Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Curvas de crescimento de cordeiros da raça Ile de France criados em confinamento

Fernanda FALCÃO, Paula; Breno PEDROSA, Victor; Patrick MOREIRA, Raphael; de Fátima SIEKLICKI, Michelli; Gomes ROCHA, Caroline; Cordeiro SANTOS, Izaltino; Maia FERREIRA, Evandro; de Souza MARTINS, Adriana.
Rev. bras. saúde prod. anim; 16(2)abr.-jun. 2015.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1493458

Resumo

The objective of this study was to evaluate the nonlinear models that best describe the growth curve of ram lambs Ile de France created in intensive system in the state of Paraná. Therefore, there were weighed fortnightly during the period from February 2013 to June 2013, from birth to slaughter (120 days) of 31 Ile de France ram lambs. Growth curves were obtained by nonlinear models Brody, Von Bertalanffy, Gompertz and Logistic in which parameters were considered maturation rate (K), asymptotic weight (A), age of the animal (t) is given by integration determining the proportion of growth after birth (B) and the proportion of asymptotic value at which the inflection point occurs curve (m) in accordance with the adopted model. The parameters were estimated by Marquardt applied to the NLIN procedure of SAS statistical program and the criteria used to verify the accuracy of the fit of the curves were the mean square of the coefficient of determination. The Brody, Von Bertalanffy, Gompertz and Logistic resulted respectively in 26.4579; 26.1668; 26.136; 26.1582 for the mean square and 0.813; 0.958; 0.958; 0.958 for the coefficient of determination. Considering the criteria assumed the Gompertz model, followed by Logistic and Von Bertalanffy, presented the best fit to describe the growth of Ile de France ram lambs.
O objetivo com este trabalho foi avaliar os modelos não lineares que melhor descrevem a curva de crescimento de ovinos machos da raça Ile de France criados em confinamento no estado do Paraná. Para tanto, foram realizadas pesagens quinzenais no período de fevereiro de 2013 a junho de 2013, desde o nascimento até o abate (120 dias) de 31 machos da raça Ile de France. As curvas de crescimento foram obtidas pelos modelos não lineares de Brody, Von Bertalanffy, Gompertz e Logístico em que foram considerados os parâmetros da taxa de maturação (K), peso assintótico (A), idade do animal (t), constante de integração que determina a proporção de crescimento após nascimento (B) e proporção do valor assintótico em que ocorre o ponto de inflexão da curva (m), de acordo com o modelo adotado. Os parâmetros foram estimados pelo método Marquardt aplicado ao procedimento NLIN do programa estatístico SAS e os critérios utilizados para verificar a precisão do ajuste das curvas foram o quadrado médio do resíduo e o coeficiente de determinação. Os modelos Brody, Von Bertalanffy, Gompertz e Logístico resultaram respectivamente em 26,4579; 26,1668; 26,1360 e 26,1582 para o quadrado médio do resíduo e 0,8130; 0,9580; 0,9587 e 0,9580 para o coeficiente de determinação. Considerando os critérios adotados, o modelo Gompertz, seguidopor Logístico e Von Bertalanffy, apresentaram o melhor ajuste para descrever o crescimento dos machos da raça Ile de France.
Biblioteca responsável: BR68.1