Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 7 de 7
Filtrar
Mais filtros

Base de dados
Tipo de documento
Intervalo de ano de publicação
1.
Ci. Rural ; 37(4)2007.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-705355

Resumo

The present study was aimed at evaluating the effects of autologous platelet-rich plasma (PRP) in combination with unabsorbable hydroxyapatite on bone callus formation in an experimental canine diaphyseal radius fracture stabilized with bone plate. Eight mature, male and female mongrel dogs were selected weighed 5 to 15kg. Bone defects were created, bilateral, in both radii diaphysis, corresponding to 25% of bone diameter. On the right radius (group HA/PRP), the defect was filled with PRP and hydroxyapatite. On the left radius (group HA), was placed hydroxyapatite alone. PRP was obtain by a simplified technique using a laboratory centrifuge. Clinical evaluations, bone formation and bone density by use of radiographic and optical densitometry, were compared between group HA/PRP and group HA after 15, 30, 45 and 60 days post surgery. The radiographic and densitometric study did not indicate a significant difference in the bone callus formation between the groups (P>0.05). In the present study the autologous PRP in combination with unabsorbable hydroxyapatite could not accelerated the bone callus in comparison with hydroxyapatite alone.


Avaliou-se, no presente estudo, os efeitos do plasma rico em plaquetas (PRP) autógeno combinado a hidroxiapatita não-absorvível na formação do calo ósseo em fraturas diafisárias induzidas experimentalmente em rádio de cães e fixadas com placas e parafusos ósseos. Foram utilizados oito cães adultos sem raça definida, machos ou fêmeas, com pesos compreendidos entre 5 e 15kg. Induziu-se na diáfise de ambos os rádios defeito ósseo correspondente a 25% do diâmetro do mesmo. No rádio direito (grupo HA/PRP), implantou-se plasma rico em plaquetas combinado a hidroxiapatita. No rádio esquerdo (grupo HA), implantou-se somente a hidroxiapatita. Para a obtenção do PRP, empregou-se protocolo simplificado utilizando centrífuga laboratorial comum. Comparou-se entre os grupos a evolução clínica dos animais, o tempo de formação e a densidade do calo ósseo por exames radiográficos simples e pela técnica de densitometria óptica aos 15, 30, 45 e 60 dias de pós-operatório. Tanto na avaliação radiográfica como densitométrica não se observou diferença estatisticamente significante na evolução do calo ósseo entre os grupos (P>0,05). No presente estudo, o PRP autógeno combinado à hidroxiapatita não-absorvível não acelerou o processo de formação do calo ósseo, comparado à hidroxiapatita somente.

2.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1477147

Resumo

The present study was aimed at evaluating the effects of autologous platelet-rich plasma (PRP) in combination with unabsorbable hydroxyapatite on bone callus formation in an experimental canine diaphyseal radius fracture stabilized with bone plate. Eight mature, male and female mongrel dogs were selected weighed 5 to 15kg. Bone defects were created, bilateral, in both radii diaphysis, corresponding to 25% of bone diameter. On the right radius (group HA/PRP), the defect was filled with PRP and hydroxyapatite. On the left radius (group HA), was placed hydroxyapatite alone. PRP was obtain by a simplified technique using a laboratory centrifuge. Clinical evaluations, bone formation and bone density by use of radiographic and optical densitometry, were compared between group HA/PRP and group HA after 15, 30, 45 and 60 days post surgery. The radiographic and densitometric study did not indicate a significant difference in the bone callus formation between the groups (P>0.05). In the present study the autologous PRP in combination with unabsorbable hydroxyapatite could not accelerated the bone callus in comparison with hydroxyapatite alone.


Avaliou-se, no presente estudo, os efeitos do plasma rico em plaquetas (PRP) autógeno combinado a hidroxiapatita não-absorvível na formação do calo ósseo em fraturas diafisárias induzidas experimentalmente em rádio de cães e fixadas com placas e parafusos ósseos. Foram utilizados oito cães adultos sem raça definida, machos ou fêmeas, com pesos compreendidos entre 5 e 15kg. Induziu-se na diáfise de ambos os rádios defeito ósseo correspondente a 25% do diâmetro do mesmo. No rádio direito (grupo HA/PRP), implantou-se plasma rico em plaquetas combinado a hidroxiapatita. No rádio esquerdo (grupo HA), implantou-se somente a hidroxiapatita. Para a obtenção do PRP, empregou-se protocolo simplificado utilizando centrífuga laboratorial comum. Comparou-se entre os grupos a evolução clínica dos animais, o tempo de formação e a densidade do calo ósseo por exames radiográficos simples e pela técnica de densitometria óptica aos 15, 30, 45 e 60 dias de pós-operatório. Tanto na avaliação radiográfica como densitométrica não se observou diferença estatisticamente significante na evolução do calo ósseo entre os grupos (P>0,05). No presente estudo, o PRP autógeno combinado à hidroxiapatita não-absorvível não acelerou o processo de formação do calo ósseo, comparado à hidroxiapatita somente.

