Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Chemical characterization and effects of volatile oil of Alpinia zerumbet on the quality of collagen deposition and caveolin-1 expression in a muscular fibrosis murine model / Caracterização química e efeitos do óleo volátil de Alpinia zerumbet na qualidade da deposição do colágeno e expressão da caveolina-1 em modelo murino de fibrose muscular

Batista, T S C; Barros, G S; Damasceno, F C; Cândido, E A F; Batista, M V A.
Braz. j. biol; 84: e253616, 2024. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1355880

Resumo

Abstract This study evaluated the effect of the volatile oil of Alpinia zerumbet (VOAz) on caveolin-1 gene expression and muscular fibrosis. The rats were immobilized to induce fibrosis of the gastrocnemius muscle, and they were treated with VOAz. Collagen quality was assessed by histology and the expression of the caveolin-1 (CAV-1) gene was evaluated using qPCR. Histomorphological analysis indicated a significant reduction in the perimeter, width, and intensity of collagen in the treated groups, thus showing that the oil was effective in regulating the quality of collagen at the three concentrations. The results of expression levels suggested a decrease in the lesioned group and in two treatment groups (0.0115 µg/g and 0.009 µg/g). However, with the lowest concentration (0.0065 µg/g), no significant difference was observed, with levels similar to those found in healthy tissue. Therefore, the results showed that VOAz has the potential to be a non-invasive and low-cost alternative to aid in the treatment of muscular fibrosis.
Resumo Este estudo avaliou o efeito do óleo volátil de Alpinia zerumbet (OVAz) na expressão do gene da caveolina-1 e na fibrose muscular. Os ratos foram imobilizados para induzir a fibrose do músculo gastrocnêmio, e foram tratados com OVAz. A qualidade do colágeno foi avaliada com histologia e à expressão do gene caveolina-1 (CAV-1) foi avaliada usando qPCR. A análise histomorfológica indicou uma redução significativa no perímetro, largura e intensidade do colágeno nos grupos tratados. Os resultados dos níveis de expressão sugeriram diminuição nos grupos de lesão e em dois grupos de tratamento (0,0115 µg/g e 0,009 µg/g). No entanto, com a menor concentração (0,0065 µg/g), não foi observada diferença significativa, apresentando níveis semelhantes aos encontrados em tecido saudável. O uso do OVAz foi eficaz para reverter as alterações do colágeno causadas pela fibrose, e sua menor concentração apresentou uma possível tendência de aumento na expressão do CAV-1. Portanto, os resultados mostraram que o OVAz tem potencial para ser uma alternativa não invasiva e de baixo custo para auxiliar no tratamento da fibrose muscular.
Biblioteca responsável: BR1.1