Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 20
Filtrar
Mais filtros

Intervalo de ano de publicação
1.
Braz. J. Biol. ; 80(3): 523-528, 2020. mapas, ilus, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-29292

Resumo

Three districts viz. Lower Dir, Swat and Shangla in Khyber Pakhtunkhwa province, were surveyed for the collection of Pteropus vampyrus (the Indian flying fox) in Malakand division, the north western region of Pakistan from February to November 2018. A total of 35 specimens were captured. Out of the examined specimens 22 were found to be infected with ectoparasites. Three types of ectoparasites were observed including flies 20% (n=7/35), mites 28.5% (n=10/35) and bugs 14.2% (n=5/35). Male bats were more infected 57.1% (n=20/35) as compared to females 42.8% (n=15/35), however, no significant difference (p>0.05) was noted. Flies were recovered from wings membrane and head region, mites were found on wings, ears and around eyes while bugs were found attached on body surface and neck region. Body weight, circumference and wing span of male bats were greater as compared to female bats and were considered a key factor in clear cut identification of male and female Pteropus vampyrus (the Indian flyingfox). It was concluded that Pteropus vampyrus from north western part of Pakistan were parasitized by a varied parasite fauna with high infestation rates. We assume that in male bats the number of parasites is generally higher than in females. Our results revealed new insights into parasite fauna of Pteropus vampyrus.(AU)


Três distritos, Lower Dir, Swat e Shangla, em Khyber Pakhtunkhwa, foram pesquisados para a recolha de Pteropus vampyrus (raposa voadora indiana) na divisão de Malakand, região noroeste do Paquistão, de fevereiro a novembro de 2018. Foram capturados 35 espécimes, dos quais 22 foram infectados com ectoparasitas. Três tipos de ectoparasitas foram observados: moscas (20%; n = 7/35), ácaros (28,5%; n = 10/35) e insetos (14,2%; n = 5/35). Os morcegos machos foram mais infectados (57,1%; n = 20/35) do que as fêmeas (42,8%; n = 15/35); porém, nenhuma diferença significativa foi observada (p > 0,05). As moscas foram recuperadas da membrana das asas e da região da cabeça; já os ácaros foram encontrados nas asas, nas orelhas e ao redor dos olhos; por sua vez, os insetos foram encontrados na superfície do corpo e na região do pescoço. O peso corporal, a circunferência e a envergadura dos morcegos machos foram maiores em comparação aos morcegos fêmeas e foram considerados um fator-chave na identificação dos machos e das fêmeas Pteropus vampyrus (raposa voadora indiana). Conclui-se que os Pteropus vampyrus da parte noroeste do Paquistão foram parasitados por uma fauna variada de parasitas com altas taxas de infestação. Assume-se que, em morcegos machos, o número de parasitas é geralmente maior que em fêmeas. Os resultados deste estudo revelaram novos insights sobre a fauna parasita de Pteropus vampyrus.(AU)


Assuntos
Animais , Quirópteros/crescimento & desenvolvimento , Quirópteros/parasitologia , Peso Corporal , Ectoparasitoses/parasitologia
2.
Braz. J. Biol. ; 79(2): 321-325, abr.-jun. 2019. tab, ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-740915

Resumo

Recently, the South American lungfish Lepidosiren paradoxa is being found inside aquaculture ponds, and even though there are a few studies on their parasite fauna, there is still much to be reported. Thus, the objective of this study is to report parasitism by trichodinids in L. paradoxa, as these ciliate protozoa are related to injuries and mortality in fish farming. The lungfish were collected from experimental tanks, had their tegument scraped and the resultant mucus was analyzed under an optical microscope for morphological and morphometrical analyses in Giemsa and silver nitrate stained slides. The species found was identified as Trichodina quelleni. This is the first report of this parasite in L. paradoxa, and the second report in cultivated fish in Brazil.(AU)


Recentemente, o peixe pulmonado sul-americano Lepidosiren paradoxa tem sido encontrado em tanques de cultivo da aquicultura e, embora existam alguns estudos sobre a fauna de parasitas neste hospedeiro, ainda há muito a ser relatado. Assim, o objetivo deste estudo é relatar o parasitismo por tricodinídeos em L. paradoxa, pois esses protozoários ciliados estão relacionados a lesões e mortalidade na piscicultura. Os peixes foram coletados de tanques experimentais, tiveram seu tegumento raspado e o muco resultante foi analisado sob um microscópio óptico para análises morfológicas e morfométricas em lâminas impregnadas com Nitrato de Prata e com Giemsa. Os espécimes encontrados foram identificados como Trichodina quelleni. Este é o primeiro registro deste parasita em L. paradoxa, e a segunda ocorrência de Trichodina quelenii em peixes cultivados no Brasil.(AU)


Assuntos
Animais , Peixes/classificação , Peixes/parasitologia , Ectoparasitoses/parasitologia , Ectoparasitoses/veterinária , Aquicultura
3.
R. bras. Parasitol. Vet. ; 28(4): 563-568, 2019. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-25543

Resumo

Chiggers are ectoparasites of vertebrates and may cause trombiculiasis or transmit pathogens to their hosts. Specimens collected from rodents and marsupials were morphologically identified as Herpetacarus hertigi, Eutrombicula tinami, Kymocta sp., Quadraseta brasiliensis, Quadraseta falconensis, Quadraseta flochi, Quadraseta mackenziei, Quadraseta pazca, Quadraseta trapezoides, Quadraseta sp., Serratacarus sp., and Trombewingia bakeri. These mites were submitted individually to molecular analyses for the detection of bacteria of the genus Coxiella, Hepatozoon and Rickettsia. Samples were positive to Rickettsia only. Obtained sequences for the gltA (350 pb) and ompA (488 pb) genes were identical to Candidatus Rickettsia colombianensi, a species previously detected in ticks. In addition, molecular identification of mites based on 18S rDNA sequences are provided for H. hertigi, Kymocta sp., Q. brasiliensis, Q. pazca, Q. trapezoides, Quadraseta sp., and T. bakeri for the first time. This is the first report of the detection of a Rickettsia sp. in chigger mites collected on rodents in Brazil.(AU)


Os trombiculídeos são ectoparasitas de vertebrados e podem causar trombiculíase ou transmitir patógenos ao hospedeiro. Exemplares coletados em roedores e marsupiais foram identificados morfologicamente como Herpetacarus hertigi, Eutrombicula tinami, Kymocta sp., Quadraseta brasiliensis, Quadraseta falconensis, Quadraseta flochi, Quadraseta mackenziei, Quadraseta pazca, Quadraseta trapezoides, Quadraseta sp., Serratacarus sp. e Trombewingia bakeri. Estes ácaros foram submetidos individualmente à análise molecular para detecção de bactérias dos gêneros Coxiella, Hepatozoon e Rickettsia. Amostras foram positivas somente para Rickettsia. Sequências obtidas para os genes gltA (350 pb) e ompA (488 pb) foram idênticas à Candidatus Rickettsia colombianensi, uma espécie anteriormente detectada em carrapatos. Além disso, foram fornecidas sequências de DNA 18S para identificação molecular de H. hertigi, Kymocta sp., Q. brasiliensis, Q. pazca, Q. trapezoides, Quadraseta sp. e T. bakeri. Este é o primeiro registro da detecção de Rickettsia em ácaros trombiculídeos coletados em roedores do Brasil.(AU)


