Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Fertilizing seedlings Cabralea canjerana (Vell.) Mart. (Canjerana) with slow-release fertilizer / Adubação de mudas de Cabralea canjerana (Vell.) Mart. (Canjerana) com fertilizante de liberação lenta

Rossa, Überson Boaretto; Bila, Nocy; Milani, Jaçanan Eloisa Freitas; Westphalen, Danielle Janaina; Angelo, Alessandro Camargo; Nogueira, Antônio Carlos.
Rev. Ciênc. Agrovet. (Online); 13(2): 109-118, 2014. tab, graf
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1488050

Resumo

The successful production of native seedlings in forest nurseries is in essence often limited by lack of information on the nutritional demands of the species. The substrate is not always able to provide all the nutrients that plants need for their better development, making it necessary to add fertilizer. A fertilization technique is the use of slow release fertilizers that may have advantages over conventional fertilizers. This study aimed to evaluate the development of Canjarana tree seedlings under doses of slow-release fertilizer. The experimental design was completely randomized with four sets of treatment in four replicates, with 40 plants as experimental units. The treatments were: T1 - 0 kg (control), T2 - 2 kg, T3 - 4 kg, T4 - 6 kg, T5 - 8 kg and T6 - 10 kg per m³ FLL substrate base. After 220 days following parameters were evaluated: total plant height, stem diameter, fresh shoot biomass, dry shoot biomass, root dry weight and total dry biomass, and calculated the maximum level of technical effi ciency. It was observed that in doses ranging from 6.22 to 9.86 kg m-3 we found that the largest development of the seedlings.
O sucesso da produção de mudas de essência nativas nos viveiros florestais muitas vezes é limitado pela falta de informações quanto às demandas nutricionais das espécies. Nem sempre o substrato é capaz de fornecer todos os nutrientes que as plantas precisam para seu melhor desenvolvimento, fazendo-se necessário a adição de fertilizantes. Uma técnica de fertilização consiste no emprego de fertilizantes de liberação lenta que podem apresentar vantagens sobre os fertilizantes convencionais. Esse experimento objetivou avaliar o desenvolvimento de mudas de Canjerana submetido a doses de fertilizante de liberação lenta. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado com 4 doses em 4 repetições, tendo 40 plantas como unidade experimental. As doses foram: T1 0 kg (controle); T2 2 kg; T3 4 kg; T4 6 kg; T5 8 kg e T6 10 kg de FLL por m³ de substrato base. Após 220 dias foram avaliados os parâmetros: altura total da planta, diâmetro do colo, biomassa fresca da parte aérea, biomassa seca da parte aérea, biomassa seca da raiz e biomassa seca total, bem como calculado a dose de máxima eficiência técnica. Observou-se que doses entre 6,22 a 9,86 kg m-3 foram as que resultaram maior desenvolvimento das mudas.
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1