3.
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 34(1): 12-15, 1997.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-710570

Resumo

Forty-three dogs having radiodense calculi were submitted to positive cystography. Disorders that could predispose to the appearance of those calculi were radiographically analysed. In 5 bitches no other anomaly related to calculi was observed. In 34.21% of the 38 remaining dogs calculi were associated to lumbar vertebral osteophytes; 28.95% had vesical diverticula and 15.79% urachal vestige. A large prostate was observed in 15.79% of the dogs, and 5.26% showed lumbar intervertebral disk calcification.


Em 43 cáes que apresentaram cálculos radiopacos, os exames radiográficos foram complementados com a cistografia positiva. Analisou-se nas radiografias a ocorrência de outras alterações que pudessem predispor aos cálculos. Em cinco cadelas náo foram observadas anomalias associadas aos cálculos. Nos demais 38 cães portadores de calculose vesical, esta afecção apareceu em 34,21% dos animais conjuntamente com osteófitos em vértebras lombares, em 28,95% em associação a divertículos vesicais, em15,79% com resquício do úraco, em 15,79% com aumento de volume da próstata e em 5,26%, com calcificação de disco intervertebral lombar.

4.
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 33(4): 239-243, 1996.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-710557

Resumo

We analysed radiographies of 634 young dogs, males and females, of different breeds, attended at the Veterinary Hospital of the Faculty of Veterinary Medicine and Zootechny of University of São Paulo, from January 1982 to December 1991. The clinical findings were those of metabolic osteopathy. The film readings provided the diagnosis of Nutritional Secondary Hyperparathireoidism, Rickets and Hypertrophic Osteodystrophy. Nutritional Secondary Hyperparathireoidism was the most frequent of the three pathologies. It occurred more in males, and among the purebred dogs it was more frequent in large and giant breeds. The same happened to those whose diagnoses was Hypertrophic Osteodystrophy. Only 11 cases of Rickets were diagnosed during the period of this study.


Foram analisadas radiografias de 634 animais de espécie canina, jovens, de ambos os sexos e raças variadas, encaminhados ao Serviço de Radiologia do Hospital Veterinário da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Universidade de São Paulo, no período de janeiro de 1982 a dezembro de 1991, com suspeitas clínicas de osteopatia metabólica. A interpretação dos exames radiográficos possibilitou o diagnóstico de Hiperparatireoidismo Secundário Nutricional, Raquitismo ou Osteodistrofia Hipertrófica. O Hiperparatireoidismo Secundário Nutricional foi a patologia mais freqüente das 3; entre os cães de raças puras acometeu mais  aqueles de raças grandes e gigantes e também foi mais freqüente no sexo masculino. O mesmo observamos com a Osteodistrofia Hipertrófica, que também foi mais freqüente em machos e, entre as raças puras, nas grandes e gigantes. Apenas 11 casos de Raquitismo foram diagnosticados no período de estudo.

5.
Ci. Rural ; 27(4)1997.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-703308

Resumo

This study presents a 13 years casuistic review of oesophageal and gastrointestinal foreign bodies. The cases were admitted at the surgical pathology and clinics of the Surgery Department of the Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Universidade de São Paulo. At clinical and radiographic examination, foreign bodies were detected in 12 cats, with age from 2 to 168 months, without prevalence of sex and affecting more cats with indefined breed. The found foreign bodies were located from oropharinx to intestines, among them: bones, needles, string, plastic, rubber and bezoar, presentingg as main clinical signs: anorexia and vomiting. Surgery was performed to solve the problem and among all the animals, onty one death ocurred. This review shows that foreign bodies are not common in cats and usually have good prognosis.


