedades Químicas compatíveis com a literatura do Pará uma Cryptomeria japonica . Ambas Pará como Posições foi obtido hum Baixo Teor de extrativos, Sendo ELE Mais Baixo sem alburno. Os Resultados obtidos indicaram that uma especie apresentou Massa Específica de baixa a mídia, Sendo ELA semelhante parágrafo Ambas como Posições radiais. Em relaçao à Estabilidade dimensional a Cryptomeria japonica foi classificada Como Estabilidade boa.

3.
Rev. Ciênc. Agrovet. (Online) ; 14(3): 224-233, 2015. tab, ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1488095

Resumo

Tectona grandis Linn f. wood (teak) is suitable for making Edge Glued Panels (EGP) due to its dimensional stability, physical, mechanical and chemical properties and its resemblance to hardwoods such as mahogany. In generating those products, a highly important variable is the grammage of the adhesive. In this context, this study aimed to evaluate the effect of grammage on the quality of bonded joints of Tectona grandis. To achieve this work teak wood and adhesive polyvinyl acetate were used. The density and the moisture content of the wood were evaluated according to the standard COPANT 461/1972 and 460/1972, respectively, and the chemical properties in accordance with TAPPI standards. The joints were glued using four grammages: 100 g m-2, 140 g m-2, 180 g m-2, and 220 g m-2. The quality of bonding was evaluated by means of shear strength and tested according to EN 13354/2003. The results showed that the mean apparent specific mass was 559 kg m-3, the average moisture content was 7.74% and the total content was 8.27% extractives. The bonded joints showed variation in shear strength of 0.924 MPa to 1.35 MPa for the wet state and 3.01 MPa to 5.43 MPa for dry conditions. There was no statistically significant difference between the averages of the different weights used on the quality of the EGP panels collage. It was concluded that the teak wood had adequate values of properties for the Brazilian standard for shear testing and the best condition was found with a weight of 140 g m-2.


A madeira de Tectona grandis Linn f. (teca) é adequada para a confecção de Edge Glued Panels (EGP) devido a sua estabilidade dimensional, propriedades físicas, mecânicas e químicas, além de sua semelhança com madeiras nobres como o mogno. Na geração deste produto, uma variável de elevada importância é a gramatura do adesivo. Neste contexto, este trabalho objetivou avaliar o efeito da gramatura sobre a qualidade de juntas coladas de Tectona grandis. Para a concretização deste trabalho foi utilizada madeira de teca e adesivo Polivinil Acetato. A massa específica e o teor de umidade da madeira foram avaliados de acordo com a norma COPANT 461/1972 e COPANT 460/1972, respectivamente, e as propriedades químicas de acordo com as normas TAPPI. Os sarrafos foram colados utilizando-se quatro gramaturas: 100 g m-2, 140 g m-2, 180 g m-2 e 220 g m-2. A qualidade de colagem foi avaliada por meio do ensaio de resistência ao cisalhamento, conforme a norma EN 13354:2003. Os resultados obtidos indicaram que a massa específica aparente média foi de 559 kg m-3, o teor de umidade médio de 7,74% e o teor de extrativos totais de 8,27%. As juntas coladas apresentaram variação na resistência ao cisalhamento de 0,924 MPa a 1,35 MPa para o estado úmido e de 3,01 MPa a 5,43 MPa para a condição seca. Não houve diferença estatisticamente significativa entre as médias das diferentes gramaturas utilizadas sobre a qualidade da colagem de painéis EGP. Concluiu-se que a madeira de teca apresentou valores adequados de propriedades da madeira, as juntas coladas apresentaram valores qualificados para o padrão brasileiro para o ensaio de cisalhamento e a melhor condição de gramatura encontrada foi de 140 g m-2.


Assuntos
Lamiaceae/crescimento & desenvolvimento , Lamiaceae/química , Resistência ao Cisalhamento
4.
R. Ci. agrovet. ; 14(3): 224-233, 2015. tab, ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-27892

Resumo

Tectona grandis Linn f. wood (teak) is suitable for making Edge Glued Panels (EGP) due to its dimensional stability, physical, mechanical and chemical properties and its resemblance to hardwoods such as mahogany. In generating those products, a highly important variable is the grammage of the adhesive. In this context, this study aimed to evaluate the effect of grammage on the quality of bonded joints of Tectona grandis. To achieve this work teak wood and adhesive polyvinyl acetate were used. The density and the moisture content of the wood were evaluated according to the standard COPANT 461/1972 and 460/1972, respectively, and the chemical properties in accordance with TAPPI standards. The joints were glued using four grammages: 100 g m-2, 140 g m-2, 180 g m-2, and 220 g m-2. The quality of bonding was evaluated by means of shear strength and tested according to EN 13354/2003. The results showed that the mean apparent specific mass was 559 kg m-3, the average moisture content was 7.74% and the total content was 8.27% extractives. The bonded joints showed variation in shear strength of 0.924 MPa to 1.35 MPa for the wet state and 3.01 MPa to 5.43 MPa for dry conditions. There was no statistically significant difference between the averages of the different weights used on the quality of the EGP panels collage. It was concluded that the teak wood had adequate values of properties for the Brazilian standard for shear testing and the best condition was found with a weight of 140 g m-2.(AU)


