Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 32
Filtrar
1.
R. bras. Parasitol. Vet. ; 29(1): e014819, 2020. tab, mapas
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-24419

Resumo

Despite the global importance of the zoonotic parasite Toxoplasma gondii, little is known regarding its infection in the Democratic Republic of São Tomé and Príncipe (DRSTP). This is the first report of antibodies to T. gondii in cattle, sheep, goats and pigs from the DRSTP. Antibodies were assessed by the modified agglutination test (MAT), with a cut-off titer of 100 for cattle and 20 for sheep, goats and pigs. The present study revealed an overall seroprevalence of 55.8%; 27.1% in 48 cattle, 68.4% in 98 sheep, 70.1% in 97 goats and 43.7% in 103 pigs. The south geographical area for cattle, the central area for sheep, and adult age and living in the central region for goats were found to be risk factors for seropositivity to T. gondii. These results support the scenario of a considerable presence of sporulated oocysts as well as of infected intermediate hosts in the local environment. Consumption of raw or undercooked meat should be considered as an important potential source of infection for animals and humans in the DRSTP.(AU)


Apesar da importância global do parasita zoonótico Toxoplasma gondii, pouco se conhece sobre sua infecção na República Democrática de São Tomé e Príncipe (RDSTP). Esse é o primeiro relato de anticorpos para T. gondii em bovinos, ovinos, caprinos e suínos da RDSTP. Os anticorpos foram pesquisados pelo teste de aglutinação direta modificada (TADM), com um título de corte de 100 para bovinos e de 20 para ovinos, caprinos e suínos. O presente estudo revelou uma soroprevalência global de 55,8%: 27,1% em 48 bovinos, 68,4% em 98 ovinos, 70,1% em 97 caprinos e 43,7% em 103 suínos. A área geográfica sul para os bovinos, a área central para os ovinos, bem como a idade adulta e a região central para os caprinos foram considerados fatores de risco para soropositividade a T. gondii. Esses resultados suportam o cenário de uma considerável presença de oocistos esporulados, bem como de hospedeiros intermediários infectados no ambiente local. O consumo de carne crua ou mal passada deve ser considerado como uma importante fonte potencial de infecção para animais e seres humanos na RDSTP.(AU)


Assuntos
Animais , Bovinos , Estudos Soroepidemiológicos , Toxoplasma/parasitologia , Toxoplasma/patogenicidade , Ovinos/parasitologia , Bovinos/parasitologia , Ruminantes/parasitologia , Suínos/parasitologia
2.
Hig. aliment ; 33(288/289): 2277-2281, abr.-maio 2019.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-2398

Resumo

A toxoplasmose é causada pelo protozoário Toxoplasma gondii, o qual acomete os humanos através da ingestão de carne mal passada ou crua. O presente trabalho descreve o emprego de PCR em linguiças suínas defumadas (salames) para detecção de T. gondii, aliado a utilização do teste de imunofluorescência indireta na avaliação sorológica de suínos encaminhados para abate. No estudo, avaliaram-se 18 amostras de salames e 50 amostras de soro sanguíneo de suínos. Na PCR todas as amostras de salames se apresentaram negativas e no teste de imunofluorescência indireta 8% dos animais foram positivos para T. gondii. Embora PCR-negativas, as linguiças produzidas originaram-se de matéria-prima suína proveniente de estabelecimento de abate, cujo presente estudo identificou soroprevalência de 8% para o protozoário. Dessa forma, o consumo de carne mal passada ou crua e de produtos a base de carne crua, como os salames, devem ser evitados, principalmente, em grupos de risco como crianças e idosos.(AU)


Assuntos
Animais , Suínos/parasitologia , Suínos/sangue , Toxoplasma/parasitologia , Toxoplasma/patogenicidade , Produtos da Carne/microbiologia , Produtos da Carne/parasitologia , Alimentos Crus/parasitologia , Toxoplasmose/etiologia , Testes Sorológicos/veterinária
3.
Hig. aliment ; 33(288/289): 2277-2281, abr.-maio 2019.
Artigo em Português | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1482202

Resumo

A toxoplasmose é causada pelo protozoário Toxoplasma gondii, o qual acomete os humanos através da ingestão de carne mal passada ou crua. O presente trabalho descreve o emprego de PCR em linguiças suínas defumadas (salames) para detecção de T. gondii, aliado a utilização do teste de imunofluorescência indireta na avaliação sorológica de suínos encaminhados para abate. No estudo, avaliaram-se 18 amostras de salames e 50 amostras de soro sanguíneo de suínos. Na PCR todas as amostras de salames se apresentaram negativas e no teste de imunofluorescência indireta 8% dos animais foram positivos para T. gondii. Embora PCR-negativas, as linguiças produzidas originaram-se de matéria-prima suína proveniente de estabelecimento de abate, cujo presente estudo identificou soroprevalência de 8% para o protozoário. Dessa forma, o consumo de carne mal passada ou crua e de produtos a base de carne crua, como os salames, devem ser evitados, principalmente, em grupos de risco como crianças e idosos.


