Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

The Brazilian semi-arid environment influences the physiological responses of goats / O ambiente semiárido brasileiro influencia as respostas fisiológicas de caprinos

Borges, Laylson da Silva; Evangelista, Amauri Felipe; Barros Junior, Cicero Pereira; Silva, Ângela Lopes da; Andrade, Tiago Vieira de.
J. Anim. Behav. Biometeorol; 4(1): 17-21, 2016.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1484187

Resumo

In this review, we compile information about the physiologic responses of goats to north-eastern Brazils semiarid environment and suggest some strategies to avoid the thermal discomfort of these small ruminants. Due to recent weather changes, the number of studies seeking to improve animal welfare has intensified to minimize the economic losses on animal production in the tropics. Among the climatic variables, the high room temperature, air humidity, and direct solar radiation are the main causes of physiological discomfort in animals that decrease their productivity. Therefore, it is very important to study the components that interact in the thermoregulation process, the consequences of disequilibrium in this process, and ways to ease these effects, aiming to provide thermal comfort to and seek the animal welfare of the animals. Therefore, it is essential to know the interaction between animals and the environment and the adaptability of the species and breeds that are exploited to make decisions about farming systems and management strategies to maximize productivity.
Nesta revisão, nós compilamos informações sobre as respostas fisiológicas de caprinos para o ambiente semiárido do nordeste do Brasil e sugerir algumas estratégias para evitar o desconforto térmico destes pequenos ruminantes. Devido a mudanças climáticas recentes, o número de estudos que procuram melhorar bem-estar animal tem intensificado para minimizar as perdas econômicas na produção animal nos trópicos. Entre as variáveis climáticas, a alta temperatura ambiente, umidade do ar e radiação solar direta são as principais causas de desconforto fisiológico em animais que diminuem sua produtividade. Assim, é muito importante estudar os componentes que interagem no processo de termorregulação, as consequências do desequilíbrio neste processo, e maneiras de aliviar estes efeitos, com o objetivo de proporcionar conforto térmico para buscar o bem-estar animal dos animais. Portanto, é essencial conhecer a interação entre os animais e o ambiente e da capacidade de adaptação das espécies e raças que são exploradas para tomar decisões sobre os sistemas e estratégias de gestão agrícola para maximizar a produtividade.
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1