Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Pseudomicetoma dermatofítico / Dermatophytic pseudomycetoma

Farias, Marconi Rodrigues de; Castro, Adriana Roriz Silva de.
MEDVEP Derm.; 2(4): 208-215, jul.- set. 2012. ilus
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-11273

Resumo

O pseudomicetoma dermatofítico tem sido relatado nos gatos, cães, eqüinos, assim como no homem. Écaracterizado por nódulos cutâneos ou subcutâneos resultante de uma foliculite e furunculose granulomatosacausada por um dermatófito. Na ampla maioria dos casos, o agente isolado é Microsporum canis. Os dermatófitos invadem as camadas mais profundas da derme ou hipoderme, onde ocorre a formação de abcessos que pode se tornar uma inflamação granulomatosa. Essa invasão se dá através de folículosinfectados, por ruptura da parede folicular. Pode-se observar perifoliculite e, ocasionalmente foliculite,furunculose, dermatite perivascular com hiperqueratose ortoqueratosa e paraqueratosa da epiderme efolículos pilosos. São mais comuns em gatos de pêlo longo especialmente da raça persa. Neste trabalhoserá relatado o caso de Pseudomicetoma dermatofítico felino, em uma gata persa, 13 anos de idade, atendida no Hospital Veterinário Clinivet. As lesões caracterizavam-se por nódulos, lesões multi-fisturisadas,tumores irregulares em região medial de membro pélvico e torácico, característica dermo-subcutânea,associado a exsudato sanguino- purulento e grumos. Presença de grãos de aspecto branco amarelado.Histologicamente, as lesões eram características de Dermatite piogranulomatosa severa por múltiplosagregados irregulares de hifas pleomórficas (pseudomicetoma dermatofítico). (AU)
Dermatophytic pseudomycetoma has been reported in cats, dogs, horses, and humans. It is characterizedby cutaneous or subcutaneous nodules resulting from a folliculitis and furunculosis granulomatouscaused by a dermatophyte. In the vast majority of cases, the agent isolated is Microsporum canis. Dermatophytes invade the deeper layers of the dermis or hypodermis, where there is the formation of abscesses that can become a granulomatous inflammation. This invasion occurs through infectedfollicles by follicular wall rupture. It can be observed perifoliculitis and occasionally folliculitis, furunculosis,perivascular dermatitis with hyperkeratosis and ortoqueratosa paraqueratosa the epidermisand hair follicles. They are more common in long-haired cats especially the Persian breed. This paperwill report the case of feline dermatophytic pseudomycetoma in a Persian cat, 13 years old, at the Veterinary Hospital Clinivet. The lesions were characterized by nodules, multiples cracks, irregular tumorsin the medial region of the pelvic limb and thoracic, dermal-subcutaneous characteristic associatedwith purulent and sanguinary exudate and lumps. Presence grain appearance yellowish white. Histologically,the lesions were characteristic of severe dermatitis pyogranulomatous for multiple irregular aggregates of pleomorphic hyphae (dermatophytic pseudomycetoma). (AU)
Biblioteca responsável: BR481.1
Localização: 481.1