Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Impact of a large dam on reproduction of a non-migratory teleost species, Acestrorhynchus lacustris (Characiformes: Acestrorhynchidae) / Impacto de uma grande barragem na reprodução de uma espécie de teleósteo não migradora, Acestrorhynchus lacustris (Characiformes: Acestrorhynchidae)

Gomes, R Z; Paschoalini, A L; Weber, A A; Santiago, K B; Rizzo, E; Bazzoli, N.
Braz. j. biol; 82: e240894, 2022. tab, graf
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: biblio-1285601

Resumo

Abstract The release of water from the reservoir hypolimnion, lower concentration of oxygen and the anthropogenic regulation of the river flow, could affect the reproduction of fish, especially migratory species. However, little is known about the effects of these changes in water on non-migratory species. In this sense, the reproduction of Acestrohynchus lacustris was evaluated in two sections of São Francisco River, Minas Gerais, Brazil. Section 1, located immediately downstream from Três Marias Dam (18°09'31.65"S and 45°13'36.00"W) and section 2, located at the confluence of the São Francisco and the Abaeté Rivers (18°02'47.78"S and 45°10'57.95"W). For this, we obtained the physico-chemical parameters of water of each study section. Additionally, biometric data and biological indices of all specimens were measured. Fecundity and follicles diameters were measured in females. Temperature, dissolved oxygen and flow showed lower values in section 1. Fish captured in this section, had lower values of GSI in both sexes, and females presented decreased values of fecundity and follicles diameter. This species showed reproductive activity in the two sections analyzed, however, in section 1 where the temperature and dissolved oxygen presented significant lower values, the reproductive capacity of A. lacustris, was negatively affected.
Resumo A liberação de água do hipolímnio do reservatório, baixa concentração de oxigênio e a regulação antropogênica do fluxo do rio podem afetar a reprodução de peixes, principalmente espécies migradoras. No entanto, pouco se sabe sobre os efeitos dessas mudanças nas condições da água em espécies não migradoras. A reprodução de Acestrohynchus lacustris foi avaliada em duas seções do rio São Francisco. Seção 1, localizada imediatamente a jusante da barragem de Três Marias e seção 2, localizada na confluência dos rios São Francisco e Abaeté. Para isso, foram obtidos os parâmetros físico-químicos da água de cada seção do estudo. Além disso, dados biométricos e índices biológicos de todos os peixes capturados foram obtidos. Adicionalmente, nas fêmeas foram medidos os diâmetros dos folículos vitelogênicos e a fecundidade. Temperatura, oxigênio dissolvido e fluxo apresentaram valores mais baixos na seção 1. Os peixes capturados nesta seção apresentaram menores valores de IGS em ambos os sexos, e as fêmeas apresentaram menores valores de fecundidade e diâmetro dos folículos. Essa espécie apresentou atividade reprodutiva nas duas seções analisadas, porém, na seção 1, onde os parâmetros da água apresentam piores condições para o processo reprodutivo de peixes, a capacidade reprodutiva de A. lacustris foi afetada negativamente.
Biblioteca responsável: BR1.1