A madeira de Tectona grandis Linn f. (teca) é adequada para a confecção de Edge Glued Panels (EGP) devido a sua estabilidade dimensional, propriedades físicas, mecânicas e químicas, além de sua semelhança com madeiras nobres como o mogno. Na geração deste produto, uma variável de elevada importância é a gramatura do adesivo. Neste contexto, este trabalho objetivou avaliar o efeito da gramatura sobre a qualidade de juntas coladas de Tectona grandis. Para a concretização deste trabalho foi utilizada madeira de teca e adesivo Polivinil Acetato. A massa específica e o teor de umidade da madeira foram avaliados de acordo com a norma COPANT 461/1972 e COPANT 460/1972, respectivamente, e as propriedades químicas de acordo com as normas TAPPI. Os sarrafos foram colados utilizando-se quatro gramaturas: 100 g m-2, 140 g m-2, 180 g m-2 e 220 g m-2. A qualidade de colagem foi avaliada por meio do ensaio de resistência ao cisalhamento, conforme a norma EN 13354:2003. Os resultados obtidos indicaram que a massa específica aparente média foi de 559 kg m-3, o teor de umidade médio de 7,74% e o teor de extrativos totais de 8,27%. As juntas coladas apresentaram variação na resistência ao cisalhamento de 0,924 MPa a 1,35 MPa para o estado úmido e de 3,01 MPa a 5,43 MPa para a condição seca. Não houve diferença estatisticamente significativa entre as médias das diferentes gramaturas utilizadas sobre a qualidade da colagem de painéis EGP. Concluiu-se que a madeira de teca apresentou valores adequados de propriedades da madeira, as juntas coladas apresentaram valores qualificados para o padrão brasileiro para o ensaio de cisalhamento e a melhor condição de gramatura encontrada foi de 140 g m-2.(AU)


Assuntos
Lamiaceae/química , Lamiaceae/crescimento & desenvolvimento , Resistência ao Cisalhamento
5.
Rev. Ciênc. Agrovet. (Online) ; 14(3): 217-223, 2015. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1488093

Resumo

The study aimed to determine the technological properties of cement-wood panels produced with the particle Eucalyptus benthamii Maiden et Cambage. The experiment plan consisted of four compositions with different treatments of the particles (cold water, hot water, sodium hidroxyde (NaOH) and calcium hidroxyde (Ca(OH)2), and a control composition. The panels were produced with nominal specific gravity of 1.20 g cm-³, with the ratios wood:concrete 1:2.75 and water:cement 0.40. The panels were evaluated for their physical and mechanical properties through the European standard EN. Analyses were performed to verify the occurrence of outliers, data normality and homogeneity of variances, and subsequently submitted to analysis of variance and Tukey test. The results of physical and mechanical properties of the panels indicated that the best method of treating particles is through the use of Ca(OH)2. With the exception of the modulus of rupture, the thickness swelling, modulus of elasticity and tensile perpendicular, they met the specifications of commercial panels produced by the BISON process. Therefore, the feasibility of use of Eucalyptus benthamii for wood-cement panels production was discovered.


O estudo teve como objetivo determinar as propriedades tecnológicas de painéis cimento-madeira produzidos com partículas de Eucalyptus benthamii Maiden et Cambage. O plano experimental foi formado por quatro composições com diferentes tratamentos das partículas (água fria, água quente, hidróxido de sódio (NaOH) e hidróxido de cálcio (Ca(OH)2), e uma composição testemunha. Os painéis foram produzidos com massa específica nominal de 1,20 g/cm³, com relação madeira:cimento de 1:2,75 e água:cimento de 0,40. Os painéis foram avaliados quanto as suas propriedades físicas e mecânicas por meio da norma europeia EN. Foram realizadas análises para verificar a ocorrência de outliers, normalidade dos dados e homogeneidade das variâncias, sendo posteriormente submetidas à análise da variância e teste de Tukey. Os resultados das propriedades físicas e mecânicas dos painéis indicaram que o melhor método de tratamento de partículas foi com o uso de Ca(OH)2. Com exceção do módulo de ruptura, o inchamento em espessura, módulo de elasticidade e tração perpendicular, atenderam às especificações de painéis comerciais produzidos pelo processo BISON. Dessa forma, verificou-se a viabilidade de uso da madeira de Eucalyptus benthamii para produção de painéis cimento-madeira.


Assuntos
Biotecnologia , Eucalyptus , Materiais de Construção
6.
R. Ci. agrovet. ; 14(3): 217-223, 2015. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-27888

Resumo

The study aimed to determine the technological properties of cement-wood panels produced with the particle Eucalyptus benthamii Maiden et Cambage. The experiment plan consisted of four compositions with different treatments of the particles (cold water, hot water, sodium hidroxyde (NaOH) and calcium hidroxyde (Ca(OH)2), and a control composition. The panels were produced with nominal specific gravity of 1.20 g cm-³, with the ratios wood:concrete 1:2.75 and water:cement 0.40. The panels were evaluated for their physical and mechanical properties through the European standard EN. Analyses were performed to verify the occurrence of outliers, data normality and homogeneity of variances, and subsequently submitted to analysis of variance and Tukey test. The results of physical and mechanical properties of the panels indicated that the best method of treating particles is through the use of Ca(OH)2. With the exception of the modulus of rupture, the thickness swelling, modulus of elasticity and tensile perpendicular, they met the specifications of commercial panels produced by the BISON process. Therefore, the feasibility of use of Eucalyptus benthamii for wood-cement panels production was discovered.(AU)


O estudo teve como objetivo determinar as propriedades tecnológicas de painéis cimento-madeira produzidos com partículas de Eucalyptus benthamii Maiden et Cambage. O plano experimental foi formado por quatro composições com diferentes tratamentos das partículas (água fria, água quente, hidróxido de sódio (NaOH) e hidróxido de cálcio (Ca(OH)2), e uma composição testemunha. Os painéis foram produzidos com massa específica nominal de 1,20 g/cm³, com relação madeira:cimento de 1:2,75 e água:cimento de 0,40. Os painéis foram avaliados quanto as suas propriedades físicas e mecânicas por meio da norma europeia EN. Foram realizadas análises para verificar a ocorrência de outliers, normalidade dos dados e homogeneidade das variâncias, sendo posteriormente submetidas à análise da variância e teste de Tukey. Os resultados das propriedades físicas e mecânicas dos painéis indicaram que o melhor método de tratamento de partículas foi com o uso de Ca(OH)2. Com exceção do módulo de ruptura, o inchamento em espessura, módulo de elasticidade e tração perpendicular, atenderam às especificações de painéis comerciais produzidos pelo processo BISON. Dessa forma, verificou-se a viabilidade de uso da madeira de Eucalyptus benthamii para produção de painéis cimento-madeira.(AU)


Assuntos
Eucalyptus , Materiais de Construção , Biotecnologia
7.
Acta amaz ; 42(1): 59-64, mar. 2012. tab
Artigo em Português | LILACS, VETINDEX | ID: lil-607975

Resumo

Esta pesquisa teve como objetivo avaliar a qualidade de painéis aglomerados produzidos com resíduos de processamento em serraria de nove espécies de madeiras tropicais da Amazônia. As espécies estudadas foram: Scleronema micranthum Ducke (Cardeiro), Ecclinusa guianensis Eyma (Caucho), Scleronema sp. (Castanha-de-paca), Copaifera multijuga Hayne (Copaíba), Ocotea sp. (Louro), Ocotea guianensis Aubl (Louro-espinho), Caryocar villosum Pers. (Piquiarana), Couratari oblongifolia Ducke & R. Knuth (Tauari) e Virola surinamensis Rol. Warb (Virola). Foram produzidos painéis experimentais com densidade nominal de 0,75 g.cm-3, utilizando a resina uréia-formaldeído na proporção de 8 por cento de sólidos - base peso seco das partículas. Os painéis foram prensados com pressão específica de 4,0 MPa, temperatura de 160 ºC e tempo de prensagem de oito minutos. As avaliações dos resultados de ensaios obtidos nesta pesquisa indicam a viabilidade técnica de utilização das nove espécies provenientes de florestas tropicais da Amazônia na produção de painéis de madeira aglomerada, com destaque para Ecclinusa guianensis Eyma (Caucho) que, de uma forma geral, apresentou melhores resultados de propriedades físico-mecânicas.