Assuntos
Animais , Alimentos Crus/parasitologia , Produtos da Carne/microbiologia , Produtos da Carne/parasitologia , Suínos/parasitologia , Suínos/sangue , Toxoplasma/parasitologia , Toxoplasma/patogenicidade , Toxoplasmose/etiologia , Testes Sorológicos/veterinária
4.
Semina Ci. agr. ; 39(5): 2029-2038, Sept.-Oct. 2018. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-22682

Resumo

Toxoplasma gondii is an obligate intracellular protozoan that parasitizes several hosts worldwide, of which cats are definitive hosts. The objective of this study is to evaluate the risk factors associated with the epidemiology of T. gondii in cattle and buffaloes in the state of Pará, Brazil. A total of 2,070 bovine samples (1,749 cattle and 321 buffaloes) were evaluated in 100 rural properties distributed in 51 municipalities from all mesoregions of the state. The evaluated risk factors were animal gender, type of farm, and number of cats in the properties. The serological prevalence of T. gondii was evaluated using the indirect enzyme immunoadsorption assay (iELISA). The samples with a sample/positive (S/P) ratio ≥ 0.5 were considered positive and analyzed using the indirect immunofluorescence assay (IFA). The samples diluted at 1:64 were considered positive. The chi-square test with a level of significance of 5% and the odds ratio (OR) with a confidence interval of 95% was applied.The data were analyzed using BioEstat software version 5.0.The prevalence of T. gondii in bovines was 35.79% and 45.12% in ELISA and IFAT, respectively. The prevalence was 34.48% and 44.14% in cattle and 42.99% and 50.47% in buffaloes using ELISA and IFA, respectively. The mesoregion with the highest prevalence of infection was Marajó Island, corresponding to 42.86% (129) and 50.5% (152) in ELISA and IFA, respectively. In buffaloes, the prevalence of T. gondiiusing ELISA was higher in males (p < 0.05) in the two age groups. In contrast, the prevalence of T. gondii using IFA was higher in males in the age group 13 to 24 months (p < 0.05). The type of farm did not affect the prevalence of T. gondii in cattle (p > 0.05). However, the presence of cats strongly affected the occurrence of infection in cattle. These results demonstrate the high levels of anti-T. gondii antibodies in cattle and buffaloes in Pará and this may be a public health problem...(AU)


O Toxoplasma gondii é um protozoário intracelular obrigatório de ocorrência mundial e se encontra parasitando uma grande diversidade de hospedeiros, sendo os gatos de fundamental importância para o ciclo de vida do parasita. O presente estudo teve como objetivo avaliar os fatores de riscos associados a epidemiologia do Toxoplasma gondii em bovinos e bubalinos no Estado do Pará, Brasil. Foram avaliadas 2.070 amostras de bovídeos, sendo 1.749 bovinos e 321 bubalinos, em 100 propriedades rurais distribuídas em 51 municípios, envolvendo todas as mesorregiões do Estado. Os fatores de risco avaliados foram sexo, exploração pecuária e número de gatos existentes nas propriedades. A prevalência sorológica de Toxoplasma gondii foi avaliada pelo Ensaio de Imunoadsorção Enzimático Indireto (iELISA), considerando-se positivas as amostras que obtiveram razão S/P (sample/positive) ≥ 0,5, bem como, submetidas a Reação de Imuno fluorescência Indireta (RIFI), sendo positivas as amostras regentes na diluição 1:64. Foi aplicado o teste do Qui-quadrado com 5% de significância e empregado cálculo da razão de chances (OR), com um intervalo de confiança de 95%. Todos os resultados foram tratados estatis¬ticamente pelo software BioEstat 5.0. A prevalência de T. gondii nos bovídeos foi de 35,79% e 45,12% no ELISA e RIFI, respectivamente. Em bovinos a prevalência foi de 34,48% e 44,14% e em bubalinos de 42,99% e 50,47% no ELISA e RIFI, respectivamente. A mesorregião com maior prevalência foi a do Marajó com42,86% (129) e 50,5% (152) no ELISA e RIFI respectivamente. Em relação aos bubalinos a prevalência de T. gondii foi mais elevada em macho (P < 0,05) nas duas faixas etárias avaliadas pelo ELISA. Já pelo RIFI a prevalência foi maior em machos somente na faixa etária de 13 a 24 meses (P < 0,05) não tendo influência do sexo nos bovinos. O tipo de exploração também não influenciou a prevalência de T. gondii em bovídeos (P > 0,05), porém a presença de gatos teve grande significância na...(AU)


Assuntos
Animais , Gatos , Bovinos , Toxoplasma/parasitologia , Toxoplasmose/epidemiologia , Ruminantes/parasitologia , Fatores de Risco , Vetores de Doenças
5.
R. bras. Parasitol. Vet. ; 26(1): 115-118, jan.-mar. 2017. mapas
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-732626

Resumo

New World Nonhuman Primates are highly susceptible to clinical toxoplasmosis. Serum samples from 126 recently captured Leontopithecus chrysomelas, from an exotic and invasive population, were tested for Toxoplasma gondii antibodies by the modified agglutination test (MAT, cut-off 1:25); all were seronegative. The MAT is highly specific and is not species-specific. This is the first report of T. gondii survey in this tamarin in the wild. This result is consistent with prior reports that showed the high susceptibility of the species to infection by T. gondii usually with high mortality rates.(AU)


Primatas não humanos são extremamente susceptíveis a toxoplasmose. No presente estudo, 126 Leontopithecus chrysomelas foram capturados de uma população de vida livre, exótica e invasora, e amostras de soros foram testadas para a presença de anticorpos anti- Toxoplasma gondii pelo Teste de Aglutinação Modificado (MAT, ponto de corte 1:25). Todos os animais testados foram negativos. O MAT é um teste altamente específico e não é espécie-específico. Esse é o primeiro estudo de pesquisa por anticorpos anti- T. gondii nessa espécie em vida livre. O resultado corrobora com o conhecimento prévio sobre a susceptibilidade dessa espécie a infecção pelo parasite T. gondii.(AU)


