Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Controle molecular do acúmulo, tradução e degradação de mRNA em oócitos e embriões / Molecular control of accumulation, translation and degradation of mRNA in oocytes and embryos

Crocomo, L. F; Landim-Alvarenga, F. C; Bicudo, S. D.
Rev. bras. reprod. anim; 38(3): 141-146, Jul-Set. 2014.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1492115

Resumo

A competência oocitária para suportar os posteriores estágios do desenvolvimento depende não somenteda correta segregação cromossômica e de transformações citoesqueléticas, mas, principalmente, da adequadatranscrição e estoque de mRNAs cruciais ao desenvolvimento e à viabilidade celular. Com a retomada dameiose, no entanto, embora o oócito mantenha a capacidade de tradução gênica e de síntese proteica, suaatividade transcricional é interrompida, sendo restabelecida apenas com a ativação do genoma embrionário.Deste modo, todo mRNA materno mobilizado durante maturação, expansão do cumulus, fertilização eembriogênese inicial deve ser sintetizado e estocado, em sua forma traducionalmente inativa, nos oócitosmantidos no estágio diplóteno da prófase I. Complexos mecanismos regulatórios, os quais envolvem apoliadenilação e a desadenilação do mRNA, estão implicados no processo de ativação e silenciamento tantotranscricional quanto traducional. Assim, dada à relevância do tema, esta revisão se propõe a abordar osprincipais eventos moleculares envolvidos no controle da expressão, do estoque, da tradução e da degradação detranscritos maternos imprescindíveis ao desenvolvimento oocitário e embrionário.
The oocyte competence to support the later stages of development depends not only on correctchromosome segregation and cytoskeletal changes, but mainly, the proper transcription and storage of mRNAscritical to the cellular development and viability. However, with the resumption of meiosis, although the oocytekept the ability of gene translation and protein synthesis, its transcriptional activity is interrupted and restoredonly with embryonic genome activation. Thus, all maternal mRNA mobilized during maturation, cumulusexpansion, fertilization and early embryogenesis must be synthesized and stored, in its translationally inactiveform, in oocytes kept in the diplotene stage of prophase I. Complex regulatory mechanisms which involvedeadenylation and polyadenylation of mRNA are involved in this process of activation and silencing astranscriptional as translational. So, due to the importance of the topic, this review proposes to discuss the mainmolecular events involved in the control of expression, storage, translation and degradation of maternaltranscript essential to the oocyte and embryo development.
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1