Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Effects of different banana crop residue hays on ensiling BRS capiaçu grass on fermentation profile, aerobic stability and nutritional value of silage / Efeitos de diferentes fenos de resíduo da bananicultura na ensilagem do capim-BRS capiaçu sobre o perfil de fermentativo, estabilidade aeróbia e valor nutricional da silagem

Silva, Ariadne Freitas; Monção, Flávio Pinto; Rigueira, João Paulo Sampaio; Rocha Júnior, Vicente Ribeiro; Alencar, Amanda Maria Silva; Carvalho, Cinara da Cunha Siqueira; Albuquerque, Carlos Juliano Brant; Vieira e Silva, Fredson; Miorin, Renan Lucas; Sales, Eleuza Clarete Junqueira de.
Semina ciênc. agrar; 42(6, supl. 2): 3991-4008, 2021. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1371790

Resumo

The objective of this study was to evaluate the BRS capiaçu grass silage combined with different hays of banana crop residue on fermentation profile, aerobic stability and nutritional value. The treatments consisted of elephant grass cv. BRS capiaçu (Pennisetum purpureum Schum.) ensiled with 37.44% banana peel hay, 36.06% banana pseudostem hay and 37.00% banana leaf hay, on a dry matter (DM) basis and control silage (no additive). The experimental design used was completely randomized, with five treatments and five replicates. Forage was collected when it reached 3.5 meters in height (90 days). Experimental PVC silos of known weight, 50 cm long, 10 cm diameter, were used for silage making. For all treatments, silage aerobic stability breakdown started after 64 hours exposure to air. The BRS capiaçu grass control silage or silage combined with pseudostem hay (mean of 73.15 kg t GM-1) presented effluent losses 40.46% higher than those observed for BRS capiaçu grass silage + banana leaf hay and 69.17% in relation the BRS capiaçu grass silage + banana peel hay. The inclusion of banana crop residue (hay) when ensiling BRS capiaçu grass decreased 13.93% gas losses compared to the control silage (mean of 3.11% DM). Higher values of total digestible nutrients, metabolizable energy and digestible energy content was found in BRS capiaçu grass silage + with banana peel hay. The greater in vitro dry matter digestibility and in vitro neutral detergent fiber digestibility was observed for BRS capiaçu grass silage combined with pseudostem hay. The inclusion of 37.44% banana peel hay improves the fermentation profile and aerobic stability of BRS capiaçu grass silage.(AU)
Ojetivou-se por meio desta pesquisa avaliar a silagem de capim-BRS capiaçu associada com diferentes fenos de resíduos da cultura da banana sobre o perfil fermentativo, estabilidade aeróbia e valor nutricional. Os tratamentos consistiram de capim-elefante cv. BRS capiaçu (Pennisetum purpureum Schum.) ensilado com 37,44% de feno de casca de banana, 36,06% de feno de pseudocaule de banana e 37,00% de feno de folha de bananeira, à base da matéria seca (MS), e a silagem controle (sem aditivo). O delineamento experimental utilizado foi inteiramente casualizado com cinco tratamentos e cinco repetições. A forragem foi coletada quando atingiu 3,5 metros de altura (90 dias). Para a produção da silagem, foram utilizados silos experimentais de PVC de peso conhecido, com 50 cm de comprimento e 10 cm de diâmetro. Para todos os tratamentos, a quebra da estabilidade aeróbia da silagem iniciou a partir de 64 horas de exposição ao ar. A silagem de BRS capiaçu controle ou associada ao feno de pseudocaule (média de 73,15 kg t MN-1) apresentaram perdas de efluentes 40,46% maiores do que as observadas para a silagem de BRS capiaçu associada ao feno de folha de bananeira e 69,17% em relação à silagem de BRS capiaçu associada à casca de banana. A inclusão dos resíduos da cultura da banana (feno) na ensilagem do capim- BRS capiaçu diminuiu 13,93% as perdas por gases em comparação com a silagem controle (média de 3,11% da matéria seca - MS). Maiores teores de nutrientes totais digestíveis, energia metabolizável e energia digestível foram verificadas na silagem de BRS capiaçu associada à casca de banana. A maior digestibilidade in vitro da matéria seca e da fibra em detergente neutro foi verificada na silagem de BRS capiaçu associada com feno de pseudocaule. A inclusão de 37,44% de feno de casca de banana melhora o perfil fermentativo e a estabilidade aeróbia da silagem de capim- BRS capiaçu.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1