Assuntos
Animais , Parasitos/imunologia , Parasitos/parasitologia , Anticorpos/imunologia , Leontopithecus/imunologia , Leontopithecus/parasitologia , Toxoplasma/imunologia , Toxoplasma/parasitologia , Saúde Ambiental , Brasil
6.
Ciênc. rural (Online) ; 47(8): 1-4, 2017.
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1480036

Resumo

ABSTRACT: Toxoplasmosis is caused by Toxoplasma gondii, an obligatory intracellular protozoan, which establishes acute and chronic infections in birds and mammals, including humans. This note reports, for the first time, the detection and sequencing of DNA from T. gondii in the peripheral blood of a young free range giant anteater (Myrmecophaga tridactyla). For the diagnosis, the following methods were used: polymerase chain reaction (PCR) and positive serology (1:800) by means of the modified agglutination test (MAT). Since this species may be consumed by humans and predated by wild felids, its importance is emphasized as a probable source of zoonotic infection, in addition to its possible participation in the infection enzootic cycle. Although, parasitemia has been confirmed in this specimen, it presented no clinical sign of infection.


RESUMO: A toxoplasmose é causada pelo Toxoplasma gondii, um protozoário intracelular obrigatório, que estabelece infecções agudas e crônicas em aves e mamíferos, incluindo humanos. Esta nota relata, pela primeira vez, a detecção e o sequenciamento do DNA de T. gondii em sangue periférico de um filhote de tamanduá-bandeira (Myrmecophaga tridactyla) de vida livre. Para o diagnóstico, os seguintes métodos foram utilizados: reação em cadeia pela polimerase (PCR) e sorologia positiva (1:800) por meio de teste de aglutinação modificado (MAT). Por se tratar de uma espécie que pode ser consumida por humanos e predada por felídeos silvestres, sua importância é ressaltada como uma provável fonte de infecção zoonótica, além da sua possível participação no ciclo enzoótico de infecção. Embora a parasitemia tenha sido comprovada neste espécime, ele não apresentava sinais clínicos de infecção.


Assuntos
Animais , Reação em Cadeia da Polimerase/métodos , Sorologia/métodos , Toxoplasma/parasitologia , Xenarthra/parasitologia
7.
Ci. Rural ; 47(8): 1-4, 2017.
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-735382

Resumo

ABSTRACT: Toxoplasmosis is caused by Toxoplasma gondii, an obligatory intracellular protozoan, which establishes acute and chronic infections in birds and mammals, including humans. This note reports, for the first time, the detection and sequencing of DNA from T. gondii in the peripheral blood of a young free range giant anteater (Myrmecophaga tridactyla). For the diagnosis, the following methods were used: polymerase chain reaction (PCR) and positive serology (1:800) by means of the modified agglutination test (MAT). Since this species may be consumed by humans and predated by wild felids, its importance is emphasized as a probable source of zoonotic infection, in addition to its possible participation in the infection enzootic cycle. Although, parasitemia has been confirmed in this specimen, it presented no clinical sign of infection.(AU)


RESUMO: A toxoplasmose é causada pelo Toxoplasma gondii, um protozoário intracelular obrigatório, que estabelece infecções agudas e crônicas em aves e mamíferos, incluindo humanos. Esta nota relata, pela primeira vez, a detecção e o sequenciamento do DNA de T. gondii em sangue periférico de um filhote de tamanduá-bandeira (Myrmecophaga tridactyla) de vida livre. Para o diagnóstico, os seguintes métodos foram utilizados: reação em cadeia pela polimerase (PCR) e sorologia positiva (1:800) por meio de teste de aglutinação modificado (MAT). Por se tratar de uma espécie que pode ser consumida por humanos e predada por felídeos silvestres, sua importância é ressaltada como uma provável fonte de infecção zoonótica, além da sua possível participação no ciclo enzoótico de infecção. Embora a parasitemia tenha sido comprovada neste espécime, ele não apresentava sinais clínicos de infecção.(AU)


Assuntos
Animais , Xenarthra/parasitologia , Toxoplasma/parasitologia , Reação em Cadeia da Polimerase/métodos , Sorologia/métodos
8.
R. bras. Parasitol. Vet. ; 25(1): 105-108, Jan.-Mar.2016. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-23163

Resumo

The aim of the present study was to investigate the occurrence of anti-Toxoplasma gondii antibodies and parasite DNA in backyard chickens bred in the metropolitan area of Recife, Brazil. In total, 212 serum samples were collected from 16 properties, and 12 backyard chickens were collected in the six sanitary districts of Recife. An indirect immunofluorescence assay (IFA) was used to investigate the occurrence of anti-Toxoplasma gondii antibodies. Polymerase chain reaction (PCR) was used to detect T. gondii DNA in brain, heart, liver and lung specimens. Of the samples analyzed by serology, 86/212 (40.56%) were positive; of the samples analyzed by PCR, 2/12 (16.7%) were positive, with both samples positive by both tests (serological and molecular). The presence of antibody anti-T. gondii and parasite DNA in tissues of these animals are worrying aspects for public health because there is a risk of transmission of the parasite to humans through eating undercooked or raw meat. Based on the results, the adoption of preventive measures to prevent the cats access to the chickens creations should be encouraged, since these animals were identified in most of the studied properties.(AU)