Assuntos
Animais , Mamíferos/parasitologia , Alphaproteobacteria/genética , Alphaproteobacteria/patogenicidade , Trombiculidae/genética , Trombiculidae/patogenicidade , Ectoparasitoses/parasitologia
4.
Acta Sci. Biol. Sci. ; 402018. graf, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-733691

Resumo

This study aimed to describe the diversity of fish parasites in the Amambai River, in theMato Grosso do Sul State, and generate information to facilitate studies of the biotic integrity of the region.During the period of September 2015 and July 2015, 48 specimens of 11 species of fish were analyzed forparasites. A total of 56.25% of the fish sampled from the Amambai River were infected with one or moremetazoan species. A total of 21,514 parasite specimens belonging to 24 different species we found; theywere distributed among six groups: Acanthocephala (Neoechinorhynchida), Cestoda (Proteocephalidea),Crustacea (Ergasilidae), Digenea (Cladorchiidae, Dadaytrema), Monogenea (Dactylogyridae) and Nematoda(Atractidae, Cucullanidae, Camallanidae, Rhabdochonidae). Of these, a monogenean, Mymarothecium sp.and four nematodes Cucullanus sp.; Procamallanus (Spirocamallanus) inopinatus Travassos, Artigas, andPereira, 1928; Rabdochona acuminate (Molin, 1860); and Rondonia rondoni Travassos, 1920 were recordedfor the first time on new hosts. This is the first work to gather information about the parasite fauna of fishfrom Amambai River in the Mato Grosso do Sul State, and provides records that contribute new reports ofthe occurrence of parasites in new locations.(AU)


Este estudo teve por objetivo descrever a diversidade dos parasitos de peixes do rio Amambai,Estado do Mato Grosso do Sul, a fim de gerar informações que possam servir como subsídios para estudosde integridade biótica da região. Entre o período de setembro de 2014 e julho de 2015 foram coletados eanalisados 48 espécimes de peixes, pertencentes a 11 espécies. No rio Amambai, no período estudado, umtotal de 56,25% dos peixes estavam parasitados por pelo menos uma espécie de metazoário. Foramencontrados 21.514 espécimes de parasitos pertencentes a 24 espécies diferentes, distribuídos em seisgrupos: Acanthocephala (Neoechinorhynchida), Cestoda (Proteocephalidea), Crustacea (Ergasilidae),Digenea (Cladorchiidae, Dadaytrema), Monogenea (Dactylogyridae) e Nematoda (Atractidae, Cucullanidae,Camallanidae, Rhabdochonidae). Destes, um Monogenea, Mymarothecium sp. e quatro Nematoda –Cucullanus sp.; Procamallanus (Spirocamallanus) inopinatus Travassos, Artigas, and Pereira, 1928; Rabdochonaacuminate (Molin, 1860); e Rondonia rondoni Travassos, 1920 foram registrados pela primeira vez em novoshospedeiros. Este é o primeiro trabalho que reúne informações sobre a fauna parasitária de peixesprovenientes do rio Amambai, no Estado do Mato Grosso do Sul, onde os registros ampliam a lista denovos relatos de ocorrência de parasitos em novas localidades.(AU)


Assuntos
Animais , Peixes , Biodiversidade , Ecologia , Ectoparasitoses/parasitologia
5.
Acta sci., Biol. sci ; 4020180000. graf, tab
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1460791

Resumo

This study aimed to describe the diversity of fish parasites in the Amambai River, in theMato Grosso do Sul State, and generate information to facilitate studies of the biotic integrity of the region.During the period of September 2015 and July 2015, 48 specimens of 11 species of fish were analyzed forparasites. A total of 56.25% of the fish sampled from the Amambai River were infected with one or moremetazoan species. A total of 21,514 parasite specimens belonging to 24 different species we found; theywere distributed among six groups: Acanthocephala (Neoechinorhynchida), Cestoda (Proteocephalidea),Crustacea (Ergasilidae), Digenea (Cladorchiidae, Dadaytrema), Monogenea (Dactylogyridae) and Nematoda(Atractidae, Cucullanidae, Camallanidae, Rhabdochonidae). Of these, a monogenean, Mymarothecium sp.and four nematodes – Cucullanus sp.; Procamallanus (Spirocamallanus) inopinatus Travassos, Artigas, andPereira, 1928; Rabdochona acuminate (Molin, 1860); and Rondonia rondoni Travassos, 1920 – were recordedfor the first time on new hosts. This is the first work to gather information about the parasite fauna of fishfrom Amambai River in the Mato Grosso do Sul State, and provides records that contribute new reports ofthe occurrence of parasites in new locations.


Este estudo teve por objetivo descrever a diversidade dos parasitos de peixes do rio Amambai,Estado do Mato Grosso do Sul, a fim de gerar informações que possam servir como subsídios para estudosde integridade biótica da região. Entre o período de setembro de 2014 e julho de 2015 foram coletados eanalisados 48 espécimes de peixes, pertencentes a 11 espécies. No rio Amambai, no período estudado, umtotal de 56,25% dos peixes estavam parasitados por pelo menos uma espécie de metazoário. Foramencontrados 21.514 espécimes de parasitos pertencentes a 24 espécies diferentes, distribuídos em seisgrupos: Acanthocephala (Neoechinorhynchida), Cestoda (Proteocephalidea), Crustacea (Ergasilidae),Digenea (Cladorchiidae, Dadaytrema), Monogenea (Dactylogyridae) e Nematoda (Atractidae, Cucullanidae,Camallanidae, Rhabdochonidae). Destes, um Monogenea, Mymarothecium sp. e quatro Nematoda –Cucullanus sp.; Procamallanus (Spirocamallanus) inopinatus Travassos, Artigas, and Pereira, 1928; Rabdochonaacuminate (Molin, 1860); e Rondonia rondoni Travassos, 1920 – foram registrados pela primeira vez em novoshospedeiros. Este é o primeiro trabalho que reúne informações sobre a fauna parasitária de peixesprovenientes do rio Amambai, no Estado do Mato Grosso do Sul, onde os registros ampliam a lista denovos relatos de ocorrência de parasitos em novas localidades.


