Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Prejuízos causados pela mastite em ovelhas Santa Inês / Damages caused by mastitis in Santa Inês Brazilian sheep breed

Veríssimo, C. J; Zafalon, L. F; Otsuk, I. P; Nassar, A. F. C.
Arq. Inst. Biol. (Online); 77(4): 583-591, out.-dez. 2010. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1391816

Resumo

A mastite tem causado grandes prejuízos em criações de ovinos para corte no Brasil, onde o número de cordeiros nascidos e desmamados é de enorme importância econômica para o sistema de produção. O objetivo deste trabalho foi quantificar esses prejuízos em uma propriedade com ovinos da raça Santa Inês, em sistema semi-intensivo de produção, no Estado de São Paulo. Foram feitos exames clínicos, o Califórnia Mastitis Test (CMT), e as colheitas de leite para exame microbiológico das ovelhas na segunda semana de parição e no desmame. No mesmo dia das colheitas de amostras de leite, os cordeiros foram pesados, bem como no dia do nascimento. Quarenta e uma ovelhas pariram 55 cordeiros (taxa de natalidade 1,34) na estação de parição de 23/10/2008 a 4/1/2009. Destes, 20 (36%) morreram, 14 (70%) nas primeiras duas semanas de vida, e seis (30%) antes do desmame, que ocorreu em torno de 70 dias. 70% (14) das mortes foram atribuídas à condição de mastite da ovelha, e 30% (6) a outras causas, principalmente pneumonia. O ganho de peso diário do nascimento ao desmame de cordeiros filhos de ovelhas com mastite, em pelo menos uma glândula mamária, foi inferior (P < 0,10) ao de cordeiros filhos de ovelhas sadias. Das amostras positivas no exame microbiológico, 85,8% estavam positivas para bactérias do gênero Staphylococcus.
In meat sheep herds in Brazil, mastitis has provoked many damages, causing mortality and decreasing the numbers of lambs born and weaned, posing heavy economic impacts for the production system. The objective of this study was to quantify the damages caused by mastitis in a Santa Inês breed herd, reared in a semi-intensive production system, in São Paulo State, Brazil. Clinical exams were conducted and the California mastitis test was carried out, and milk samples were taken from the ewes for microbiological assay. The lambs were weighed at birth and on the days when the milk samples were taken. Forty-one ewes gave birth to 55 lambs (birth rate of 1.34) during the parturition season from 23 October 2008 to 4 January 2009. Twenty (36%) of them died, 14 (70%) in the first 2 weeks following birth, and 6 (30%) before weaning, which occurs at about 70 days. A total of 70% (14) of the deaths were imputed to the occurrence of mastitis in the respective ewe, and 30% (6) to other causes, mainly pneumonia. Mastitis decreased the average daily gain of the lambs from birth to weaning (P < 0.10). Most of the positive microbiological samples (85.8%) where positive for Staphylococcus spp.
Biblioteca responsável: BR68.1