Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Contaminação das praias do município de Pelotas, por ovos, cistos e oocistos de parasitos gastrintestinais de cães / Contamination of the beaches of the municipality of Pelotas, by eggs, cysts and oocysts of gastrointestinal parasites of dogs

Ferraz, Alexsander; Lima, Camila Moura de; Barwaldt, Eugênia Tavares; Castro, Tanize Angonesi de; Santos, Eduarda Machado dos; Antunes, Tatiana de Ávila; Nobre, Márcia de Oliveira; Nizoli, Leandro Quintana.
Ciênc. Anim. (Impr.); 32(1): 62-70, jan.-mar. 2022. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1401865

Resumo

Este trabalho teve como objetivo detectar ovos, cistos e oocistos de parasitos com potencial zoonótico em fezes de cães encontradas na orla das praias de Pelotas/RS, Brasil. Entre os meses de setembro de 2018 e agosto de 2019, foram coletadas 12 amostras mensais em cada uma das três praias estudadas (Laranjal, Barro Duro e Colônia de pescadores Z3), correspondendo a 36 amostras por mês e totalizando 432 amostras. Várias técnicas foram utilizadas para as análises. Dentre as amostras analisadas, 73,4% (317/432) foram positivas para algum gênero de parasito. Ovos de Ancylostoma spp. foram prevalentes em todas as praias, estando presente em 54,6% das amostras. As praias de Z3 e Barro Duro apresentaram os maiores percentuais de contaminação, com médias de 85,4% e 84,7%, respectivamente, enquanto Laranjal apresentou a menor média (50,3%). Por serem locais públicos, a presença de ovos e cistos de parasitos zoonóticos indica um potencial risco para a população e animais que os frequentam. Desta forma, medidas devem ser adotadas com a finalidade de reduzir a contaminação nessas áreas e, consequentemente, diminuir a exposição a esses agentes.
This study aimed to detect eggs, cysts, and oocysts of parasites with zoonotic potential in dog feces found on the waterfront of the beaches of Pelotas, RS, Brazil. Between September 2018 and August 2019, 12 monthly samples were collected at each of the three beaches studied (Laranjal, Barro Duro, and Colony of fishermen Z3), corresponding to 36 samples per month and totaling 432 samples. Several techniques were used for analyses. Among the analyzed samples, 73.4% (317/432) were positive for some type of parasite. Ancylostoma spp. eggs were prevalent on all beaches, being present in 54.6% of the samples. Z3 and Barro Duro beaches showed the highest percentages of contamination, with averages of 85.4% and 84.7%, respectively, while Laranjal presented the lowest average (50.3%). As they are public places, the presence of eggs and cysts of zoonotic parasites indicates a potential risk for the population and animals that frequent them. Thus, measures must be adopted to reduce contamination in these areas and, consequently, decrease exposure to these agents.
Biblioteca responsável: BR68.1