Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Chemical properties changes of a typical clayey oxisol submitted to different treatments of organic residues / Alterações das propriedades químicas de um latossolo vermelho distroférrico submetido a tratamentos com resíduos orgânicos

Rodrigues Brito, Osmar; Rodolfo S. Vendrame, Pedro; Mizubuti Brito, Rafael.
Semina ciênc. agrar; 26(1): 33-40, 2005.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1498298

Resumo

The use of organic fertilizers in Brazilian agriculture has been increased recently. With the objective of evaluating the alterations in chemical properties of a typical clayey, oxisol, in Londrina, Londrina PR, Brazil, an experiment was conducted with the application of different organic residues. The following treatments were tested: bovine manure (8 T ha-1), hen manure (3 T ha-1), broiler litter (6 T ha-1), sheep manure (6 T ha-1) and silage residue (8 T ha-1). The experimental design was in randomized blocks with 6 treatments and 3 replications. Each residue was applied twice, in the beginning and 12 months after the experiment installation. Soil samplings were taken at 3, 6, 9, 12, 18, and 24 months after the application of the residues. Each sample was evaluated chemically for the following variables: pH in CaCl2, H + Al, Ca, Mg, K, P, organic matter, CEC and saturation for bases (V). In general way, the organic residues application resulted in alterations in the chemical properties of the soil. The best treatment tested was the sheep manure that promoted a larger increase of exchangeable calcium, organic matter and CEC of the studied soil. The hen manure increased the levels of soil phosphorus.
Nos últimos anos, tem crescido gradualmente o emprego de adubos orgânicos na agricultura brasileira. Com o objetivo de avaliar as alterações nas propriedades químicas de um Latossolo Vermelho distroférrico, em função da aplicação de diferentes resíduos orgânicos, foi instalado um experimento na Fazenda Escola da Universidade Estadual de Londrina, Londrina-PR. Foram testados os seguintes tratamentos: esterco de bovino (8 T ha-1), esterco de poedeira (3 T ha-1), cama de frango (6 T ha-1), esterco de ovino (6 T ha-1) e resíduo de silagem de sorgo (8 T ha-1). O delineamento experimental utilizado foi em blocos casualizados, com 6 tratamentos e 3 repetições. Cada resíduo foi aplicado duas vezes, no início e aos doze meses após a instalação do experimento. Amostragens de solo foram realizadas aos 3, 6, 9, 12, 18 e 24 meses após a primeira aplicação dos resíduos. As amostras foram avaliadas quimicamente para as seguintes variáveis: pH em CaCl2 , H + Al, Ca, Mg, K, P, matéria orgânica, CTC e saturação por bases (V). Os dados obtidos foram submetidos à análise de variância e as médias foram comparadas pelo teste Tukey a 1 e 5%. A aplicação dos resíduos orgânicos resultou em alterações das propriedades químicas e na fertilidade do solo. Para as doses testadas, destacouse o tratamento esterco de ovino, que promoveu os maiores aumentos para cálcio trocável, matéria orgânica e CTC do solo.
Biblioteca responsável: BR68.1