Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Aspectos hematológicos de catetos (Tayassu tajacu) mantidos em cativeiro / Hematologic aspects of collared peccary (Tayassu tajacu) in captivity

Almeida, Aline M. B; Nogueira-Filho, Sergio L. G; Nogueira, Selene S. C; Munhoz, Alexandre D.
Pesqui. vet. bras; 31(2): 173-177, fev. 2011. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-1022

Resumo

Este estudo teve por objetivo determinar os valores hematológicos de Tayassu tajacu (catetos) mantidos em cativeiro. Foram utilizados 26 catetos, sendo 21 adultos (13 machos e 8 fêmeas) e 5 filhotes (três machos e duas fêmeas), mantidos na Fazenda Experimental do Almada e no Laboratório de Etologia Aplicada, pertencente à Universidade Estadual de Santa Cruz, Ilheus, BA. Amostras de sangue foram colhidas, da veia cefálica, para realização dos hemogramas. A análise estatística foi obtida por meio do teste "t" de Student, com nível de significância de 95 por cento. Na comparação entre os animais instalados em baias e piquetes não foi observada diferença significativa, no entanto observou-se um maior valor da proteína plasmática total nos machos (p<0,05). Ao se comparar animais adultos com jovens, observou-se diferença no valor do volume globular (p<0,05) e uma relação neutrófilo segmentado/linfócito inversa, com predomínio dos neutrófilos segmentados sobre os linfócitos nos animais jovens. Em relação à mensuração das células observou-se semelhança ao descrito para vacas, gato e cavalos. Estes resultados poderão subsidiar novos estudos, assim como futuras interpretações em animais hígidos ou doentes, com atenção às condições de manejo, clima e principalmente forma de contenção e tipo de população em que os estudos são realizados.(AU)
The aim of the study was to determine the blood values for the Tayassu tajacu (collared peccary) in captivity. Twenty-six collared peccary, being twenty-one adults (13 males and 8 females) and five young (3 males and 2 females) were maintained at the Experimental Farm of Almada and the Laboratory of Applied Ethology, belonging to the University Estadual of the Santa Cruz, Ilheus, Bahia, Brazil. Blood samples were collected from the cephalic vein to perform the complete blood count. Statistical analysis was performed using the Student's t-test, with a significance level of 95 percent. There was no significant difference from animals maintained in stalls or pickets, however there was a higher value of total plasma protein in males (p<0,05). When comparing adult animals with young animals, we observed differences in the packed cell volume (p<0,05) and a reverse relationship between mature neutrophils/lymphocytes, with a predominance of mature neutrophils (46,8 percent) on lymphocytes (45 percent) for young animals. Regarding the measurement of the cells was observed similarity to that described for cows, cats and horses. These results could support new studies, as well as future interpretations in healthy or sick animals, with attention how to handle the management of animals, weather and especially the form of restraint and type of population in what these studies are conducted.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1