Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Purification of amyloglucosidase from Aspergillus niger / Purificação de amiloglicosidase de Aspergillus niger

Manera, Ana Paula; Meinhardt, Simone; Kalil, Susana Juliana.
Semina ciênc. agrar; 32(2): 651-658, 2011.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1433351

Resumo

In this work, test were carried out to determine the best conditions for the purification of amyloglucosidase from Aspergillus niger NRRL 3122, using a fixed-bed ion exchange chromatography column. The tests were conducted in a purification column containing anion resin DEAE-cellulose. To maximize the purification conditions, were used as variable parameters feeding speed (46 and 8 cm/h) and operating temperature (25 and 10ºC). The best result was observed when a feeding speed of 8 cm/h was employed at a temperature of 10ºC, resulting in a purification factor of 9.9-fold and a recovery of 47.6%.
Neste trabalho foram realizados testes para determinação das melhores condições de purificação da amiloglicosidase de Aspergillus niger NRRL 3122, usando cromatografia de troca iônica em coluna de leito fixo. Os testes de purificação foram conduzidos em coluna contendo resina aniônica DEAE-celulose. Para maximizar as condições de purificação foram testadas as variáveis velocidade de alimentação (46 e 8 cm/h) e temperatura de operação (25 e 10ºC). O melhor resultado foi observado quando empregou-se velocidade de alimentação de 8 cm/h e temperatura de 10°C, resultando num fator de purificação de 9,9 vezes e uma recuperação de 47,6%.
Biblioteca responsável: BR68.1