Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Prevalence of intestinal parasitic diseases in school children of rural areas of district Lower Dir, Pakistan / Prevalência de doenças parasitárias intestinais em escolares de áreas rurais do distrito de Lower Dir, Paquistão

Ulhaq, Z; Khan, W; Khan, M F; Kabir, M; Ujjan, A A; Ullah, W; Masood, Z; Khan, S; De los Ríos Escalante, P.
Braz. j. biol; 82: e243150, 2022. tab, graf
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: biblio-1339334

Resumo

Abstract Present study was conducted among school children to recognize the prevalence of IPIs in rural communities of district Dir Lower, Pakistan. A sum of 324 samples of stool were collected (210 boys and 114 girls). Used direct smear method and formol ether sedimentation concentration technique for processing the samples. The result shows that 82% (n=266) were found infected comprised 64.8% male and 35.1% females. Children of the age group 10 to 12 years were found extremely infected 94.2% while 4-6 year age group were having minimum ratio of infection 72%. Current study shows mono parasitism in 50.6% of the students while 22.2% were infected with 2 species and 7.40% were infected with three species of parasites. Seven species of intestinal parasites were reported include Ascaris lumbricoid in male (n=122) 58.0% and in female (n=65) 57.0% followed by Hook worm (n=88) 41.9% and (n=44) 38.5%; Tania saginata (n=44) 20.9% and (n=24) 21.0%; Entrobius vermicularis (n=32) 15.2% and (n=16) 14.0%; Trichuris trichura (n=25) 11.9% and (n=22) 19.2%; Hymenolepis nana (n=24) 11.4% and (n=18) 15.7% and Entameoba histolytica (n=16) 7.61% and (n=14) 12.2% in male and females respectively. The study indicates that most occurring intestinal parasite in the current study were Ascaris lumbricoides 58.0% (n=122) followed by hookworms 41.9% (n=88). Male students were more infected than females in the present study.
Resumo O presente estudo foi conduzido entre crianças em idade escolar para reconhecer a prevalência de IPIs em comunidades rurais do distrito de Dir Lower, Paquistão. Foram coletadas 324 amostras de fezes (210 meninos e 114 meninas). Método de esfregaço direto usado e técnica de concentração de sedimentação de formol éter para processar as amostras. O resultado mostra que 82% (n = 266) dos infectados eram 64,8% do sexo masculino e 35,1% do feminino. Crianças da faixa etária de 10 a 12 anos foram encontradas extremamente infectadas 94,2%, enquanto a faixa etária de 4 a 6 anos apresentava proporção mínima de infecção de 72%. O estudo atual mostra monoparasitismo em 50,6% dos alunos, enquanto 22,2% estavam infectados com 2 espécies e 7,40% estavam infectados com três espécies de parasitas. Sete espécies de parasitas intestinais foram relatadas incluindo Ascaris lumbricoid em machos (n = 122) 58,0% e em fêmeas (n = 65) 57,0% seguido por anzol (n = 88) 41,9% e (n = 44) 38,5%; Tania saginata (n = 44) 20,9% e (n = 24) 21,0%; Entrobius vermicularis (n = 32) 15,2% e (n = 16) 14,0%; Trichuris trichura (n = 25) 11,9% e (n = 22) 19,2%; Hymenolepis nana (n = 24) 11,4% e (n = 18) 15,7% e Entameoba histolytica (n = 16) 7,61% e (n = 14) 12,2% em homens e mulheres, respectivamente. O estudo indica que os parasitas intestinais que mais ocorreram no presente estudo foram Ascaris lumbricoides 58,0% (n = 122), seguidos por ancilóstomos 41,9% (n = 88). Estudantes do sexo masculino foram mais infectados do que do sexo feminino no presente estudo.
Biblioteca responsável: BR1.1