O objetivo do presente estudo foi investigar a ocorrência de anticorpos anti-Toxoplasma gondii e de DNA do parasito em galinhas de criações domésticas, na região metropolitana de Recife, Brasil. No total, 212 amostras de soro foram coletadas de aves de 16 estabelecimentos e de 12 galinhas de criações domésticas nos seis distritos sanitários de Recife. Para a pesquisa de anticorpos anti-Toxoplasma gondii foi utilizada a Reação de Imunofluorescência Indireta (RIFI). A Reação em Cadeia da Polimerase (PCR) foi utilizada para detectar o DNA de T. gondii em fragmentos de cérebro, coração, fígado e pulmão. Das amostras analisadas por sorologia, 86/212 (40,56%) foram positivas. Das amostras analisadas por PCR, 2/212 (16,7%) foram positivas, em ambos os testes (sorológicos e moleculares). A presença de anticorpos anti-T. gondii e de DNA parasitário nos tecidos desses animais são aspectos preocupantes para saúde pública, porque há o risco de transmissão do parasita para humanos através da ingestão de carne mal cozida ou crua. Com base nos resultados obtidos, a adoção de medidas preventivas que evitem o acesso de gatos às criações de galinhas deve ser incentivada, uma vez que esses animais foram identificados na maioria das propriedades estudadas.(AU)


Assuntos
Animais , Galinhas/parasitologia , Toxoplasma/imunologia , Toxoplasma/parasitologia , Reação em Cadeia da Polimerase , Técnica Indireta de Fluorescência para Anticorpo/veterinária
9.
Arq. ciênc. vet. zool. UNIPAR ; 19(2): 125-130, abr.-jun. 2016. tab, ilus
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-833126

Resumo

Toxoplasma gondii is a cosmopolitan, intracellular, obligatory parasite protozoan of importance to public and animal health. In sheep, this species is a causative agent of reproductive disorders. The main sign produced by T. gondii infection in this species is abortion, which causes economic losses to sheep ranching. The main purpose of this review is to summarize the abortion outbreaks and reproductive disorders caused by T. gondii infection in sheep, also addressing aspects of biology, diagnosis, prevention and control of the parasite.


Toxoplasma gondii es un parásito protozoario intracelular obligatorio cosmopolita, de importancia para la salud pública y animal. En la especie ovina es reconocido como agente causador de trastornos reproductivos. El principal síntoma producido por la infección con Toxoplasma en ovinos es el aborto, lo que provoca pérdidas económicas. Este artículo tiene como objetivo estudiar los brotes de aborto y alteraciones reproductivas causadas por la infección con T. gondii en la especie ovina, abordando también aspectos de la biología, diagnóstico, prevención y control del parásito.


Toxoplasma gondii é um parasito protozoário intracelular obrigatório cosmopolita de importância para saúde pública e animal. Na espécie ovina é reconhecido como agente causador de distúrbios reprodutivos. O principal quadro clínico causado pela infecção pelo Toxoplasma em ovinos é o abortamento, que causa perdas econômicas. O principal objetivo deste artigo é fazer um levantamento dos surtos de abortamentos e alterações reprodutivas causadas pela infecção por T. gondii na espécie ovina, abordando ainda aspectos da biologia, diagnóstico, prevenção e controle do parasito.


Assuntos
Animais , Reprodução/fisiologia , Infecções do Sistema Genital/parasitologia , Ovinos/parasitologia , Toxoplasma/parasitologia , Toxoplasmose Animal/diagnóstico
10.
R. bras. Parasitol. Vet. ; 25(1): 116-118, Jan.-Mar.2016.
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-23168

Resumo

Capybaras (Hydrochoerus hydrochaeris) are the largest rodents found in South America. The aim of the present study was to investigate the occurrence of anti-Toxoplasma gondii and anti-Neospora caninum antibodies in 170 free-living capybaras in a residential park area in Itu Municipality, São Paulo State, Brazil. Serum samples were tested by indirect fluorescent antibody test (IFAT) for T. gondii (IFAT 1:16) and N. caninum (IFAT 1:50). Among the 170 samples analyzed, 10% (17/170) and 0% (0/170) were seropositive for T. gondii and N. caninum, respectively. This study confirms the widespread presence of T. gondii and reinforces the role of capybaras in the life cycle of this parasite. Capybaras may not be important as intermediate hosts of N. caninum in the studied environment.(AU)


Resumo As capivaras (Hydrochoerus hydrochaeris) são os maiores roedores encontrados na América do Sul. O objetivo do presente estudo foi investigar a ocorrência de anticorpos anti-Toxoplasma gondii e anti-Neospora caninum em 170 capivaras de vida livre, habitando em um condomínio fechado no Município de Itu, Estado de São Paulo, Brasil. Amostras de soro foram testadas por meio da Reação de Imunofluorescência Indireta (RIFI) para T. gondii (RIFI 1:16) e N. caninum (RIFI 1:50). Entre as 170 amostras analisadas, 10% (17/170) e 0% (0/170) foram positivas para T. gondii eN. caninum, respectivamente. O presente estudo confirma a ampla distribuição de T. gondii e reforça o papel das capivaras no ciclo biológico desse parasita. Provavelmente, as capivaras não têm um papel importante como hospedeiros intermediários de N. caninum no ambiente estudado.(AU)


Assuntos
Animais , Roedores/parasitologia , Roedores/imunologia , Toxoplasma/parasitologia , Neospora/parasitologia , Técnica Indireta de Fluorescência para Anticorpo
11.
R. bras. Ci. avíc. ; 17(2): 263-265, abr.-jun. 2015.
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-17105