This research was developed to evaluate the quality of particleboards manufactured from sawmill waste of nine tropical wood species of Amazônia. The following species were studied: Scleronema micranthum Ducke (Cardeiro), Ecclinusa guianensis Eyma (Caucho), Scleronema sp. (Castanha-de-paca), Copaifera multijuga Hayne (Copaíba), Ocotea sp. (Louro), Ocotea guianensis Aubl (Louro-espinho), Caryocar villosum Pers. (Piquiarana), Couratari oblongifolia (Tauari) e Virola surinamensis Rol. Warb (Virola). The experimental boards were manufactured with the nominal density of 0.75 g.cm-3, using the urea-formaldehyde resin in the proportion of 8 percent of solid content based on oven dried wood particles. The boards were pressed at the specific pressure of 40 kgf/cm², temperature of 160 ºC and press time of eight minutes. The evaluations of test results obtained in this study indicate the potential use of the nine species from Amazon rainforest in the production of particleboard, highlighting Ecclinusa guianensis (Caucho) that, in general, showed better results of physical and mechanical properties.


Assuntos
Ureia , Formaldeído
8.
Acta amaz. ; 42(1)2012.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-450719

Resumo

This research was developed to evaluate the quality of particleboards manufactured from sawmill waste of nine tropical wood species of Amazônia. The following species were studied: Scleronema micranthum Ducke (Cardeiro), Ecclinusa guianensis Eyma (Caucho), Scleronema sp. (Castanha-de-paca), Copaifera multijuga Hayne (Copaíba), Ocotea sp. (Louro), Ocotea guianensis Aubl (Louro-espinho), Caryocar villosum Pers. (Piquiarana), Couratari oblongifolia (Tauari) e Virola surinamensis Rol. Warb (Virola). The experimental boards were manufactured with the nominal density of 0.75 g.cm-3, using the urea-formaldehyde resin in the proportion of 8% of solid content based on oven dried wood particles. The boards were pressed at the specific pressure of 40 kgf/cm², temperature of 160 ºC and press time of eight minutes. The evaluations of test results obtained in this study indicate the potential use of the nine species from Amazon rainforest in the production of particleboard, highlighting Ecclinusa guianensis (Caucho) that, in general, showed better results of physical and mechanical properties.


Esta pesquisa teve como objetivo avaliar a qualidade de painéis aglomerados produzidos com resíduos de processamento em serraria de nove espécies de madeiras tropicais da Amazônia. As espécies estudadas foram: Scleronema micranthum Ducke (Cardeiro), Ecclinusa guianensis Eyma (Caucho), Scleronema sp. (Castanha-de-paca), Copaifera multijuga Hayne (Copaíba), Ocotea sp. (Louro), Ocotea guianensis Aubl (Louro-espinho), Caryocar villosum Pers. (Piquiarana), Couratari oblongifolia Ducke & R. Knuth (Tauari) e Virola surinamensis Rol. Warb (Virola). Foram produzidos painéis experimentais com densidade nominal de 0,75 g.cm-3, utilizando a resina uréia-formaldeído na proporção de 8% de sólidos - base peso seco das partículas. Os painéis foram prensados com pressão específica de 4,0 MPa, temperatura de 160 ºC e tempo de prensagem de oito minutos. As avaliações dos resultados de ensaios obtidos nesta pesquisa indicam a viabilidade técnica de utilização das nove espécies provenientes de florestas tropicais da Amazônia na produção de painéis de madeira aglomerada, com destaque para Ecclinusa guianensis Eyma (Caucho) que, de uma forma geral, apresentou melhores resultados de propriedades físico-mecânicas.

9.
R. Ci. agrovet. ; 16(3): 277-285, 2017.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-714059

Resumo

Como Propriedades Físicas ea Composição química da madeira exercem grande Influência Sobre as OUTRAS Propriedades, pois estao Relacionadas à Transformação industrial, Bem Como Às Variadas Formas de Utilização. O Presente Estudo objetivou avaliar como Propriedades Químicas e Físicas da Cryptomeria japonica em Função da posição radial (Cerne / alburno). Como Propriedades Químicas determinadas were: o Teor de extrativos, Teor de lignina, Teor de materiais inorgânicos EO potencial hidrogeniônico, como Quais seguiram OS Procedimentos Recomendados Pelas Normas ABNT e TAPPI. A Determinação das Propriedades de Massa Específica e Estabilidade dimensional seguiram OS Procedimentos preconizados Pelas Normas EN 322 2002 e 323: 2002. De Maneira Geral, Ambas como Posições radiais apresentaram Propriedades Químicas compatíveis com a literatura do Pará uma Cryptomeria japonica . Ambas Pará como Posições foi obtido hum Baixo Teor de extrativos, Sendo ELE Mais Baixo sem alburno. Os Resultados obtidos indicaram that uma especie apresentou Massa Específica de baixa a mídia, Sendo ELA semelhante parágrafo Ambas como Posições radiais. Em relaçao à Estabilidade dimensional a Cryptomeria japonica foi classificada Como Estabilidade boa.

SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA