Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Seroprevalence and associated factors of viral agents of the bovine respiratory disease complex in buffaloes of Colombia / Soroprevalência e fatores associados aos agentes virais do complexo respiratório bovino em búfalos da Colômbia

Oviedo Pastrana, Misael Enrique; Carrascal-Triana, Erly; Ramos, Matiluz Doria; Ortega, Diego Ortiz.
Ciênc. rural (Online); 52(8): e20210215, 2022. mapa, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1356136

Resumo

The bovine respiratory disease complex causes sizable losses for livestock producers. Its presentation involves the interaction among multiple viral and bacterial pathogens. Viral agents include: bovine viral diarrhea virus (BVDV), bovine alphaherpesvírus 1 (BoHV-1), bovine parainfluenza virus (bPI3v) and bovine respiratory syncytial virus (BRSV); so far, these viruses have been little studied in the buffalo population. This study is aimed to assess the presence of these viruses in buffalo populations of the department of Córdoba, Colombia. A transversal study was conducted upon assessment of 37 farms and 861 buffaloes. Seroprevalence in animals were as follows: 21.7% (BVDV), 51.5% (BoHV-1), 73.6% (bPI3v) and 58.9% (BSRV), while seroprevalence in farms stood at: 94.6% (BVDV), 100% (BoHV-1), 100% (bPI3v) and 100% (BSRV). Conversely, the multiple seropositivity in buffaloes or past coinfection of viral agents amounted to 23.3% for a single virus, 31.8% for two viruses, 29.4% for three viruses and 7.1% for four viruses; only 8.4% of buffaloes were seronegative for four viruses. This is the first regional epidemiological study in the buffalo populations of Colombia and the results showed viral circulation and multiple seropositivity in animals; in addition, the high prevalence found pose a concerning epidemiological threat.
O Complexo de Doenças Respiratórias Bovinas causa perdas significativas aos produtores de gado. Sua apresentação envolve a interação entre múltiplos patógenos virais e bacterianos, dentre os agentes virais estão: vírus da diarreia viral bovina (BVDV), alphaherpesvírus bovino tipo 1 (BoHV-1), vírus da parainfluenza bovina 3 (bPI3v) e vírus sincicial respiratório bovino (BRSV); esses vírus têm sido pouco estudados em populações de búfalos. O objetivo deste estudo foi avaliar a presença destes vírus em populações de búfalos do departamento de Córdoba, Colômbia. Foi realizado um estudo transversal, avaliando 37 fazendas e 861 bubalinos. As soroprevalências em animais foram: 21.7% (BVDV), 51.5% (BoHV-1), 73.6% (bPI3v) e 58.9% (BSRV) e as soroprevalências em fazendas foram: 94.6% (BVDV), 100% (BoHV-1), 100% (bPI3v) e 100% (BSRV). Por outro lado, a soropositividade múltipla em búfalos ou infectividades acontecidas dos agentes virais foi de 23.3% para um único vírus, 31.8% para dois vírus, 29.4% para três vírus e 7.1% para os quatro vírus; apenas 8.4% dos búfalos foram soronegativos para os quatro vírus. Este é o primeiro estudo epidemiológico regional em populações de búfalos da Colômbia, os resultados evidenciam a circulação viral e múltiplas infecções em animais; além disso, as altas prevalências encontradas apresentam um cenário epidemiológico preocupante.
Biblioteca responsável: BR68.1