Resumo

Toxoplasma gondii and Neospora caninum are two intracellular apicomplexan protozoa with worldwide distribution, and are responsible for reproductive disorders in sheep and cattle. These protozoa may infect a wide variety of domestic and wild animals, including birds, and backyard chickens can be used as sentinels of their infection. Parasites investigation in backyard chickens may be useful for the evaluation of environmental contamination with oocysts, of the disease cycle, and of risk factors associated with public health. The aim of this study was establish the importance of backyard chickens as T. gondii and N. caninum hosts. A number of 137 serum samples were collected from chickens in 23 farms in Rio Grande do Sul State, Brazil, and tested for toxoplasmosis and neosporosis by indirect fluorescence antibody test (IFAT). Anti-Toxoplasma and anti-Neospora antibodies were detected in 20 (87%) farms. Total prevalence of T. gondii was 74.4% (102/137) and 36.5% (50/137) for N. caninum, while 12.4% (17/137) of the chickens were positive for both protozoa. The results show that backyard chicken can used as indicators of the presenced of the protozoa N. caninum and T. gondii, emphasizing yours importance in the public health. Considering the high prevalence of toxoplasmosis in backyard chickens in the region, control measures should be taken to prevent transmission of the infection to the animals and humans.(AU)


Assuntos
Animais , Galinhas/parasitologia , Galinhas/imunologia , Toxoplasma/parasitologia , Neospora/parasitologia , Anticorpos/análise , Saúde Pública Veterinária
12.
Ciênc. vet. tróp ; 18(2): 109-112, 2015.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1480674

Resumo

The toxoplasmosis and neosporosis are diseases that cause economic losses to caprine-ovineculture, affecting the productive indexes. Toxoplasma gondii is one of major active agents in small ruminant abortions, as well as its importance in Public Health. Already, Neospora caninum deserves greater attention in the diagnosis of reproductive failure in sheep and goats. This presentation aims to describe the impact of T. gondii and N. caninum infection for sheep and goats.


A toxoplasmose e a neosporose são doenças que causam prejuízos econômicos aos criadores de caprinos e ovinos, comprometendo os índices produtivos. Toxoplasma gondii é um dos principais agentes atuantes em abortos de pequenos ruminantes, além de sua importância na Saúde Pública. Já, Neospora caninum merece maior atenção no diagnóstico de falhas reprodutivas em ovelhas e cabras. O objetivo desta apresentação é sintetizar aspectos relevantes da infecção de T. gondii e N. caninum para caprinos e ovinos.


Assuntos
Animais , Ovinos/microbiologia , Ovinos/parasitologia , Ruminantes/microbiologia , Ruminantes/parasitologia , Toxoplasmose Animal/parasitologia , Neospora/parasitologia , Toxoplasma/parasitologia
13.
Rev. bras. ciênc. avic ; 17(2): 263-265, abr.-jun. 2015.
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1490144

Resumo

Toxoplasma gondii and Neospora caninum are two intracellular apicomplexan protozoa with worldwide distribution, and are responsible for reproductive disorders in sheep and cattle. These protozoa may infect a wide variety of domestic and wild animals, including birds, and backyard chickens can be used as sentinels of their infection. Parasites investigation in backyard chickens may be useful for the evaluation of environmental contamination with oocysts, of the disease cycle, and of risk factors associated with public health. The aim of this study was establish the importance of backyard chickens as T. gondii and N. caninum hosts. A number of 137 serum samples were collected from chickens in 23 farms in Rio Grande do Sul State, Brazil, and tested for toxoplasmosis and neosporosis by indirect fluorescence antibody test (IFAT). Anti-Toxoplasma and anti-Neospora antibodies were detected in 20 (87%) farms. Total prevalence of T. gondii was 74.4% (102/137) and 36.5% (50/137) for N. caninum, while 12.4% (17/137) of the chickens were positive for both protozoa. The results show that backyard chicken can used as indicators of the presenced of the protozoa N. caninum and T. gondii, emphasizing yours importance in the public health. Considering the high prevalence of toxoplasmosis in backyard chickens in the region, control measures should be taken to prevent transmission of the infection to the animals and humans.


Assuntos
Animais , Galinhas/imunologia , Galinhas/parasitologia , Neospora/parasitologia , Toxoplasma/parasitologia , Anticorpos/análise , Saúde Pública Veterinária
14.
Ci. Vet. Tróp. ; 18(2): 109-112, 2015.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-482975

Resumo

The toxoplasmosis and neosporosis are diseases that cause economic losses to caprine-ovineculture, affecting the productive indexes. Toxoplasma gondii is one of major active agents in small ruminant abortions, as well as its importance in Public Health. Already, Neospora caninum deserves greater attention in the diagnosis of reproductive failure in sheep and goats. This presentation aims to describe the impact of T. gondii and N. caninum infection for sheep and goats.(AU)


A toxoplasmose e a neosporose são doenças que causam prejuízos econômicos aos criadores de caprinos e ovinos, comprometendo os índices produtivos. Toxoplasma gondii é um dos principais agentes atuantes em abortos de pequenos ruminantes, além de sua importância na Saúde Pública. Já, Neospora caninum merece maior atenção no diagnóstico de falhas reprodutivas em ovelhas e cabras. O objetivo desta apresentação é sintetizar aspectos relevantes da infecção de T. gondii e N. caninum para caprinos e ovinos.(AU)


Assuntos
Animais , Ruminantes/microbiologia , Ruminantes/parasitologia , Ovinos/microbiologia , Ovinos/parasitologia , Toxoplasmose Animal/parasitologia , Neospora/parasitologia , Toxoplasma/parasitologia
15.
Ciênc. vet. tróp ; 18(3): 07-12, 2015.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1480715

Resumo

Zoonoses are discussed as occupational disease with special reference to husbandry. The objective of this study was to identify antibodies anti-Brucella abortus, anti-Leptospira spp. and anti-Toxoplasma gondii in people who exercisefunctional activities in Zoo and CETAS in the Northeast of Brazil. Fifty one employees of both sexes were evaluated using serum exams, anti-Brucella abortus (AAT), anti-Leptospira spp. (ELISA) and anti-Toxoplasma gondii (ELISA).  The results show the absence of the infection by Brucella abortus, 21.5% (6/51) were reagents for antibodies anti-Leptospira spp. and 58.8% (30/51) were reagents for antibodies anti-Toxoplasma gondii. The conclusion was that there was occurrence of infection by Leptospira spp. and Toxoplasma gondii in the studied population show that people who work in Zoo and CETAS in the studied institutions are exposed to infection by Leptospira spp. and Toxoplasma gondii. Monitoring and preventive measures must be implemented in the referred institutions with the objective of minimizing occupational risks from these pathogens.


Diversas zoonoses são doenças ocupacionais e estão relacionadas a ati­vidades referentes ao manejo animal. Objetivou-se com este estudo identificar anticorpos anti-Brucella abortus, anti-Leptospira spp. e anti-Toxoplasma gon­dii em pessoas que exercem atividades funcionais em zoológico e Centros de Triagem de Animais Silvestres (CETAS) no Nordeste do Brasil. Foram estuda­dos 51 funcionários de ambos os sexos por meio de exames sorológicos: AAT (anti-Brucella abortus), ELISA (anti-Leptospira spp.), ELISA (anti-Toxoplasma gondii) através de exames sorológicos. Todas as amostras foram negativas para Brucella abortus, 21,5% (11/51) foram positivas para anticorpos anti-Leptospi­ra spp. e 58,8% (30/51) positivas para anticorpos anti-Toxoplasma gondii. Os resultados obtidos permitem concluir que pessoas que trabalham em zoológico e CETAS nas Instituições estudadas estão expostas à infecção por Leptospira spp. e Toxoplasma gondii. Medidas de monitoramento e prevenção devem ser implantadas com o objetivo de minimizar os riscos ocupacionais a esses patóge­nos.


Assuntos
Humanos , Anticorpos , Anticorpos Antibacterianos , Anticorpos Antiprotozoários , Brucella abortus , Leptospira , Toxoplasma/parasitologia , Zoonoses , Animais Selvagens/parasitologia , Animais de Zoológico/parasitologia , Ensaio de Imunoadsorção Enzimática , Toxoplasmose/parasitologia , Técnicas Imunoenzimáticas
16.
Ci. Vet. Tróp. ; 18(3): 07-12, 2015.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-13651

Resumo

Zoonoses are discussed as occupational disease with special reference to husbandry. The objective of this study was to identify antibodies anti-Brucella abortus, anti-Leptospira spp. and anti-Toxoplasma gondii in people who exercisefunctional activities in Zoo and CETAS in the Northeast of Brazil. Fifty one employees of both sexes were evaluated using serum exams, anti-Brucella abortus (AAT), anti-Leptospira spp. (ELISA) and anti-Toxoplasma gondii (ELISA).  The results show the absence of the infection by Brucella abortus, 21.5% (6/51) were reagents for antibodies anti-Leptospira spp. and 58.8% (30/51) were reagents for antibodies anti-Toxoplasma gondii. The conclusion was that there was occurrence of infection by Leptospira spp. and Toxoplasma gondii in the studied population show that people who work in Zoo and CETAS in the studied institutions are exposed to infection by Leptospira spp. and Toxoplasma gondii. Monitoring and preventive measures must be implemented in the referred institutions with the objective of minimizing occupational risks from these pathogens.(AU)


Diversas zoonoses são doenças ocupacionais e estão relacionadas a ati­vidades referentes ao manejo animal. Objetivou-se com este estudo identificar anticorpos anti-Brucella abortus, anti-Leptospira spp. e anti-Toxoplasma gon­dii em pessoas que exercem atividades funcionais em zoológico e Centros de Triagem de Animais Silvestres (CETAS) no Nordeste do Brasil. Foram estuda­dos 51 funcionários de ambos os sexos por meio de exames sorológicos: AAT (anti-Brucella abortus), ELISA (anti-Leptospira spp.), ELISA (anti-Toxoplasma gondii) através de exames sorológicos. Todas as amostras foram negativas para Brucella abortus, 21,5% (11/51) foram positivas para anticorpos anti-Leptospi­ra spp. e 58,8% (30/51) positivas para anticorpos anti-Toxoplasma gondii. Os resultados obtidos permitem concluir que pessoas que trabalham em zoológico e CETAS nas Instituições estudadas estão expostas à infecção por Leptospira spp. e Toxoplasma gondii. Medidas de monitoramento e prevenção devem ser implantadas com o objetivo de minimizar os riscos ocupacionais a esses patóge­nos.(AU)


Assuntos
Humanos , Zoonoses , Anticorpos Antiprotozoários , Anticorpos , Anticorpos Antibacterianos , Toxoplasma/parasitologia , Leptospira , Brucella abortus , Técnicas Imunoenzimáticas , Ensaio de Imunoadsorção Enzimática , Toxoplasmose/parasitologia , Animais de Zoológico/parasitologia , Animais Selvagens/parasitologia
17.
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-10988

