Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Infestação por larvas de Cerotoma arcuata (Olivier) (Coleoptera: Chrysomelidae) em nódulos de feijoeiro em cultivo com cobertura morta ou em consórcio com milho ou com caupi

Lucia França Teixeira, Maria; Antonio Franco, Avílio.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1477186

Resumo

The bean leaf beetle Cerotoma arcuata is a legume leaf eater and its larvae feed on roots and also nodules where nitrogen fixation occurs. The attack of larvae to nodule may result in more damage to the bean crop than the consumption of leaves by adults. This study was conducted under field conditions to test the effects of C. arcuata infestation on Phaseolus bean with or without straw mulching or intercropped with maize or cowpea. Nodulation, growth and grain production when intercropping with cowpea did not differ from the control. The insect barrier formed by the maize’s high density failed, probably due to the early infestation by C. arcuata, as well as shading by the rows of maize, thereby reducing grain yield. Consumption of nodules was higher on the Phaseolus bean with or without intercropping than on the treatment with straw mulching. The physical barrier imposed by straw mulch probably acted by reducing oviposition directly on soil and drying the eggs laid above the straw, resulting in a smaller percentage of punctured nodules and consequently increasing nodule number and dry weight, root dry weight and grain yields. Intercropping with maize and cowpea did not reduce Phaseolus bean infestation by C. arcuata but straw mulching applied before infestation reduced damage caused by larvae to the nodules, increasing N2 fixation and grain yields.
A vaquinha Cerotoma arcuata ataca folhas de leguminosas e suas larvas alimentam-se de raízes e também de nódulos, onde a fixação de nitrogênio (FBN) ocorre. O ataque das larvas aos nódulos pode causar mais danos à cultura do feijoeiro do que o consumo das folhas pelas formas adultas. Este estudo foi conduzido em condições de campo para avaliar os efeitos da infestação de C. arcuata no cultivo do feijoeiro com ou sem cobertura morta ou consorciado com caupi ou com milho. A nodulação, o crescimento e a produção de grãos de feijoeiro quando consorciado com caupi não diferiram do controle. A barreira aos insetos formada pelo milho adensado falhou, provavelmente devido à infestação precoce de C. arcuata e ao sombreamento causado pelo milho, com redução na produtividade de feijoeiro. O consumo dos nódulos pelas larvas na cultura de feijão solteiro e nos consórcios foi superior ao do tratamento com cobertura morta. A barreira física imposta pela cobertura morta agiu provavelmente através da redução da oviposição diretamente no solo e do ressecamento dos ovos sobre a palha e resultou em menor porcentagem de nódulos furados, com conseqüente aumento no número e peso de nódulos, no peso de raiz e na produção de grãos. Os consórcios com milho ou com caupi não reduziram a infestação de feijoeiro por C. arcuata, mas a aplicação da cobertura morta antes da infestação reduziu os danos causados pelas larvas aos nódulos e favoreceu a FBN e a produtividade.
Biblioteca responsável: BR68.1