Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Sodium dodecyl sulfate as a viral inactivator and future perspectives in the control of small ruminant lentiviruses / Emprego do dodecil sulfato de sódio como inativador viral e suas perspectivas no controle de lentivírus de pequenos ruminantes

Sousa, Ana Lídia Madeira de; Pinheiro, Raymundo Rizaldo; Araújo, Juscilânia Furtado; Azevedo, Dalva Alana Aragão de; Peixoto, Renato Mesquita; Andrioli, Alice; Bezerra, Sabrina Tainah da Cruz Silva; Teixeira, Maria Fátima da Silva.
Arq. Inst. Biol; 86: e0752018, 2019. ilus, tab
Artigo em Inglês | | ID: biblio-1046025

Resumo

Infections by small ruminant lentiviruses (SRLVs) affect goats and sheep causing chronic multisystemic diseases that generate great economic losses. The caprine lentivirus (CLV) and the ovine lentivirus (OLV) present tropism for cells of the monocyte/macrophage lineage, which are directly associated with the main route of transmission through the ingestion of milk and colostrum from infected animals. In this manner, controlling this route is of paramount importance. Currently, researches have investigated the use of chemical additives in milk that can preserve colostrum or milk and inactivate microbiological agents. Among the compounds, sodium dodecyl sulfate (SDS) has been shown to be satisfactory in the chemical inactivation of HIV and CLV in milk, and also as a biocide in goat colostrum.(AU)
As lentiviroses de pequenos ruminantes (LVPRs) são infecções que afetam caprinos e ovinos, causando doenças multissistêmicas crônicas, ocasionando grandes perdas econômicas. Os agentes causadores, lentivírus caprino (LVC) e o lentivírus ovino (LVO), apresentam tropismo por células da linhagem monocítico--fagocitária, as quais estão diretamente associadas à principal via de transmissão, por meio da ingestão de leite e colostro provindos de animais infectados. Desse modo, o controle por esta via é de suma importância. Atualmente, pesquisas vêm sendo desenvolvidas para o uso de aditivos químicos no leite, que possam conservar o colostro ou leite, e inativar agentes microbiológicos presentes. Dentre estes, o dodecil sulfato de sódio (SDS) vem apresentando resultados satisfatórios na inativação química do HIV e LVC em leite, e ainda como biocida em colostro caprino.(AU)
Biblioteca responsável: BR1942.1