Resumo

Toxoplasmosis is a worldwide zoonosis caused by an obligate intracellular protozoan parasite, Toxoplasma gondii, that affects all warm-blooded animals, including wild animals. The increased number of cases of parasitic infections is mainly due to the destruction of environmental conservation areas, which is driving wild animals out of their habitats and towards urban areas. In this study, the occurrence of T. gondii infection was investigated by the modified agglutination test (MAT) in 26 different species of run over and injured wild animals that were treated at a Brazilian university veterinary hospital, from June 2007 to August 2008. Of the studied animals, six (23.1%; CI95% 11.1-42.2%) had T. gondii antibodies, with titers equal to 10 (4; 66.7%) and 40 (2; 33.3%). The species Pseudalopex vetulus, Cerdocyon thous, Hydrochoerus hydrochaeris and Tapyrus terrestris had titers of 10, while Alouatta caraya and Puma concolor had titers of 40. There was no significant association regarding age, gender or purpose of care (p > 0.05). Carnivorous, herbivorous and omnivorous wild animals are potential sentinels of human toxoplasmosis, especially when wild felids are present, maintaining the environmental contamination.(AU)


Assuntos
Animais , Toxoplasmose/patologia , Toxoplasma/parasitologia , Zoonoses/patologia , Infecções , Animais Selvagens/classificação
18.
J. venom. anim. toxins incl. trop. dis ; 20: 1-4, 04/02/2014. tab
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1484592

Resumo

Toxoplasmosis is a worldwide zoonosis caused by an obligate intracellular protozoan parasite, Toxoplasma gondii, that affects all warm-blooded animals, including wild animals. The increased number of cases of parasitic infections is mainly due to the destruction of environmental conservation areas, which is driving wild animals out of their habitats and towards urban areas. In this study, the occurrence of T. gondii infection was investigated by the modified agglutination test (MAT) in 26 different species of run over and injured wild animals that were treated at a Brazilian university veterinary hospital, from June 2007 to August 2008. Of the studied animals, six (23.1%; CI95% 11.1-42.2%) had T. gondii antibodies, with titers equal to 10 (4; 66.7%) and 40 (2; 33.3%). The species Pseudalopex vetulus, Cerdocyon thous, Hydrochoerus hydrochaeris and Tapyrus terrestris had titers of 10, while Alouatta caraya and Puma concolor had titers of 40. There was no significant association regarding age, gender or purpose of care (p > 0.05). Carnivorous, herbivorous and omnivorous wild animals are potential sentinels of human toxoplasmosis, especially when wild felids are present, maintaining the environmental contamination.


Assuntos
Animais , Infecções , Toxoplasma/parasitologia , Toxoplasmose/patologia , Zoonoses/patologia , Animais Selvagens/classificação
19.
Arq. ciênc. vet. zool. UNIPAR ; 16(2): 211-212, 2013.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-10261

Resumo

O principal objetivo deste estudo foi avaliar a presença do Toxoplasma gondii em tecidos de ovinos destinados ao abate sem fiscalização sanitária, por meio do teste molecular, determinando assim a porcentagem da infecção nos ovinos e o melhor órgão para o diagnóstico molecular. As amostras foram coletadas em um matadouro sem fiscalização sanitária localizado no Estado do Rio de Janeiro. No momento do abate foram coletados fragmentos de cérebro, coração, fígado, rim, pulmão e musculatura esquelética de 25 ovinos, totalizando 150 amostras para a análise molecular e histopatológica. Para verificar a associação entre os resultados obtidos, o teste de McNemar foi utilizado. Dos ovinos avaliados pela PCR, 64% (16/25) apresentaram DNA do agente parasitário em pelo menos um tecido avaliado. Além disso, nenhum tecido avaliado mostrou equivalência (P<0,05), ou seja, as variações existentes entre as marcações desses órgãos em relação à classificação geral do animal foram aleatórias, podendo ser usado qualquer tecido avaliado neste estudo para o diagnóstico molecular de T. gondii. Não foi possível encontrar parasitos de T. gondii nos tecidos avaliados pela histopatologia, porém as lesões microscópicas encontradas são sugestivas da infecção. Conclui-se que o consumo de carne e vísceras ovina crua ou mal cozida, devem ser consideradas como importantes fontes de infecção para os humanos, pois os resultados deste estudo demonstraram um nível elevado de infecção por toxoplasmose em ovinos abatidos sem fiscalização no RJ. Ainda, para diagnóstico de T. gondii pela PCR poderia ser escolhido um único órgão para representar o animal, evitando assim, gastos desnecessários.(AU)


The main objective of this study was to evaluate the presence of Toxoplasma gondii in tissues of naturally infected sheep sent to slaughter without prior sanitary inspection, by means of molecular testing to determine the percentage of infection in sheep and the best organ for molecular diagnosis. Samples were collected from a slaughterhouse without sanitary inspection located in the state of Rio de Janeiro. During slaughtering, fragments of brain, heart, liver, kidney, lung and skeletal muscle from 25 sheep were collected, resulting in a total of 150 specimens for molecular and histopathological analysis. McNemar test was used to identify the existence of an association among the results obtained. Sixty-four percent (16/25) of the sheep evaluated by PCR presented DNA from the parasitic agent in at least one of the tissues evaluated. However, none of the evaluated tissues presented equivalence (P<0.05), i.e., the existing variations in the markings of these organs in terms of the animals general classification were random, and any tissue evaluated in this study can be used for molecular diagnosis of T. gondii. T. gondii parasites were not detected in the tissues subjected to histopathological examination, but microscopic lesions found could be considered suggestive of infection. It is concluded that the consumption of raw or undercooked mutton meat and offals should be considered as an important source of infection for humans, since the findings of this study demonstrated a high level of toxoplasmosis infection in sheep slaughtered without prior sanitary inspection in Rio de Janeiro. In addition, it is suggested that, for PCR detection of T. gondii, a single organ can be chosen to represent the animal, thus avoiding unnecessary expenses.(AU)


