Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Corynebacterium pseudotuberculosis experimental infection of goats mamary gland

Pinheiro Junior, J.W.; Oliveira, A.A.F.; Alves, F.S.F.; Silva, L.B.G.; Rabelo, S.S.A.; Mota, R.A..
Arq. Inst. Biol; 73(4)2006.
Artigo em Inglês | LILACS-Express | ID: biblio-1461827

Resumo

ABSTRACT The objective of this study is to describe some aspects of the pathogeny of Corynebacterium pseudotuberculosis, isolated from a natural case of caseous lymphadenitis. The study was comprised with 2 groups of 3 animals each; inoculated with a C. pseudotuberculosis strain, group 1 (GI) via intra dermal and group 2 (GII) via the mammary gland. The animals were clinically examined on a daily basis and hemograms carried out over a period of time at different intervals. Only 2 animals from GII showed changes in the clinical examination characterized by hyperthermia. All the animals in both groups developed papule and edema at the inoculation site. There were no significant alterations in the erythrogram but in the leucogram there was leucocytosis indicated by the presence of neutrophilia in 2 animals from GII. Results of the cellular analysis of the gland showed that 2 animals from GII developed acute mastitis. This experiment has proven that C. pseudotuberculosis, isolated from a natural infection of caseous lymphadenitis, could cause clinical mastitis, losses in goat keeping and that the expression cytology test could be used as an alternative diagnosis for mastitis.
RESUMO Objetivou-se com este trabalho descrever alguns aspectos da patogenia da infecção da glândula mamária por Corynebacterium pseudotuberculosis isolado de um caso natural de linfadenite caseosa. Os animais em número de seis, foram separados em dois grupos, no primeiro (GI) foi realizada inoculação da cepa de C. pseudotuberculosis pela via intradérmica e no segundo grupo (GII) pela via intramamária. Esses animais foram acompanhados diariamente por exame clínico e por hemogramas em diferentes tempos. Apenas dois animais do GII apresentaram alteração ao exame clínico caracterizada por hipertermia. Todos os animais (GI e GII) apresentaram pápula e edema no local da inoculação. No eritrograma, não foram observadas alterações significativas, contudo no leucograma, observou-se leucocitose por neutrofilia em dois animais do GII. A análise da celularidade das glândulas demonstrou que apenas dois animais do GII apresentaram mastite aguda. Comprovou-se com este experimento que o C. pseudotuberculosis isolado de infecção natural de linfadenite caseosa, pode ocasionar mastite clínica, causando prejuízos para caprinocultura, assim como a citologia de expressão pode ser utilizada como método de diagnóstico alternativo nos casos de mastite.
Biblioteca responsável: BR68.1