Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Atividades hidrolíticas de amostras de conteúdo do intestino delgado de bovinos adultos, infectados ou não por Eurytrema sp, determinadas por difusão radial enzimática

Antônio Diniz Belém, Pacífico; Batista de Assis, Carlos; Lopes de Santana, Marcelo.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1475379

Resumo

Hidrolitic activities of small intestine content as determined by radial enzyme diffusion in agar gel containing calcium caseinate, corn oil, starch or skimmed milk were measured in 38 mature cattle from slaughterhouse. Each one were identified as normal or infected and then classified into two different grades according to pancreatic ducts lesions and parasite burden. The substrates calcium caseinate and corn oil did not shown cleared zones in several radial enzyme diffusion tests or it was difficult to get a correct measure of the diameters. Such problems, however, were not observed with starch and skimmed milk. In these cases, hidrolitic activities were similar in both control and Eurytrema sp infected groups, despite of the pancreatic duct lesions and parasite load (P>0.05). So, it was concluded that the radial enzyme diffusion method couldn’t shown any exocrine pancreatic disfunction in Eurytrema sp infected cattle.
Empregando-se difusão radial enzimática em ágar gel, atividades hidrolíticas de amostras de conteúdo do intestino delgado de 38 bovinos adultos de matadouro foram mensuradas em animais agrupados como possuidores de pâncreas hígidos (controle) e parasitados por Eurytrema sp, estes, segundo dois graus de infecção reconhecidos. Para tal, foram empregados quatro substratos, dos quais caseinato de cálcio e óleo de milho tiveram de ser desconsiderados porque, no caso deles, não houve formação de halos ou estes apresentaram limites imprecisos. Apesar desses problemas não terem ocorrido quando o substrato era leite em pó desnatado ou amido, as atividades hidrolíticas encontradas foram equivalentes, independentemente da condição de parasitismo e grau de infecção verificados (P>0,05). Concluiu-se, então, que a técnica de difusão radial enzimática, pelo menos com os substratos empregados, foi incapaz de acusar disfunções pancreáticas exócrinas em bovinos infectados por Eurytrema sp.
Biblioteca responsável: BR68.1