El objetivo principal de este estudio fue evaluar la presencia de Toxoplasma gondii en tejidos de ovinos destinados a matanza sin fiscalización sanitaria, por medio de prueba molecular, determinando así el porcentaje de infección en los ovinos y el mejor órgano para el diagnóstico molecular. Las muestras han sido colectadas en un matadero sin inspección sanitaria ubicado en el Estado de Río de Janeiro. En el momento del abate se ha colectado fragmentos de cerebro, corazón, hígado, riñón, pulmón y músculo esquelético de 25 ovinos, totalizando 150 muestras para el análisis molecular e histopatológica. Para verificar la asociación entre los resultados obtenidos, se utilizó la prueba de McNemar. De los ovinos evaluados por PCR, 64 % (16/25) presentaron ADN del agente parasitario en al menos un tejido evaluado. Además, ningún tejido evaluado mostró equivalencia (P<0,05), es decir, las variaciones existentes entre las marcas de esos órganos en la clasificación general del animal fueron aleatorios, pudiendo ser utilizado cualquier tejido evaluado en este estudio para el diagnóstico molecular de T. gondii. No fue posible encontrar parásitos de T. gondii en los tejidos evaluados por histopatología, pero las lesiones microscópicas encontradas son sugestivas de infección. Se concluye que el consumo de carne y vísceras ovinas crudas o poco cocidas, deben ser consideradas como importantes fuentes de infección para el hombre, ya que los resultados de este estudio demostraron un alto nivel de infección de toxoplasmosis en ovinos sacrificados sin inspección en el Estado de RJ. También, para el diagnóstico de T. gondii por PCR podría ser elegido un solo órgano para representar el animal, evitando así, gastos innecesarios.(AU)


Assuntos
Animais , Toxoplasma/parasitologia , Matadouros/instrumentação , Vigilância Sanitária , Ovinos/classificação
20.
Braz. j. vet. res. anim. sci ; 50(2): 152-155, 2013.
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-8005

Resumo

Toxoplasmosis is a worldwide zoonosis caused by Toxoplasma gondii, and can infect a wide variety of animals including humans. Domestic animals can be an important sentinel population for infection in the community. Occurrence of T. gondii infection was assessed in dogs in the urban area of Botucatu city, SP, Brazil. In the sample, 10% rate for error estimate, 95% confidence interval, and 5% significance level were established. Serum samples were collected from dogs during a rabies vaccination campaign, and were processed using modified agglutination test (MAT). Blood samples were collected from 670 dogs, with homogeneous distribution in five regions in the urban area, representing 3.74% of 17,910 animals vaccinated. In this sample, 17.3% (116/670) dogs (68 58.6% female and 48 41.4% male) were positive for T. gondii infection (p<0.03). Regarding age of the infected dogs 4.6% (4/88) were younger and 95.4% (84/88) were older than one year (p<0.01); the age of 28 positive animals were undetermined. The serum titers of anti-T. gondii antibodies were: 16 (69.8%; 81/116), 64 (13.8%; 16/116), 256 (15.5%; 18/116), and 1024 (0.9%; 1/116). Prevalence was distributed among the North 14.2% (19/134), South 18.0% (31/172), East 15.7% (19/121), West 21.6% (27/125), and Central 16.9% (20/118) regions of the municipality (p=0.5). In all these regions, females and dogs aged more than one year showed a higher occurrence of T. gondii infection (p<0.05).(AU)


Toxoplasmose é uma zoonose de distribuição mundial causada pelo Toxoplasma gondii, que pode infectar uma grande variedade de animais, inclusive seres humanos. Animais domésticos podem ser sentinelas importantes para infecções na comunidade. Ocorrência de infecção pelo T. gondii foi avaliada em cães na área urbana de Botucatu (SP, Brasil). Para amostragem, considerou-se uma taxa de erro na estimativa de 10%, um intervalo de confiança de 95% e um nível de significância de 5%. As amostras de sangue dos cães foram coletadas durante uma campanha de vacinação antirrábica e processadas usando-se o teste de aglutinação modificado (MAT). Foram coletadas 670 amostras de sangue, com distribuição homogênea em cinco regiões da área urbana, representando 3.74% dos 17.910 cães vacinados. Dessa amostra, 17,3% (116/670) dos cães, sendo 58,6% (68/116) fêmeas e 41,4% (48/116) machos, foram positivos para infecção pelo T. gondii (p<0,03). Entre os cães infectados 4,6%; (4/88) deles tinham idade menor e 95,4% (84/88) maior que um ano (p<0,01); em 28 animais positivos a idade não era conhecida Os títulos séricos de anticorpos anti-T. gondii estavam distribuídos entre 16 (69,8%; 81/116), 64 (13,8%; 16/116), 256 (15,5%; 18/116) e 1024 (0,9%; 1/116). Os animais positivos estavam distribuídos nas regiões Norte 14,2% (19/134), Sul 18,0% (31/172), Leste 15,7% (19/121), Oeste 21,6% (27/125) e Centro 16,9% (20/118) do município (p=0,5). Em todas essas regiões, fêmeas e animais com mais de um ano de idade tiveram maior taxa de positividade para a infecção (p<0.05).(AU)


Assuntos
Animais , Toxoplasma/parasitologia , Zoonoses/transmissão , Vacina Antirrábica/farmacologia , Anticorpos/fisiologia , Cães/classificação
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA