Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Effect of drought and variation in the space of individuals in abundance of trophic guilds ichthyofauna in a reservoir in the Brazilian Semiarid / Efeito da seca e da variação espacial na abundância de indivíduos nas guildas tróficas da ictiofauna em um reservatório no Semiárido Brasileiro

Oliveira, Jônnata Fernandes de; Costa, Rodrigo Silva da; Novaes, José Luís Costa; Rebouças, Luzia Geize Fernandes; Morais-Segundo, Antonio Luiz Nogueira de; Peretti, Danielle.
Bol. Inst. Pesca (Impr.); 42(1): 51-64, 2016. map, tab, graf
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1465144

Resumo

The individuals abundance that compounds the fish trophic guilds may be governed by time and space changes, considering that different periods and places have different biotic and abiotic conditions. Thus, it was verified the effect of drought and spatial differences in the abundance of individuals in trophic guilds of fish in Pau dos Ferros reservoir, Rio Grande do Norte. Fish were collected at four points in the months of February, May, August and November 2012. After the capture, identification and biometrics, prey items from stomachs and intestines were identified and their volumes estimated. We calculated the Alimentary Index (IAi), and their values used to determine trophic guilds. Then it was verified similarity among species of trophic guild. The number of individuals that compound the guilds was used in a similarity matrix, and the results of this procedure have been ordered in multidimensional scaling analysis no metric (NMDS), to assess the temporal and spatial distribution of the guilds. The species were classified into four trophic guilds: insectivorous, detritivorous/iliophagous, herbivorous and piscivorous. Based on thisclassification it was found that the dry season and the structure of the collection sites favored the establishment of insectivorous guilds and detritivorous/iliophagous over the months and studied sites, since the reservoir Pau dos Ferros is a eutrophic environment and low depth with highprimary productivity and greater availability of insects, debris and sediment.
A abundância de indivíduos que compõem as guildas tróficas de peixes pode ser regida por modificações temporais e espaciais, considerando que períodos e locais distintos dispõem de diferentes condições bióticas e abióticas. Assim, verificou-se o efeito da seca e das diferenças espaciais na abundância de indivíduos nas guildas tróficas da ictiofauna do reservatório de Pau dos Ferros, Rio Grande do Norte. Foram coletados peixes em quatro pontos, nos meses de fevereiro, maio, agosto e novembro de 2012. Após a captura, identificação e biometria, os itens alimentares dos estômagos e intestinos foram identificados e os seus volumes, estimados. Foi calculado o Índice Alimentar (IAi), sendo seus valores utilizados para determinar as guildas tróficas. Depois, verificou-se a similaridade entre as espécies das guildas tróficas. O número de indivíduos que compõem as guildas foi utilizado em uma matriz de similaridade, e os resultados desse procedimento foram ordenados em análises de escalonamento multidimensional não métrico (NMDS), para avaliar a distribuição temporal e espacial das guildas. As espécies foram classificadas em quatro guildas tróficas: insetívora, detritívora/iliófaga, herbívora e piscívora. Com base nessa classificação foi constatado que o período de seca e a estrutura dos pontos de coleta favoreceram o estabelecimento das guildas insetívora e detritívora/iliófaga ao longo dos meses e pontos estudados, uma vez que o reservatório de Pau dos Ferros é um ambiente eutrofizado e debaixa profundidade, com alta produtividade primária e grande disponibilidade de insetos, detritose sedimentos.
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1