Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Comparison of estradiol benzoate and cypionate in Girolando cows submitted to a timed artificial insemination / Comparação do benzoato e do cipionato de estradiol em vacas Girolando submetidas à Inseminação Artificial em Tempo Fixo

Silva, Otávia Reis; Mello, Marco Roberto Bourg de; Silenciato, Lara Nogueira; Ferreira, Joaquim Esquerdo; Couto, Samuel Rodrigues Bonamichi do; Fajardo, Rosane Scatamburlo Lizieire; Resende, Osvaldo de Almeida.
Artigo em Inglês | LILACS-Express | ID: biblio-1471128

Resumo

The various studies on the manipulation of the estrous cycle culminated in the development of estrous and ovulation synchronization protocols, to the point of defining an optimum moment for artificial insemination. The induction of ovulation is a primordial part for the determination of the moment of the TAI, so to study which hormones and how they behave allows a better understanding of this physiological process and, to manipulate it efficiently. The aim of the present study was to compare the use of estradiol benzoate (EB) and cypionate (ECP) as ovulation inducer in Girolando cows submitted to Timed Artificial Insemination (TAI). Ovulations of 108 Girolando cows were synchronized and the initial day of treatment, recorded as D0, which was when the animals received an intravaginal device containing 1g of progestogen and an intramuscular application (im) of 2mg of EB. After 8 days (D8), the device was removed and 500g of cloprostenol (im) was administered to all females. Then, the animals were randomly divided into two treatments: BG Group (n = 52) and CG Group (n = 56). The CG animals received 1mg of ECP (im) as the ovulation inducer at the time of device removal, while BG Group cows received 1mg of EB (im) 24 h later (D9). TAI occurred at D10. After device removal, ultrasound
Os diversos estudos sobre manipulação do ciclo estral culminaram com o desenvolvimento de protocolos de sincronização do estro e da ovulação, a ponto de se definir um momento ótimo para a inseminação artificial. A indução da ovulação é parte primordial para a determinação do momento da IATF. Dessa forma, estudar quais hormônios e como eles se comportam permite compreender melhor esse processo fisiológico e, ainda, manipulá-lo de forma eficiente. O objetivo do presente estudo foi comparar o uso de benzoato de estradiol (BE) e cipionato (ECP) em vacas Girolando submetidas à inseminação artificial em tempo fixo (IATF). As ovulações de 108 vacas Girolando foram sincronizadas e no início do tratamento, D0, os animais receberam um dispositivo intravaginal contendo 1g de progestágeno e uma aplicação intramuscular (im) de 2mg de BE. No D8, o dispositivo foi removido e 500g de cloprostenol (im) foram administrados a todas as fêmeas. Depois disso, os animais foram divididos aleatoriamente em dois tratamentos: Grupo GB (n = 52) e Grupo GC (n = 56). Os animais do Grupo GC receberam 1mg de ECP (im) como indutor de ovulação no momento da retirada do dispositivo, enquanto as vacas do Grupo GB receberam 1mg de BE (im) 24 horas depois (D9). IATF ocorreu em D10. Após a remoção do dispositivo, as avaliações ultrassonográficas foram realizadas a cada 12 horas até a ovulação. Os parâmetros reprodu
Biblioteca responsável: BR68.1