Neste trabalho são apresentados os resultados da revisão da casuística de 13 anos (1977-1989) sobre presença de corpos estranhos localizados no tubo digestivo de gatos atendidos pelo Serviço de Patologia e Clínica Cirúrgicas do Departamento de Cirurgia da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da USP e triados pelo Hospital Veterinário da mesma entidade. Após exames clínico e radiográfico observou-se, em 12 felinos da raça Siamês e sem raça definida, machos e fêmeas com idade variando entre dois e 168 meses, corpos estranhos, localizados desde a orofaringe até intestino e de diferentes origens - ossos, agulhas, linha, plástico, borracha e bezoar - apresentando como principais sinais anorexia e vômitos. Nove gatos foram submetidos a intervenção cirúrgica para a resolução do processo e do total de animais com diagnóstico de corpo estranho no trato digestivo foi constatado um óbito. Conclui-se, pelo período avaliado, que os corpos estranhos no tubo digestivo de galos não são observados com frequência, apresentando prognóstico favorável de cura, e havendo tendência de aumento no número de casos.

6.
Artigo em Português | LILACS-Express | VETINDEX | ID: biblio-1475054

Resumo

This study presents a 13 years casuistic review of oesophageal and gastrointestinal foreign bodies. The cases were admitted at the surgical pathology and clinics of the Surgery Department of the Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Universidade de São Paulo. At clinical and radiographic examination, foreign bodies were detected in 12 cats, with age from 2 to 168 months, without prevalence of sex and affecting more cats with indefined breed. The found foreign bodies were located from oropharinx to intestines, among them: bones, needles, string, plastic, rubber and bezoar, presentingg as main clinical signs: anorexia and vomiting. Surgery was performed to solve the problem and among all the animals, onty one death ocurred. This review shows that foreign bodies are not common in cats and usually have good prognosis.


Neste trabalho são apresentados os resultados da revisão da casuística de 13 anos (1977-1989) sobre presença de corpos estranhos localizados no tubo digestivo de gatos atendidos pelo Serviço de Patologia e Clínica Cirúrgicas do Departamento de Cirurgia da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da USP e triados pelo Hospital Veterinário da mesma entidade. Após exames clínico e radiográfico observou-se, em 12 felinos da raça Siamês e sem raça definida, machos e fêmeas com idade variando entre dois e 168 meses, corpos estranhos, localizados desde a orofaringe até intestino e de diferentes origens - ossos, agulhas, linha, plástico, borracha e bezoar - apresentando como principais sinais anorexia e vômitos. Nove gatos foram submetidos a intervenção cirúrgica para a resolução do processo e do total de animais com diagnóstico de corpo estranho no trato digestivo foi constatado um óbito. Conclui-se, pelo período avaliado, que os corpos estranhos no tubo digestivo de galos não são observados com frequência, apresentando prognóstico favorável de cura, e havendo tendência de aumento no número de casos.

7.
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 35(1): 32-36, 1998.
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-710243

Resumo

Food passage time through the digestive tract of a detritivorous freshwater fish (Prochilodus scrofa) was determinate by radiographic techniques using barium sulfate as a contrast medium. The fish were kept in tanks at a constant temperature of 23.5ºC and received by an oral catheter a mixture of 2.5 parts of ground ration and 1 part of oral suspension of contrast medium (Celobar). Radiographs were taken at intervals of 3 hours. Immediately after the introduction of the mixture the stomach was outlined by the contrast. A sphincter was observed between the cardiac and the muscular stomachs. After 3 hours, 80 per cent of the proximal intestine was filled. After 6 hours the contrast reached the proximal, medial and distal portions of the intestine. After 9 hours 70 per cent of the distal intestine was filled and after 12 hours, the rectum segment was still marked (25 per cent of the distal portion of the intestine).


O tempo de passagem de alimentos através do trato digestivo do peixe detritívoro de água doce Prochilodus scrofa foi determinado com o uso de técnicas radiográficas e de sulfato de bário como meio de contraste. Os peixes foram mantidos em tanques com temperatura constante de 23ºC e receberam via oral, através de um cateter, uma mistura de 2,5 partes de ração peletizada moída e 1 parte de suspensão oral do meio de contraste (Celobar). As radiografias foram obtidas em intervalos de 3 horas. Imediatamente após a introdução da mistura, visualizou-se o preenchimento gástrico pelo contraste. Foi observado um esfíncter existente entre os estômagos cárdico e pilórico. Após 3 horas, 80 por cento do intestino proximal estava repleto. Após 6 horas, o contraste atingiu as porções proximal, média e distal do intestino. Após 9 horas, 70 por cento do intestino distal estava repleto, e após 12 horas, havia a marcação do segmento do reto (25 por cento da porção distal do intestino).

SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA