Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Faunal composition of predator insects in forest fragment and area of vegetables in Jaboticabal region, state of São Paulo, Brazil - DOI: 10.4025/actascibiolsci.v25i2.2015 / Composição faunística de insetos predadores em fragmento florestal e em área de hortaliças na região de Jaboticabal, Estado de São Paulo - DOI: 10.4025/actascibiolsci.v25i2.2015

Jorge Cividanes, Francisco; de Paula Souza, Vanderlei; Kenji Sakemi, Luciano.
Acta sci., Biol. sci; 25(2): 315-321, 2003.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1460257

Resumo

A population survey was carried out in a forest fragment and in an area of vegetables, from November/1996 to February/1998, aiming to determine the predator insect species and the influence of abiotic factors. The samples were taken weekly by light traps. The results were evaluated using faunistic analysis and simple correlation with temperature, relative humidity and rainfall. In the forest fragment higher similarity in the abundance of species was observed comparing to the area of vegetables, but the largest number of captured individuals (95%) occurred in this last habitat. Metius sp., Polpochila impressifrons (Dej.), Eulissus sp. and Doru sp. were predominant species in both areas, evidencing they may play an important role as pest predators in areas of vegetables. Arthrostictus speciosus (Dej.) and Leptotrachelus sp. predominated in the forest fragment, and the same was observed with Paederus sp. in the vegetable area. This species is probably adapted for open and hot places, while A. speciosus and Leptotrachelus sp. can be adapted for dark and humid places of forests
Efetuou-se um levantamento populacional em área de fragmento florestal e em área de hortaliças, entre novembro de 1996 a fevereiro/1998, visando determinar as espécies de insetos predadores e a influência de fatores abióticos. A amostragem foi efetuada semanalmente por meio de armadilha luminosa, aplicando-se aos resultados análise faunística e correlação simples com temperatura, umidade relativa e precipitação. No fragmento florestal foi observado maior semelhança na abundância de espécies do que na área de hortaliças, mas neste hábitat capturou-se maior número de indivíduos (95%). As espécies Metius sp., Polpochila impressifrons (Dej.), Eulissus sp. e Doru sp. foram predominantes nas duas áreas, evidenciando a importância dessas espécies como predadoras de pragas de hortaliças. Arthrostictus speciosus (Dej.) e Leptotrachelus sp. predominaram no fragmento florestal, o mesmo ocorrendo com Paederus sp. na área de hortaliças. Esta espécie deve preferir locais abertos e quentes, enquanto A. speciosus e Leptotrachelus sp. podem estar melhor adaptadas para locais escuros e úmidos de florestas
Biblioteca responsável: BR68.1