Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Matrinxã Brycon orthotaenia rearing in floating cage in different stocking densities - DOI: 10.4025/actascibiolsci.v32i1.3687 / Cultivo de matrinxã Brycon orthotaenia (Günther, 1864) em tanques-rede, em diferentes densidades de estocagem - DOI: 10.4025/actascibiolsci.v32i1.3687

Pedreira, Marcelo Mattos; Sampaio, Edson Vieira; Santos, José Cláudio Epaminondas dos; Luz, Ronald Kennedy.
Acta sci., Biol. sci; 32(1): 17-22, jan.-mar.2010.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1460639

Resumo

This experiment evaluated the development and survival of matrinxã Brycon orthotaenia juveniles reared during a 197-day experiment, in a 4 m3 floating cage, in three stocking densities: 20, 40 and 60 fish m-3. Juveniles with 19.9 ± 0.3 cm of total length and 90.0 ± 0.15 g of weight were used. The animals were fed with floating pellets (commercial diet with 36% crude protein). The total length, and weight were higher (p < 0.05) in the density of 20 fish m-3. The density of 40 and 60 fish m-3 showed intermediary and low values, respectively. Survival and Fulton condition factor were similar (p > 0.05) among the different densities; however, the produced biomass was higher (p < 0.05) in densities of 40 and 60 fish m-3. The increased stocking density showed a more homogeneous growth. The increase in stocking density for B. orthotaenia juveniles presented a higher biomass, homogeneity of fishes, lesser growth, but had no effect in survival.
O presente experimento avaliou o desempenho e sobrevivência de juvenis de matrinxã Brycon orthotaenia cultivados em tanques-rede de 4 m3, por 197 dias, em três densidades de estocagem: 20, 40 e 60 peixes m-3. Foram utilizados exemplares com 19,9 ± 0,3 cm de comprimento total e 90,0 ± 0,15 g de peso. Os animais foram alimentados com ração extrusada contendo 36% de proteína bruta. O comprimento total e o peso foram superiores (p < 0,05) na densidade de 20 peixes m-3. Valores intermediários e inferiores foram registrados para a densidade de 40 e 60 peixes m-3, respectivamente. A sobrevivência e o Fator de condição de Fulton foram semelhantes (p > 0,05) entre as diferentes densidades; porém, a biomassa produzida foi superior (p < 0,05) para as densidades de 40 e 60 peixes m-3. O aumento da densidade de estocagem também resultou em crescimento mais homogêneo dos animais. Para juvenis de B. orthotaenia, o aumento na densidade de estocagem leva a maior biomassa final, peixes mais homogêneos, menor crescimento, mas não tem efeito na sobrevivência.
Biblioteca responsável: BR68.1