Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Ultrasound evaluation of female reproductive system in free ranging Giant Anteater (Myrmecophaga tridactyla): case report / Avaliação ultrassonográfica do sistema reprodutor feminino em tamanduá-bandeira de vida livre (Myrmecophaga tridactyla): relato de caso

Maronezi, M. C; Lemos, G. G; Lima, F. H; Izique, L. M; De Santi, M; Couto, C; Pereira, T. M; Uscategui, R. A. R; Minto, B. W; Werther, K; Feliciano, M. A. R.
Arq. bras. med. vet. zootec. (Online); 72(3): 895-900, May-June, 2020. ilus
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1129565

Resumo

An adult, female, 31kg body weight, free range Myrmecophaga tridactyla was referred for medical consultation due to apathy, dehydration, intense flatulence and fetid stools. The animal was submitted to chemical restraint and physical examination, blood count, fecal analysis, and vaginal cytology and abdominal ultrasonography were performed. Good nutritional status and clinical variables within the normal range were observed at physical examination. At vaginal cytology leukocytes, spermatozoa and a large proportion of cornified cells (superficial) were observed, indicating estrus and recent copula. At ultrasound examination it was possible to locate, identify, evaluate and measure the ovaries and the uterine structures, cervix, body, lumen, myometrium and endometrium, a fact never reported in the literature for this species. These data can be used as reference for clinical evaluation of the reproductive tract in Myrmecophaga tridactyla females considered vulnerable species, for the diagnosis of reproductive pathologies, biotechnologies application or estrous cycle evaluation.(AU)
Uma fêmea, com 31kg de peso corporal, de Myrmecophaga tridactyla, de vida livre, foi apresentada para consulta médica em razão de apatia, desidratação, flatulência intensa e fezes fétidas. O animal foi submetido à contenção química e foram realizados exame físico, hemograma, análise fecal, citologia vaginal e ultrassonografia abdominal. Ao exame físico, foi determinado bom estado nutricional e variáveis clínicas dentro da faixa de normalidade. Na citologia vaginal, foram observados leucócitos, espermatozoides e uma grande proporção de células cornificadas (superficiais), indicando estro e cópula recente. No exame ultrassonográfico, foi possível localizar, identificar, avaliar e mensurar os ovários e as estruturas uterinas, o colo do útero, o corpo do útero, o lúmen, o miométrio e o endométrio, fato nunca relatado na literatura para essa espécie. Esses dados podem ser utilizados como referência para avaliação clínica do trato reprodutivo de fêmeas de Myrmecophaga tridactyla considerada espécie vulnerável, para o diagnóstico de patologias reprodutivas, aplicação de biotecnologias ou avaliação do ciclo estral.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1