Assuntos
Animais , Biodiversidade , Ecologia , Peixes , Ectoparasitoses/parasitologia
6.
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 55(4): e144086, 2018. tab, ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-19554

Resumo

This study analyzed the ectoparasitic fauna of freshwater ornamental fish marketed by a wholesaler in the São Paulo city. This study was undertaken from January to December 2016. A total of 268 freshwater ornamental fishes of various species that showed signs of disease after arrival at the establishment were evaluated. From the individuals, ectoparasites were collected by scraping off the skin and gills and visualized using an optical microscope at increasing magnification of 40x, 100x, 200x, and 400x. Parasites were found in 220 animals (82%); 11 different parasites were recorded, which included Ichthyophthirius multifiliis, Monogenes, Metacercariae (Centrocestrus formousus), Epistylis spp., Chilodonella spp., Lernaea spp., Tetrahymena spp., Piscinoodinium spp., Trichodina spp., Ichthyobodo spp. and Argulus spp. The occurrence of the parasites in the establishment studied can indicates that the suppliers lack of good sanitary and hygiene practices in the management of their facilities, consequently distributing infested animals and putting the whole supply chain at risk.(AU)


O presente trabalho analisou a fauna ectoparasitária de peixes ornamentais de água doce comercializados em um estabelecimento atacadista de peixes ornamentais na grande São Paulo no período de janeiro a dezembro de 2016. Foram avaliados 268 peixes ornamentais de água doce de diversas espécies que apresentaram sinais de doença após a chegada ao estabelecimento. Nos indivíduos foi efetuada a pesquisa de ectoparasitas por meio da raspagem de pele e brânquias e visualização em microscópio óptico em aumento 40x, 100x, 200x e 400x. Foram encontrados parasitos em 220 animais (82%) incluindo 11 parasitos distintos: Ichthyophthirius multifiliis, Monogêneas, Metacercárias (Centrocestrus formousus), Epistylis spp., Chillodonella spp., Lernaea spp., Tetrahymena spp., Piscinoodinium spp., Trichodina spp., Ichthyobodo spp. e Argulus spp. A ocorrência dos parasitas no estabelecimento em estudo pode ser indicativa da falta de boas práticas sanitárias e de higiene dos fornecedores no manejo de suas instalações e, consequentemente, na distribuição de animais infestados, o que coloca em risco toda cadeia.(AU)


Assuntos
Animais , Peixes/parasitologia , Ectoparasitoses/parasitologia , Ectoparasitoses/veterinária , Medicina Veterinária
7.
R. bras. Parasitol. Vet. ; 25(4): 527-530, Sept.-Dec. 2016. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-744055

Resumo

Abstract The Siphonaptera are parasitic insects of endothermic animals and Ctenocephalides felis and Pulex irritans are important parasites of dogs. This study evaluated the effect of hair coat length and time of year on the population size of C. felis and P. irritans in naturally infested dogs. Fleas were collected from 14 dogs on a monthly basis for a year (February 2015 to January 2016) at a rural property in Bagé, Rio Grande do Sul, Brazil. The dogs were divided into two groups based on hair coat length: short coat (coat length 5.0 cm, n= 7) and long coat (coat length > 5.0 cm, n= 7). In total, 2057 fleas were collected, 1541 of which were C. felis (74.91%) and 516 were P. irritans (25.08%). The number of C. felis and P. irritans individuals was significantly affected by hair coat length and time of year. The variation in flea numbers over the study months was higher in long-coated than in short-coated dogs for the two flea species and flea numbers increased with increasing mean monthly temperatures. The results provide a better understanding of behavioral aspects of flea communities in dogs and may help develop control strategies targeting these parasites.(AU)


Resumo Sifonápteros são insetos parasitos de animais endotérmicos e Ctenocephalides felis e Pulex irritans são importantes parasitos dos cães. O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência da altura da pelagem de cães sobre as espécies de pulgas em diferentes meses do ano. Foram coletadas mensalmente, durante um ano, 10 a 15 pulgas em 14 cães de uma propriedade rural no município de Bagé, RS, Brasil. Os cães foram divididos em dois grupos: pelo curto e pelo longo, com 07 cães em cada grupo, com altura da pelagem inferior e superior a 5 cm, respectivamente. Coletou-se 2.057 pulgas, 1.541 (74,91%) C. felis e 516 (25,08%) P. irritans. O número de indivíduos de C. felis e de P. irritans foi influenciado significativamente, pelo comprimento do pelo dos animais e pelos diferentes meses do ano. Houve maior variação do número de indivíduos das duas espécies, durante os meses, em cães de pelos longos e a curva de aumento populacional acompanhou o aumento das temperaturas médias mensais. Os resultados são importantes para o melhor conhecimento de aspectos comportamentais de comunidades de pulgas em cães e para o planejamento de estratégias de controle desses parasitos.(AU)


Assuntos
Animais , Cães , Pelo Animal/anatomia & histologia , Pelo Animal/parasitologia , Doenças do Cão/parasitologia , Ectoparasitoses/parasitologia , Ectoparasitoses/veterinária , Infestações por Pulgas/etiologia , Infestações por Pulgas/veterinária , Sifonápteros , Brasil
8.
R. bras. Parasitol. Vet. ; 24(3): 283-289, jul.-set. 2015. ilus, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-23901

Resumo

Concomitant infections by several parasitic genera are rare, very debilitating and often lethal to fish reared under commercial breeding conditions. Were describe a multiple and concurrent parasite infestation in cultured goldfish Carassius auratus with skin damage (nodules and/or ulceration). Fish with skin lesions underwent necropsy, and the skin and gills were scraped and examined. Histopathological examination with Hematoxylin-Eosin and Giemsa stain, and an ultrastructure study using transmission and scanning electron microscopy were conducted. In the skin, we identified multiple-parasite infestations by Gyrodactylidae, Epistylis sp., Trichodina sp., Ichthyophthirius multifiliis, Tetrahymena sp. and Ichthyobodo necator,associated with epithelial cell hyperplasia and epidermal sloughing. Although no gross lesions were observed, were identified a large number of parasites in the gills (Epistylis sp., Piscinoodinium sp., Ichthyophthirius multifiliis, Trichodina sp., Apiosoma sp., Hexamitasp. and cysts of a trematode digenean). The observed trematodes were not identified. The associated microscopic lesions were epithelial hypertrophic and hyperplasic and exhibited fusion of secondary lamellae and epithelial cell detachment. This is the first description of a protozoan Vorticella sp. parasitizing goldfish in Brazil. Multiple ectoparasitism by protozoa and Platyhelminthes, with or without apparent tissue damage, can be fatal for goldfish raised on farms with poor management.(AU)


A infestação concomitante por vários gêneros de parasitas é uma condição rara, debilitante e letal para os peixes e está geralmente associada aos problemas ambientais e de manejo. Com o objetivo de descrever os ectoparasitos presentes em kinguios Carassius auratus com lesões cutâneas, cultivados em fazenda comercial, foram analisados 30 exemplares de peixes por esfregaços de pele lesionada e de brânquias; exame histopatológico de tecidos corados pela técnica de Hematoxilina-Eosina e Giemsa e estudo ultraestrutural por microscopia eletrônica de transmissão e varredura de tecidos coletados após necropsia. Nas lesões cutâneas, foram observados os parasitos: Gyrodactylidae, Epistylis sp., Trichodina sp., Ichthyophthirius multifiliis, Tetrahymena sp. e Ichthyobodo necator, associados à hiperplasia epitelial, descamação epidérmica e presença de infiltrado inflamatório. A infestação das brânquias, mesmo sem lesão macroscópica, evidenciou Epistylissp., Piscinoodinium sp., I. multifiliis, Trichodina sp., Apiosoma sp., Hexamita sp. e cistos de trematódeo associados à hipertrofia e hiperplasia epitelial, fusão de lamelas secundárias, descamação epitelial e presença de infiltrado inflamatório. Os trematódeos observados não foram identificados. É a primeira descrição do protozoário Vorticella sp. parasitando kinguios no Brasil. O ectoparasitismo múltiplo por protozoários e platelmintos, com ou sem lesão aparente, pode ser fatal em peixes cultivados em condições ambientais precárias.(AU)


Assuntos
Animais , Doenças dos Peixes/parasitologia , Ectoparasitoses/parasitologia , Ectoparasitoses/veterinária , Brânquias/parasitologia , Infecções por Protozoários , Microscopia Eletrônica de Transmissão , Brasil
9.
Pesqui. vet. bras ; 35(7): 659-663, jul. 2015. tab, graf
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-840

Resumo

Ácaros do gênero Otodectes são parasitos encontrados frequentemente no ouvido de cães e gatos, sendo reconhecidos como os principais causadores de otite externa nesses animais. Trezentos e vinte cães, oriundos do município de Cuiabá, Mato Grosso, foram examinados através da otoscopia e do exame do swab parasitológico, com o objetivo de avaliar, através da análise bayesiana para a estimativa da prevalência, sensibilidade e especificidade destes métodos no diagnóstico da infestação causada pelo ácaro utilizando-se de dados a priori informativos e não informativos. Cada animal foi considerado uma unidade experimental. Do total de cães examinados, 142 (44,37%) apresentaram-se positivos para otocariose. Em 100 animais (31,25%) a infestação foi diagnosticada pelos dois métodos, em 31 (9,69%) apenas pelo exame do swab parasitológico, em 11 (3,44%) apenas pela otoscopia e em 178 (55,62%) animais o resultado foi negativo por ambos os métodos. A sensibilidade da otoscopia, quando comparada ao exame do swab parasitológico, foi considerada menor, a especificidade dos testes, porém, não difere estatisticamente. O modelo, a priori informativo, demonstrou ser o mais plausível e reduziu consideravelmente o intervalo de credibilidade das estimativas dos parâmetros. Conclui-se que a análise bayesiana é efetiva na estimativa da prevalência e características dos testes diagnósticos.(AU)


Mites of the genus Otodectes are parasites found frequently in the ear of dogs and cats, being recognized as the main causers of external otitis in these animals. Three hundred and twenty dogs, deriving of the city of Cuiabá, Mato Grosso, had been examined through the otoscopy and of the examination of parasitological swab, with the objective to evaluate through the bayes'analysis for the estimate of the prevalence, sensitivity and especificity of these methods in the diagnosis of the infestation caused for the mite, using dates informative and not informative a priori. Each animal was considered an experimental unit. Of the total of examined dogs, 142 (44.37%) had been presented positive for otocariosis. In 100 animals (31.25%) the infestation was diagnosed by the two methods, in 31 (9.69%) only for the examination of parasitological swab, in 11 (3.44%) only for the otoscopy and in 178 (55.62%) animal the result was negative for both the methods. The sensitivity of the otoscopy, when compared with the examination of parasitological swab, was considered lesser, however the especificity of tests they do not differ. The informative model with priori it demonstrated to be most reasonable and considerably reduced the interval of credibility of the estimates of the parameters. It can be concluded that Bayes'analysis is effective in the estimation of prevalence and characteristics of the diagnostic tests.(AU)


Assuntos
Animais , Cães , Otoscopia/veterinária , Otoscopia/métodos , Otite/diagnóstico , Otite/parasitologia , Otite/veterinária , Teorema de Bayes , Prevalência , Ectoparasitoses/parasitologia , Ectoparasitoses/veterinária , Sensibilidade e Especificidade
10.
Pesqui. vet. bras ; 35(9): 788-794, set. 2015. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-13531

Resumo

Os animais silvestres são hospedeiros de uma grande variedade de parasitos que podem interferir em sua conservação ex situ. O objetivo deste estudo foi identificar os parasitos gastrointestinais (PGI) e ectoparasitos dos animais do Centro de Triagem de Animais Silvestres (CETAS) do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) de Recife, Pernambuco, além de determinar os aspectos do manejo em cativeiro que possam estar relacionados com os parasitos identificados. Foram coletados ectoparasitos e amostras fecais de 223 aves e mamíferos, as quais foram processadas pelos métodos: microscopia direta, flutuação e sedimentação. Helmintos e/ou protozoários foram detectados em 91 (40,8%) amostras fecais, sendo 64 (70,3%) de aves e 27 (29,7%) de mamíferos. Ovos de Capillaria sp., Ascaridida, Spirurida e oocistos de Eimeria sp. foram detectados nas amostras fecais das aves, enquanto ovos de Trichuris trichiura, Strongyloides sp., Toxocara canis, Ancylostoma sp., Strongylida e oocistos de Coccídios foram encontrados nas amostras fecais de mamíferos. Os ectoparasitos identificados em aves foram Colpocephalum turbinatum, Kurodaia (Kurodaia) fulvofasciata, Halipeurus sp., Naubates sp., Saemundssonia sp., Austromenopon sp., Paragoniocotes sp., Brueelia sp., Myrsidea sp. and Pseudolynchia sp., enquanto em mamíferos os ectoparasitos identificados foram Rhipicephalus sanguineus, Amblyomma varium, A. calcaratum, A. nodosum, Ornithodoros talaje e Ctenocephalides felis felis. A. calcaratum e O. talaje são registrados pela primeira vez em Pernambuco e T. tetradactyla é apresentado como novo hospedeiro de O. talaje. Nenhum dos animais estudados apresentou sinais clínicos em decorrência da infecção/infestação parasitária. Parasitos com potencial zoonótico como T. trichiura, Strongyloides sp., T. canis e Ancylostoma sp. foram identificados em primatas não humanos e carnívoros. Precárias condições estruturais e sanitárias do CETAS-PE estão...(AU)


Wild animals are host to a variety of parasites that may interfere in their ex situ conservation. The objective of this study was to identify gastrointestinal parasites (GP) and ectoparasites of animals of Centro de Triagem de Animais Silvestres (CETAS) of Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Renováveis (IBAMA) in Recife/Pernambuco, Brazil, and to determine the aspects of captivity management that may be related to the parasites identified. We collected ectoparasites and fecal samples from 223 birds and mammals, which were processed by direct smear, flotation and sedimentation methods. Overall, helminthes and/or protozoa were detected in 91 (40.8%) fecal samples of 64 (70.3%) birds and 27 (29.7%) mammals. Capillaria sp., Ascaridida and Spirurida eggs and Eimeria sp. oocysts were found in fecal samples of birds, while eggs of Trichuris trichiura, Strongyloides sp., Toxocara canis, Ancylostoma sp., Strongylida and Coccidia oocysts were detected in fecal samples of mammals. Ectoparasites identified in birds were Colpocephalum turbinatum, Kurodaia (Kurodaia) fulvofasciata, Halipeurus sp., Naubates sp., Saemundssonia sp., Austromenopon sp., Paragoniocotes sp., Brueelia sp., Myrsidea sp. and Pseudolynchia sp. In mammals, the ectoparasites identified were Rhipicephalus sanguineus, Amblyomma varium, A. calcaratum, A. nodosum, Ornithodoros talaje and Ctenocephalides felis felis. A. calcaratum e O. talaje are presented for the first time in Pernambuco state and T. tetradactyla is reported as a new host of O. talaje. No animal presented clinical signs due to parasitic infection/infestation. Zoonotic parasites like T. trichiura, Strongyloides sp., T. canis and Ancylostoma sp. were identified in non-human primates and carnivores. Poor structural and sanitary conditions of CETAS-PE are related to the parasites identified in this study and should be taken into account for the adoption of appropriate control measures...(AU)


Assuntos
Animais , Animais Selvagens/parasitologia , Parasitos/parasitologia , Gastroenteropatias/parasitologia , Ectoparasitoses/parasitologia , Mamíferos/parasitologia , Aves
11.
R. bras. Parasitol. Vet. ; 24(2): 183-190, 12/06/2015. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-50914

Resumo

This study compared the parasite communities of Hoplias malabaricus and Hoplerythrinus unitaeniatus from Amazon river system. Hoplias malabaricus were infected by Ichthyophthirius multifiliis, Piscinoodinium pillulare, Tetrahymena sp., Urocleidoides eremitus, Braga patagonica, metacercariae of Clinostomum marginatum, Procamallanus (Spirocamallanus) inopinatus, larvae of Contracaecum sp. and larvae of Nomimoscolex matogrossensis. Hoplerythrinus unitaeniatus were also infected by these same species of protozoans, nematodes, digeneans and cestodes, except for Tetrahymena sp. and B. patagonica, which were replaced by Argulus pestifer, Urocleidoides sp., Whittingtonocotyle caetei, Whittingtonocotyle jeju and Gorytocephalus spectabilis. For both hosts, I. multifiliis and P. pillulare were the predominant parasites. Most of the parasites presented an overdispersion. Parasite species richness, Brillouin diversity, evenness and Berger-Parker dominance were similar for the two hosts. The length and weight of H. malabaricus showed a positive correlation with the abundance of U. eremitus and Contracaecum sp., while the weight of H. unitaeniatus showed a positive correlation with the abundance of I. multifiliis. The diversity of ectoparasites seemed to be influenced by the behavior of these two hosts. This was shown by the similar parasite communities and was characterized by low species diversity, low evenness and low richness, and by a high prevalence of ectoparasites.(AU)


Este estudo comparou a comunidade parasitária de Hoplias malabaricus e Hoplerythrinus unitaeniatus do sistema do Rio Amazonas. Hoplias malabaricus estavam infectados por Ichthyophthirius multifiliis, Piscinoodinium pillulare, Tetrahymena sp., Urocleidoides eremitus, Braga patagonica, metacercarias de Clinostomum marginatum, Procamallanus (Spirocamallanus) inopinatus, larvas de Contracaecum sp. e larvas de Nomimoscolex matogrossensis. Hoplerythrinus unitaeniatus estavam também infectados por essas mesmas espécies de protozoários, nematoides, digeneas e cestóide, exceto Tetrahymena sp. e B. patagonica, que foram substituídos por Argulus pestifer, Urocleidoides sp., Whittingtonocotyle caetei, Whittingtonocotyle jeju e Gorytocephalus spectabilis. Para ambos os hospedeiros, a dominância foi de I. multifiliis e P. pillulare. Houve dispersão agregada para a maioria dos parasitos e similar riqueza de espécies de parasitos, diversidade de Brillouin, uniformidade e dominância de Berger-Parker, para ambos os hospedeiros. O comprimento e peso de H. malabaricus mostrou correlação positiva com a abundância de U. eremitus e Contracaecum sp., enquanto o peso de H. unitaeniatus mostrou correlação positiva com abundância de I. multifiliis. A diversidade de ectoparasitos parece influenciada pelo comportamento desses dois hospedeiros. Isso é mostrado pela similar comunidade de parasitos e caracterizada por uma baixa diversidade de espécies, baixa uniformidade e baixa riqueza de espécies, e pela elevada prevalência de ectoparasitos.(AU)


Assuntos
Animais , Parasitos/parasitologia , Peixes/parasitologia , Ectoparasitoses/parasitologia , Ectoparasitoses/veterinária
12.
R. bras. Parasitol. Vet. ; 24(2): 136-147, Apr-Jun/2015. ilus, graf, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-50902

Resumo

The purpose of this study was to use the informations relating to parasite crustaceans species that was published over the course of one century (1913 to 2013), in order to search for infestation and distribution patterns among these ectoparasites in Brazilian freshwater fish species. This search was carried out on 445 samples of 119 host fish of 27 families within the orders Characiformes, Perciformes, Clupeiformes, Mugiliformes, Osteoglossiformes, Symbranchiformes, Tetraodontiformes and Siluriformes from various regions of Brazil. We organized different host-parasite systems into matrices grouping species at different taxonomic and infestation levels and according to host parameters. Five families of parasites (Ergasilidae, Argulidae, Lernaeidae, Lernaeopodidae and Cymothoidae) distributed into 76 species of 27 genera were analyzed in the host samples, which presented dominance of Ergasilidae species, mainly from the genus Ergasilus. Some crustaceans are host and site-specific, especially in relation to fish in particular habitats and lifestyles (e.g. Perulernaea gamitanae, Anphira branchialis and Riggia paranensis), while other parasites frequently have no preference (e.g. Lernaea cyprinacea and Braga patagonica). We found broadly similar distribution patterns for some crustacean species among the different localities, whereas other species showed well-defined geographical patterns, and these findings were discussed.(AU)


O objetivo deste estudo foi utilizar as informações relacionadas com espécies de crustáceos parasitas, que foram publicados durante um século (1913 a 2013), para procurar padrões de infestação e distribuição desses ectoparasitos em espécies de peixes de água doce do Brasil. Esta pesquisa foi realizada em 445 amostras de 119 peixes hospedeiros de 27 famílias de Characiformes, Perciformes, Clupeiformes, Mugiliformes, Osteoglossiiformes, Symbranchiformes, Tetraodontiformes e Siluriformes das diversas regiões do Brasil. Foram organizados em matrizes de agrupamento diferentes sistemas parasito-hospedeiros em diferentes níveis taxonômicos, níveis de infestação e parâmetros dos hospedeiros. Cinco famílias (Ergasilidae, Argulidae, Lernaeidae, Lernaeopodidae e Cymothoidae) de parasitos, distribuídos em 76 espécies de 27 gêneros, foram analisados em amostras dos hospedeiros, que apresentaram dominância de espécies Ergasilidae principalmente do gênero Ergasilus. Alguns crustáceos são hospedeiros e sítios-específicos no hospedeiro, especialmente peixes de determinados hábitat e estilo de vida (por exemplo, Perulernaea gamitanae, Anphira branchialis e Riggia paranensis), enquanto outros parasitos não têm qualquer preferência (por exemplo, Lernaea cyprinacea e Braga patagonica). Foram encontrados padrões muito semelhantes na distribuição de algumas espécies de crustáceos entre as diferentes localidades, enquanto outras espécies mostraram um padrão geográfico bem definido, o que foi discutido aqui.(AU)


Assuntos
Animais , Ectoparasitoses/parasitologia , Crustáceos/parasitologia , Crustáceos/crescimento & desenvolvimento
13.
Pesqui. vet. bras ; 33(6): 741-744, June 2013. ilus, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-8777

Resumo

Outbreaks of stable fly, Stomoxys calcitrans, cause losses for livestock producers located near sugarcane mills in Brazil, especially in southern Mato Grosso do Sul. The sugarcane mills are often pointed by local farmers as the primary source of these outbreaks; some mills also joined the farmers in combating the flies. Brazilian beef cattle production has great economic importance in similar level to bio-fuel production as ethanol. In this context, the wide-ranging knowledge on the biology and ecology of the stable fly, including larval habitats and their reproduction sites is extremely important for further development of control programs. This paper aims to report the occurrence and development of S. calcitrans larvae inside sugarcane stems in three municipalities of Mato Grosso do Sul. The sugarcane stems give protection against bad weather conditions and insecticide application. In this way, for sustainable sugarcane growth specific research concerning this situation should be conducted.(AU)


Surtos de mosca dos estábulos, Stomoxys calcitrans, vêm causando prejuízos em fazendas de pecuaria localizadas próximas as usinas de cana no Brasil, especialmente no sul do Mato Grosso do Sul. As usinas são frequentemente apontadas pelos pecuarístas locais, como a principal fonte desses surtos e algumas destas usinas também se uniram aos agricultores no combate a este parasita. No Brasil, a produção de gado de corte tem grande importância econômica em nível semelhante ao de bio-combustíveis como o etanol. Neste contexto, o conhecimento amplo sobre a bioecologia, incluindo os habitats das larvas e os seus locais de reprodução, é extremamente importante para o desenvolvimento de programas de controle para a mosca dos estábulos. Este trabalho teve como objetivo registrar que larvas de S. calcitrans podem desenvolver dentro do colmo da cana. Larvas foram encontradas dentro de colmos de cana de açúcar em três oportunidades em diferentes cidades. O colmo da cana pode dar proteção para as larvas em condições climáticas desfavoráveis e aplicação de inseticidas. Desta forma, para o crescimento sustentável destas atividades, mais pesquisas específicas focadas nestas relações devem ser realizadas.(AU)


Assuntos
Animais , Masculino , Bovinos , Saccharum , Muscidae/parasitologia , Bovinos/parasitologia , Ectoparasitoses/parasitologia , Biocombustíveis
14.
R. bras. Parasitol. Vet. ; 21(2): 179-183, abr.-jun. 2012.
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-12479

Resumo

Reports on ectoparasites on dogs in Central America are scarce. The aim of this study was to identify flea, louse and tick species infesting dogs in home environments on the Caribbean slope of Costa Rica, and determine their frequency and coexistence. Ectoparasites were collected from dogs in 83 rural homes at five study sites. Specimens were identified and separated according to species. Fleas were the most common ectoparasite (G = 22,217, DF = 8, p = 0.004). Ctenocephalides felis and Pulex simulans were found in 83% and 55% of the homes with ectoparasites, respectively. Trichodectes canis (13%), Heterodoxus spiniger (10%), Rhipicephalus sanguineus (18%), Rhipicephalus (Boophilus) microplus (5%) and Amblyomma ovale (8%) were also present. More than one species was collected in most cases (66%), and the most common combination was C. felis and P. simulans (59% of homes with fleas). The high frequency of P. simulans emphasizes the need for adequate identification. This was the first study involving different ectoparasites of dogs in Costa Rica, as well as the first report of T. canis in this country. The relative frequency and coexistence of these ectoparasites in the home environment may have implications for animal and human health.


Relatos de ectoparasitos em cães da América Central são escassos. O objetivo deste estudo foi identificar espécies de pulgas, piolhos e carrapatos que infestam os cães no ambiente doméstico da vertente Caribe da Costa Rica, determinando sua frequência e coexistência. Foram coletados ectoparasitos de cães em 83 casas rurais de cinco sítios do estudo. Os indivíduos foram separados e identificados. Os ectoparasitos mais comuns foram as pulgas (G = 22.217, DF = 8, p = 0.004). Ctenocephalides felis e Pulex simulans foram observados em 83% e 55% das moradias com ectoparasitos, respectivamente. Da mesma forma também foram observados Trichodectes canis (13%), Heterodoxus spiniger (10%), Rhipicephalus sanguineus (18%), Rhipicephalus (Boophilus) microplus (5%) e Amblyomma ovale (8%). Na maioria dos casos, mais de uma espécie foi achada (66%), sendo que a combinação mais comum foi C. felis e P. simulans (59% de moradias com pulgas). A frequência alta de P. simulans ressalta a necessidade de sua adequada identificação. Este é o primeiro estudo que envolve diferentes ectoparasitas de cães na Costa Rica, da mesma forma, é o primeiro relato de T. canis no país. A frequência relativa e coexistência destes ectoparasitos no ambiente domiciliar poderiam ter implicações na saúde animal e humana.


Assuntos
Animais , Ectoparasitoses/parasitologia , Cães/parasitologia , Carrapatos/parasitologia , Sifonápteros/parasitologia , Ftirápteros/parasitologia , Costa Rica
15.
Rev. Bras. Parasitol. Vet. (Online) ; 21(2): 179-183, abr.-jun. 2012.
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1487799

Resumo

Reports on ectoparasites on dogs in Central America are scarce. The aim of this study was to identify flea, louse and tick species infesting dogs in home environments on the Caribbean slope of Costa Rica, and determine their frequency and coexistence. Ectoparasites were collected from dogs in 83 rural homes at five study sites. Specimens were identified and separated according to species. Fleas were the most common ectoparasite (G = 22,217, DF = 8, p = 0.004). Ctenocephalides felis and Pulex simulans were found in 83% and 55% of the homes with ectoparasites, respectively. Trichodectes canis (13%), Heterodoxus spiniger (10%), Rhipicephalus sanguineus (18%), Rhipicephalus (Boophilus) microplus (5%) and Amblyomma ovale (8%) were also present. More than one species was collected in most cases (66%), and the most common combination was C. felis and P. simulans (59% of homes with fleas). The high frequency of P. simulans emphasizes the need for adequate identification. This was the first study involving different ectoparasites of dogs in Costa Rica, as well as the first report of T. canis in this country. The relative frequency and coexistence of these ectoparasites in the home environment may have implications for animal and human health.


Relatos de ectoparasitos em cães da América Central são escassos. O objetivo deste estudo foi identificar espécies de pulgas, piolhos e carrapatos que infestam os cães no ambiente doméstico da vertente Caribe da Costa Rica, determinando sua frequência e coexistência. Foram coletados ectoparasitos de cães em 83 casas rurais de cinco sítios do estudo. Os indivíduos foram separados e identificados. Os ectoparasitos mais comuns foram as pulgas (G = 22.217, DF = 8, p = 0.004). Ctenocephalides felis e Pulex simulans foram observados em 83% e 55% das moradias com ectoparasitos, respectivamente. Da mesma forma também foram observados Trichodectes canis (13%), Heterodoxus spiniger (10%), Rhipicephalus sanguineus (18%), Rhipicephalus (Boophilus) microplus (5%) e Amblyomma ovale (8%). Na maioria dos casos, mais de uma espécie foi achada (66%), sendo que a combinação mais comum foi C. felis e P. simulans (59% de moradias com pulgas). A frequência alta de P. simulans ressalta a necessidade de sua adequada identificação. Este é o primeiro estudo que envolve diferentes ectoparasitas de cães na Costa Rica, da mesma forma, é o primeiro relato de T. canis no país. A frequência relativa e coexistência destes ectoparasitos no ambiente domiciliar poderiam ter implicações na saúde animal e humana.


Assuntos
Animais , Carrapatos/parasitologia , Cães/parasitologia , Ectoparasitoses/parasitologia , Ftirápteros/parasitologia , Sifonápteros/parasitologia , Costa Rica
16.
Braz. J. Biol. ; 71(2): 365-373, May 2011. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-11071

Resumo

A total of 240 Nile tilapia were examined between April 2007 and March 2008, gathered from three different fish farms, 20 fish in each fish farm, in the four seasons of the year. Fish ponds were located in Joinville, Blumenau and Ituporanga, Santa Catarina state, Brazil and each pond had a different culture system. Prevalence, mean intensity, mean abundance and mean relative dominance were compared among fish ponds and seasons. During this period, the water quality was kept in normal values. Piscinoodinium pillulare (Dinoflagellida) was the most dominant parasite followed by Trichodina magna e T. compacta (Ciliophora), Cichlydogyrus sclerosus, C halli, C. thurstonae, Scutogyrus longicornis (Monogenoidea), copepodids Lernaeidae gen. sp. The highest prevalence, mean intensity and mean abundance of ectoparasites were found on the body surface in fish from Joinville followed by Blumenau and Ituporanga. In the gills, the highest mean intensity and mean abundance were found in fish from Blumenau and Ituporanga in the winter. Piscinoodinium pillulare showed prevalence 100 percent during autumn in Blumenau and Ituporanga. In winter P. pillulare occurred in all study facilities. Fish from Joinville showed 100 percent prevalence of Monogenoidea during all seasons, as well as the highest mean intensity and abundance. The results showed that the majority of examined fish had higher infestations by protozoan during autumn and winter and higher infestations by metazoan have occurred in spring and summer.(AU)


Um total de 240 tilápias-do-nilo foi examinado entre abril de 2007 e março de 2008, a partir de três diferentes localidades em quatro estações, 20 de cada piscicultura. As pisciculturas estavam localizadas em Joinville, Blumenau e Ituporanga, Estado de Santa Catarina, Brasil. Taxa de prevalência, intensidade média, abundância média e dominância média relativa foram comparadas entre as pisciculturas e entre as estações. Durante esse período, a qualidade da água se manteve em valores normais para tilápia. Piscinoodinium pillulare (Dinoflagellida) foi o mais dominante seguido por Trichodina magna e Trichodina compacta (Ciliophora), Cichlydogyrus sclerosus, Cichlydogyrus halli, Cichlydogyrus thurstonae, Scutogyrus longicornis (Monogenoidea), copepoditos Lernaeidae gen. sp. Os maiores valores de taxa de prevalência, intensidade média e abundância média de ectoparasitos foram encontrados na superfície do corpo de peixes de Joinville, seguidos pelos de Blumenau e Ituporanga. Nas brânquias, as maiores intensidades e abundâncias médias foram encontradas em peixes de Blumenau e Ituporanga examinados no inverno. Piscinoodinium pillulare apresentou prevalência de 100 por cento no outono em Blumenau e Ituporanga. No inverno, a prevalência de P. pillulare ocorreu também em todas as pisciculturas. Peixes de Joinville apresentaram prevalência de 100 por cento de Monogenoidea em todas as estações, assim como as maiores intensidades e abundâncias médias. Os resultados mostraram que a maioria dos peixes examinados apresentaram maiores infestações por protozoários no outono e inverno, e metazoários na primavera e no verão.(AU)


Assuntos
Animais , Ciclídeos/parasitologia , Ectoparasitoses/veterinária , Doenças dos Peixes/epidemiologia , Pesqueiros , Estações do Ano , Brasil/epidemiologia , Ectoparasitoses/epidemiologia , Ectoparasitoses/parasitologia , Doenças dos Peixes/parasitologia , Prevalência
17.
Seropédica; s.n; 01/03/2012. 63 p.
Tese em Português | VETINDEX | ID: biblio-1504828

Resumo

Um total de 25 espécimes de Caparari P. fasciatum foram coletados no alto rio Xingu, entre Abril de 2010 à Julho de 2011. Foram apresentados dois novos registros de localidade de crustáceos parasitos da família Argulidae, foram registrados, Argulus pestifer e Dolops discoidalis, e uma espécie de monogenético foi proposta como nova, examinada, registrada e comentada em detalhes. Demidospermus sp. n. difere dos seus congêneres por apresentar âncoras em formas variáveis, raízes profundas não definidas, apresentando uma dobra. Barra ventral em forma variável, grossa, levemente curvada para a região anterior, extremidades alargadas, com presença ou não de uma quilha na parte antero-medial. Barra dorsal, em forma variável, reta e delgada, apresentando ou não uma depressão antero-medial com extremidades afiladas. Ganchos diferentes em tamanho e forma, pares 1-2: ponta e lâmina levemente curva ou curvada, polegar protuberante, truncado, haste dilatada ou delgada, afilada proximalmente, apresentando ou não bulbos na extremidade proximal; pares 3-4-6-7: ponta levemente curvada, curva ou reta, lâmina quase retas ou moderadamente curvadas, polegar truncado ou deprimido, haste moderadamente dilatada ou delgada, apresentado um bulbo na extremidade proximal; par 5: ponta e lâmina retas, polegar achatado, haste alongada e fina, apresentando um bulbo na região proximal. Órgão copulatório masculino (OCM), apresentando forma variável, como um tubo enrolado, variando no número de anéis no sentido anti-horário, apresentando abas que se conectam a uma margem esclerotizada ou em forma de G ao contrário, com um anel em sentido anti-horário, base dilatada apresentando uma margem esclerotizada desenvolvida, de onde se projeta um flap. Peça acessória, apresentando forma variável, ligeiramente côncava ou côncava, parte distal afilada, curvada ou pouco curva, servindo de guia para o OCM, presença ou não de espinhos na extremidade proximal. Vagina apresentando um vestíbulo saculiforme, ligado ao canal vaginal através de um estreitamento anelado presente ou não. O presente estudo poderá colaborar com futuras pesquisas, com o propósito de melhorar o nosso conhecimento sobre a fauna dos organismos aquáticos da região Amazônica


Assuntos
Animais , Ectoparasitoses/classificação , Ectoparasitoses/parasitologia , Ectoparasitoses/prevenção & controle , Animais
18.
Seropédica; s.n; 01/03/2012. 63 p.
Tese em Português | VETTESES | ID: vtt-508

Resumo

Um total de 25 espécimes de Caparari P. fasciatum foram coletados no alto rio Xingu, entre Abril de 2010 à Julho de 2011. Foram apresentados dois novos registros de localidade de crustáceos parasitos da família Argulidae, foram registrados, Argulus pestifer e Dolops discoidalis, e uma espécie de monogenético foi proposta como nova, examinada, registrada e comentada em detalhes. Demidospermus sp. n. difere dos seus congêneres por apresentar âncoras em formas variáveis, raízes profundas não definidas, apresentando uma dobra. Barra ventral em forma variável, grossa, levemente curvada para a região anterior, extremidades alargadas, com presença ou não de uma quilha na parte antero-medial. Barra dorsal, em forma variável, reta e delgada, apresentando ou não uma depressão antero-medial com extremidades afiladas. Ganchos diferentes em tamanho e forma, pares 1-2: ponta e lâmina levemente curva ou curvada, polegar protuberante, truncado, haste dilatada ou delgada, afilada proximalmente, apresentando ou não bulbos na extremidade proximal; pares 3-4-6-7: ponta levemente curvada, curva ou reta, lâmina quase retas ou moderadamente curvadas, polegar truncado ou deprimido, haste moderadamente dilatada ou delgada, apresentado um bulbo na extremidade proximal; par 5: ponta e lâmina retas, polegar achatado, haste alongada e fina, apresentando um bulbo na região proximal. Órgão copulatório masculino (OCM), apresentando forma variável, como um tubo enrolado, variando no número de anéis no sentido anti-horário, apresentando abas que se conectam a uma margem esclerotizada ou em forma de G ao contrário, com um anel em sentido anti-horário, base dilatada apresentando uma margem esclerotizada desenvolvida, de onde se projeta um flap. Peça acessória, apresentando forma variável, ligeiramente côncava ou côncava, parte distal afilada, curvada ou pouco curva, servindo de guia para o OCM, presença ou não de espinhos na extremidade proximal. Vagina apresentando um vestíbulo saculiforme, ligado ao canal vaginal através de um estreitamento anelado presente ou não. O presente estudo poderá colaborar com futuras pesquisas, com o propósito de melhorar o nosso conhecimento sobre a fauna dos organismos aquáticos da região Amazônica(AU)


Assuntos
Animais , Ectoparasitoses/classificação , Ectoparasitoses/prevenção & controle , Ectoparasitoses/parasitologia , Animais
19.
Arq. bras. med. vet. zootec ; 58(5): 969-971, out. 2006. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-7191

Resumo

Em um fragmento de mata na área urbana de Juiz de Fora (MG) foram capturados 15 quatis com armadilha e ceva, para estudo dos seus ectoparasitos. Outros quatro animais, atropelados no entorno, foram também examinados imediatamente após o atropelamento, e incluídos na análise. Os ectoparasitos foram removidos com a utilização de pinça e pente-fino e acondicionados em etanol 70°GL. Pulgas e piolhos foram clarificados e montados para análise em microscopia. Os ixodídeos foram identificados sob estereoscopia. Não foram encontrados carrapatos adultos. Larvas e ninfas de carrapatos foram encontradas, respectivamente, em 36,8% e 63,1% dos hospedeiros examinados. Ninfas que sofreram muda foram identificadas como Amblyomma cajenennse. A espécie de piolho Neotrichodectes pallidus foi obtida em 52,6% dos quatis. As pulgas Ctenocephalides felis felis e Rhopalopsyllus lutzi lutzi apresentaram, respectivamente, as seguintes prevalências: 36,8% e 35,1%. O estudo mostra que no fragmento de mata na área urbana os quatis podem manter espécies de ectoparasitos comuns a estes hospedeiros, bem como intercambia-las entre o ambiente silvestre e urbano.(AU)


Assuntos
Ectoparasitoses/epidemiologia , Ectoparasitoses/parasitologia , Ixodidae/crescimento & desenvolvimento , Procyonidae
20.
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 41(4): 240-246, jul.-ago. 2004. tab, ilus, graf
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-5124

Resumo

Neste trabalho foram estudadas as cargas parasitárias de Acari e Phthiraptera em 28 cobaios provenientes de dois municípios do estado do Rio de Janeiro. Os cobaios foram contidos mecanicamente para remoção dos ectoparasitos, pelo ato de pentear a pelagem com pente fino. Os espécimes de parasitas encontrados foram contados com auxílio de estereomicroscópio e identificados com ajuda de microscopia de luz. Dos sete cobaias de vida rural foram removidos 3134 ácaros, e dos 21 cobaios de vida urbana, foram recolhidos 1472 ácaros, todos da espécie Chirodiscoides caviae. Também foram encontrados 263 malófagos nos animais de ambiente urbano e 567 malófagos nos de ambiente rural, sendo estes de três espécies distintas: Gliricola porcelli, Gyropus ovalis e Trimenopon hispidum. Os valores de Abundância Parasitária e Intensidade Média de Parasitismo dos dois grupos foram muito próximos e a prevalência de ambos muito alta. Os resultados permitiram concluir que o habitat dos cobaios influencia a carga parasitária de todas as espécies de ectoparasitos encontrados. (AU)


In the present study ectoparasites lodger from 28 guinea pigs living in two differents counties of the Rio de Janeiro state. The guinea pigs were immobilized mechanically for ectoparasite removal. The parasite specimens collected were counted with the aid of a stereoscopic microscope and identified under light microscope. A total of 3,134 mites were removed from seven guinea pigs from country side. From the 21 guinea pigs of the urban area, 1,472 mites were collected, all being the species Chirodiscoides caviae. Two hundred and sixty three chewing-lice were found on animals from urban enviromment and 567 chewing-lice from those of the rural enviromment, representing three different species: Gliricola porcelli, Gyropus ovalis and Trimenopon hispidum. The values of Parasitic Abundance and Mean Intensity of Parasitism were very close and the Prevalence in these groups was very high. It was concluded that habitat of the guinea pigs influences the parasitic load of the ectoparasites found in the present study. (AU)


Assuntos
Animais , Ácaros e Carrapatos/parasitologia , Ectoparasitoses/epidemiologia , Ectoparasitoses/parasitologia , Ftirápteros/parasitologia , Cobaias
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA