Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Uterine lymphangiography: comparison of two methods for locating the medial iliac lymph node / Linfangiografia uterina: comparação de dois métodos para localização do linfonodo ilíaco medial

Justino, Rebeca C; Cardoso, Guilherme S; Trautwein, Luiz G. C; Dessunti, Gabriel T; Oliveira, Deise V; Bernardes, Rafael; Martins, Maria Isabel M.
Pesqui. vet. bras; 34(11): 1121-1126, nov. 2014. ilus
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-736039

Resumo

Different methods for lymphatic mapping in dogs, such as infusing tissues with vital dyes or radioactive substances, have been studied, aiming at the early detection of lymph node metastasis. Thus, one could anticipate therapeutic measures and, consequently, prolong the survival and improve the quality of life of the patients. The objectives of this experiment were to locate the nodes responsible for draining the uterine body and horns and to try to establish the relationship between the uterus and the medial iliac lymph nodes to contribute to the early diagnosis and prognosis of uterine disorders. We studied 15 female dogs divided into two groups (5 dead and 10 intraoperative ovariohysterectomy bitches). The dye used was patent blue V (Patent Bleu V®). It was observed that the iliac lymph node chain receives much of the uterine (horns) drainage. This method should be considered for safer studies of uterine sanity. This information suggests that evaluating these lymph nodes will allow correlating changes in their physiological status with uterine pathologies.(AU)
A utilização de diferentes métodos para o mapeamento linfático em cães, como a infusão de substâncias radioativas e corantes vitais em tecidos, tem sido estudada, tendo como objetivo a detecção precoce de metástases em linfonodos. Com isso pode-se antecipar medidas terapêuticas e, consequentemente, prolongar sobrevida e melhorar qualidade de vida dos pacientes. Os objetivos deste experimento foram localizar os linfonodos responsáveis pela drenagem dos cornos e corpo uterino da cadela e tentar estabelecer relação entre útero e linfonodos ilíacos mediais com a finalidade de contribuir para o diagnóstico precoce e prognóstico das afecções uterinas. Foram estudadas 15 cadelas divididas em 2 grupos (5 cadáveres e 10 cadelas no transoperatório de ovariohisterectomia). O corante utilizado foi o azul patente V (Bleu Patente®). Pôde-se observar que a cadeia de linfonodos ilíacos recebe grande parte da drenagem uterina (cornos) e pode ser considerada em estudos para a sanidade deste órgão. Essa informação permite inferir que a avaliação desses linfonodos possibilita a correlação da alteração em seu padrão fisiológico com patologias uterinas.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1