Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Estudo retrospectivo do otohematoma em cães atendidos em um hospital veterinário universitários atendidos em um hospital veterinário

Soares de Melo Evangelista, Luanna; Nayan Teixeira Carvalho, Yndyra; Araújo Castelo Branco, Marlon; Ramon Fernando Barbosa Lopes, Rallyson; Amorim Neto, João; Maria Quessada, Ana.
Acta Vet. Brasilica; 6(1): 48-51, 19 set. 2012.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1453394

Resumo

O otohematoma canino é um caso clínico comum na rotina da clínica médica de pequenos animais. Os principais fatores predisponentes correspondem a raça, sexo, idade, anatomia do pavilhão auricular e presença de outras afecções concomitantes. O presente trabalho objetivou a caracterização epidemiológica do hematoma auricular na espécie canina. Realizou-se um estudo retrospectivo utilizando os dados recolhidos das fichas clínicas de 55 cães com otohematoma, atendidos no Hospital Veterinário da Universidade Federal do Piauí, no período compreendido entre janeiro de 2007 a dezembro de 2008. O sexo masculino foi o mais acometido, com 62% dos casos. A faixa etária de maior representação variou de 7 a 8 anos de idade (29%). Os animais Sem Raça Definida possuíram destaque em relação à frequência de otoematoma (41%), seguindo-se dos indivíduos da raça Pastor Alemão (34%) e Fila Brasileiro (5%). A maioria dos pacientes apresentou um peso corporal superior a 20 Kg (71%). Os resultados obtidos sugeriram que o hematoma auricular canino apresentou alguns fatores de risco, como a idade adulta e o porte elevado do animal.
Biblioteca responsável: BR68.1