Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Indicators of full value feeding rations for dairy cows / Indicadores de rações de valor total para vacas leiteiras

Bostanova, S; Aitmukhanbetov, D; Bayazitova, K; Zhantleuov, D; Il, Y.
Braz. j. biol; 82: e254111, 2022. tab
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: biblio-1339335

Resumo

Abstract This article presents the results of the level of feeding and the health status of dairy cows in a commercial dairy farm on the content of the main components in milk (fat, protein, urea). The aim of the research was to study the milk productivity and composition of milk of cows, to analyze the level of feeding and the content of basic nutrients in the diet of the farm. The farm breeds purebred Holstein cattle with a high genetic potential for productivity. The milking herd was formed in 2009 on the basis of 600 heads of Holstein-Friesian heifers imported from Hungary, as well as 65 heads of Holsteinized heifers of Ukrainian selection from Ukraine in 2015. Today the livestock numbers about 1,500 head of cattle, of which there are about 900 breeders. On the territory of the farm there are: 3 cowsheds for keeping cows, an insemination room, a milking parlor with a parallel installation of the Delaval company, in which 48 cows are milked for one milking, the ABK, where the manager's office, livestock technician, accounting is located, and a mini-hotel with dining room and lounges. Dairy bases are equipped with auto-drinkers, ventilation, plumbing, electric lighting, manure removal mechanisms, and a milking installation. The object of the research was Holstein cows in the amount of 483 heads of Aina Dairy Farm LLP. The studies were carried out according to generally accepted zootechnical methods using modern equipment for conducting analyzes and interstate and state standards. The research results showed that the milk productivity of cows averaged 19.5 kg per day, the fat content 4.3%, the protein 3.9%, the number of somatic cells 230.5 thousand units / ml, urea 45.3 mg / 100 ml respectively. Analyzing the level of urea in milk can suggest a high crude protein content in the diet. The ration of feeding dairy cows on the farm is concentrate-silage-haylage and there is an excess of dry matter by 16.2%, crude protein by 9.8%, starch by 29.4%, respectively.
Resumo Este artigo apresenta os resultados do nível de alimentação e do estado de saúde de vacas leiteiras em uma fazenda comercial leiteira sobre o conteúdo dos principais componentes do leite (gordura, proteína, ureia). O objetivo da pesquisa foi estudar a produtividade e composição do leite de vacas, analisar o nível de alimentação e o teor de nutrientes básicos na dieta da fazenda. A fazenda produz gado holandês de raça pura com alto potencial genético de produtividade. O rebanho leiteiro foi formado em 2009 com base em 600 cabeças de novilhas Holstein-Friesian importadas da Hungria, bem como 65 cabeças de novilhas holsteinizadas da seleção ucraniana em 2015. Hoje o gado totaliza cerca de 1.500 cabeças de gado, das quais existem cerca de 900 criadores. No território da fazenda existem: 3 estábulos para criação de vacas, uma sala de inseminação, uma sala de ordenha com instalação paralela da empresa Delaval, na qual são ordenhadas 48 vacas para cada ordenha, a ABK, onde fica o escritório do gestor, pecuária técnica, a contabilidade está localizada, e um mini-hotel com refeitório e salões. As bases leiteiras são equipadas com bebedouros automáticos, ventilação, encanamento, iluminação elétrica, mecanismo de remoção de esterco e instalação de ordenha. O objeto da pesquisa foram vacas da raça holandesa no valor de 483 cabeças da Aina Dairy Farm LLP. Os estudos foram realizados de acordo com métodos zootécnicos geralmente aceitos, utilizando equipamentos modernos para a realização de análises e padrões interestaduais e estaduais. Os resultados da pesquisa mostraram que a produtividade do leite das vacas era em média 19,5 kg por dia, o teor de gordura 4,3%, a proteína 3,9%, o número de células somáticas 230,5 mil unidades / ml, ureia 45,3 mg / 100 ml respectivamente. A análise do nível de ureia no leite pode sugerir alto teor de proteína bruta na dieta. A ração para alimentação das vacas leiteiras na fazenda é concentrado-silagem-silagem-silagem e há excesso de matéria seca em 16,2%, proteína bruta em 9,8% e amido em 29,4%, respectivamente.
Biblioteca responsável: BR1.1