Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Preferred pH of silver catfish Rhamdia quelen acclimated to different pH levels

Paula Konzen) Riffel, Ana; Jardim, Sinara); Ciprandi) Pires, Marcela; Bertagnolli, Bruna); Renata Silva) Corrêa, Bruna; Cenzi de) Ré, Francine; Maria Bao) Zambra, Francis; Lubini, Greice); Oliveira Estação Marinha de Aquacultura (EMA) Instituto de Oceanografia) Garcia, Luciano; Baldisserotto, Bernardo).
Artigo em Inglês | LILACS-Express | ID: biblio-1478982

Resumo

The aim of this study was to investigate the preferred pH in silver catfish Rhamdia quelen acclimated to different pH. Fish were acclimated for one week at pH 4.2±0.1, 5.2±0.1, 6.3±0.1, 7.2±0.1, 8.0±0.1, and 9.0±0.1 and after this period, transferred to a polyethylene tube with a pH gradient from 3.5 to 10.0. The position of the fish in the pH gradient was observed 1, 6 and 12 hours after transference. Results indicated that acclimation to different pH did not change pH preference of silver catfish (pH 7.0-7.6), occurring only a transitory variation around 6 hours after transference. This pH preference coincides with the best pH indicated in the literature for growth of this species.
O objetivo deste estudo foi verificar o pH preferencial de jundiás Rhamdia quelen aclimatados em diferentes pH. Os jundiás foram aclimatados por uma semana em pH 4,2±0,1; 5,2±0,1; 6,3±0,1; 7,2±0,1; 8,0±0,1 e 9,0±0,1 e, após esse período, transferidos para um tubo de polietileno com pH variando entre 3,5 e 10. A posição dos exemplares no gradiente de pH foi observada 1, 6 e 12 horas após a transferência. Os resultados indicam que a aclimatação em diferentes pH não altera o pH preferencial dos peixes (pH 7.0-7.6), ocorrendo apenas uma variação transitória em torno de 6 horas após a transferência. Este pH preferencial coincide com o pH indicado na literatura como o melhor para o crescimento desta espécie.
Biblioteca responsável: BR68.1