Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Productivity and nutritional value of elephant grass BRS Canará forage / Produtividade e valor nutricional da forragem de capim-elefante BRS Canará

Ferreira, Eduardo André; Abreu, Joadil Gonçalves de; Martinez, Junio Cesar; Amorim, Ricardo Santos Silva; Behling Neto, Arthur; Cabral, Carlos Eduardo Avelino; Braz, Thiago Gomes dos Santos; Silva Júnior, Carlos Alberto; Ferreira, Daniel Paulo.
Semina ciênc. agrar; 40(6): 2705-2718, Nov.-Dec. 2019. graf, tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: biblio-1501534

Resumo

The goal was to determine the ideal cutting age of elephant grass BRS Canará for forage production in the dry and rainy seasons. The experimental design comprised randomized blocks, with five treatments (42, 56, 70, 84, and 98 days in the dry season and 42, 60, 76, 91, and 105 days of regrowth in the rainy season) and four replications each. Agronomic, morphological, and chemical characteristics were evaluated. In the dry season, there was a significant quadratic response for plant height and leaf blade length. For the other characteristics, a significant linear response was observed, except stem diameter. In the rainy season, a quadratic response for the leaf blade length, leaf blade width, and leaf:stem ratio was observed. For the other characteristics, there was a significant linear effect, except for the percentage of dead material. In the dry season, a verified linear response was observed for the chemical characteristics, except neutral detergent insoluble protein. In the rainy season, a linear response was verified for all evaluated characteristics, except acid detergent insoluble protein. Elephant grass BRS Canará for forage production should be cut between 70 and 85 days in the dry season and between 60 and 70 days of regrowth in the rainy season.
Objetivou-se determinar a idade de corte ideal do capim-elefante BRS Canará para produção de forragem no período da seca e das águas. O delineamento experimental foi em blocos casualizados, com cinco tratamentos (42, 56, 70, 84 e 98 dias no período da seca e 42, 60, 76, 91 e 105 dias no período das águas) e quatro repetições cada. Foram avaliadas características agronômicas, morfológicas e químicas. No período da seca verificou-se resposta quadrática significativa para altura de planta e comprimento de lâmina foliar. Para as demais características constatou-se resposta linear significativa, com exceção de diâmetro de colmo. No período das águas verificou-se resposta quadrática para comprimento de lâmina foliar, largura de lâmina foliar e relação folha: colmo. Para as demais características verificaram-se efeito linear significativo, com exceção de porcentagem de material senescente. Na seca verificou-se resposta linear das características químicas, exceto para proteína insolúvel em detergente neutro (% MS). No período das águas, verificou-se resposta linear para todas as características avaliadas, exceto para proteína insolúvel em detergente ácido (% PB). O capim-elefante BRS Canará para produção de forragem deve ser cortado entre 70 e 85 dias no período da seca e entre 60 e 70 dias no período das águas.
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1