Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Interação entre gatos domésticos (Felis silvestris catus Linnaeus, 1758) cativos e seres humanos / Interaction between domestic cats (Felis silvestris catus Linnaeus, 1758) captives and humans

Machado, Daiana Souza; Maciel, Tatiane Tagliatti; Machado, Juliana Clemente; Prezoto, Helba Helena Santos.
Revista Brasileira de Zoociências (Online); 18(1): 67-72, jan. 2017. ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: biblio-1494656

Resumo

Estudos envolvendo o gato doméstico têm sido desenvolvidos, no entanto, ainda são poucos os que avaliam padrões comportamentais e relações interespecíficas. Problemas de comportamento causam transtornos na relação do gato e seu tutor, podendo levar ao abandono do animal, sendo de grande importância a compreensão do comportamento do mesmo para que se possa promover o seu bem estar. Assim, o presente estudo visou investigar o comportamento afiliativo de gatos domésticos cativos frente a presença humana. Foram estudados 16 animais, 06 machos e 10 fêmeas, abrigados no gatil da Sociedade Juizforense de Proteção Animal. Foi possível dividir os indivíduos em três grupos: (I) animais que se aproximam (37,5%, n=9), (II) animais que não se afastam (56,25%, n=6) e (III) animais que se afastam (6,25%, n=1). Ainda que poucas divergências comportamentais tenham sido notadas, elas podem estar relacionadas a características hereditárias e ao histórico de vida, visto que são animais abandonados e/ou resgatados das ruas, alguns com histórico de maus tratos. Foi possível observar animais pouco estimulados, sendo a chegada de visitantes e a presença do investigador, os únicos estímulos oferecidos.
Studies involving the domestic cat have been developed, However, there are few that evaluate behavioral patterns and interspecific relationships. Behavior problems cause disorders in the cat’s relationship and his guardian can lead to animal abandonment, it is of great importance to the understanding of its behavior so that they can promote their welfare. The present study aimed to investigate the affiliative behavior of domestic cats captives front of human presence. 16 animals were studied, 06 males and 10 females, housed in the cattery at Sociedade Juizforense de Proteção ao Animal e ao Meio Ambiente. It was possible to divide the subjects into three groups: (I) approaching animals (37.5%, n = 9), (II) animals that do not depart (56.25%, n = 6) and (III) animals that deviate (6.25%, n = 1). Although few behavioral differences were noted, they may be related to hereditary characteristics and the life history, as are animals abandoned and / or rescued from the streets, some with a history of abuse. We observed little stimulation to the animals, with the arrival of visitors and the presence of the investigator, the only stimuli offered to them.
Biblioteca responsável: BR68.1