Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Pools and rapids as spawning and nursery areas for fish in a river stretch without floodplains

Ávila-Simas, Sunshine de; Reynalte-Tataje, David Augusto; Zaniboni-Filho, Evoy.
Neotrop. ichthyol; 12(3): 611-622, 16/09/2014. tab, graf
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-11134

Resumo

This study aimed to evaluate the importance of two environments situated in the main channel of the Peixe River (a tributary of the upper Uruguay River) on fish reproduction and initial growth. Ichthyoplankton, macrozooplankton, and zoobenthos collections were taken on a monthly basis from October 2011 to March 2012, sampling a rapids and a pool environment. The instrument used for the capture of the ichthyoplankton in both environments was a light trap. In total, 795 eggs and 274 larvae were captured. The species that presented higher abundance and occurrence frequency out of the total captured in both environments were Leporinus obtusidens, Bryconamericus iheringii, and Bryconamericus stramineus. The evaluation of the feeding activity reveals a major repletion degree of the larvae in more advanced stages in the pool. The pool environment presented a higher abundance of larvae in more advanced development stages. We conclude that the channel of the Peixe River is important for the reproduction and initial growth of fish and that each river environment seems to fulfill a different role in the life cycle of the ichthyoplankton community.(AU)
Este trabalho avaliou a importância de dois ambientes situados no canal principal do rio do Peixe (afluente do alto rio Uruguai) na reprodução e crescimento inicial dos peixes. As coletas de ictioplâncton, macrozooplâncton e zoobentos foram realizadas mensalmente no período de outubro de 2011 a março de 2012, amostrando um ambiente de corredeira e um ambiente de poço. O instrumento utilizado para a captura do ictioplâncton nos dois ambientes foi a armadilha luminosa. No total, foram capturados 795 ovos e 274 larvas. As espécies que apresentaram maior abundância e frequência de ocorrência do total capturado nos dois ambientes foram Leporinus obtusidens, Bryconamericus iheringii e Bryconamericus stramineus. A avaliação da atividade alimentar revela um maior grau de repleção das larvas em estágios mais avançados no ambiente de poço. O ambiente de poço apresentou uma maior abundância de larvas nos estágios mais avançados de desenvolvimento. Conclui-se que o canal do rio do Peixe é importante para a reprodução e crescimento inicial de peixes e que cada ambiente do rio parece cumprir um papel diferente no ciclo de vida da comunidade ictioplanctônica.(AU)
Biblioteca responsável: BR1.1
Localização: BR68.1