Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Physalis growth, development and yield at different sowing seasons in the Brazilian northeastern semiarid / Crescimento, desenvolvimento e produtividade de Physalis em diferentes épocas de semeadura no semiárido nordestino

Tanan, Tamara Torres; Silva, Alismário Leite da; Leite, Romeu da Silva; Arriero, Stephanie Soares; Nascimento, Marilza Neves do.
Colloq. Agrar; 17(1): 36-43, jan.-fev. 2021. graf, ilus, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1481616

Resumo

The Physalis genus is composed of species with economic and medicinal importance, its cultivation is expanding in Brazil, and is needed research on the performance of species in different regions of the country. Thus, the objective was to characterize the growth, development and yield of Physalis angulata and Physalis ixocarpa species cultivated in three sowing seasons in Bahia's semiarid region. The days after sowing were determined for the occurrence of vegetative and reproductive stages, and the length and diameter of the main branch were evaluated weekly. At the end of cultivation, the number and total weight of fruits per plant were determined. The plants sown in April showed the best results, with acceleration in flowering, higher productivity and growth close to other producing regions, which is the best period for the cultivation of species. P. angulata is a more tolerant species and can be sown at different periods without compromising yield. High temperatures combined with scarcity of rainfall compromise the development of plants of both species of Physalis.
O gênero Physalis é composto por espécies de importância econômica e medicinal e seu cultivo está em expansão no Brasil, sendo necessárias pesquisas sobre o desempenho de espécies em diferentes regiões do país. Assim, o objetivo desse trabalho é caracterizar o crescimento, desenvolvimento e produtividade das espécies de Physalis angulata e Physalis ixocarpa cultivadas em três épocas de semeadura na região semiárida da Bahia. Os números de dias após a semeadura foram determinados para a ocorrência dos estágios vegetativo e reprodutivo, e o comprimento e o diâmetro do ramo principal foram avaliados semanalmente. Ao final do cultivo, foram determinados o número e o peso total de frutos por planta. As plantas semeadas em abril apresentaram os melhores resultados, com aceleração da floração, maior produtividade e crescimento próximo a outras regiões produtoras, sendo o melhor período para o cultivo das espécies. P. angulata é uma espécie mais tolerante e pode ser semeada em diferentes períodos sem comprometer o rendimento. Altas temperaturas combinadas com a escassez de chuvas comprometem o desenvolvimento das plantas de ambas as espécies de Physalis.
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1