Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Crescimento, desenvolvimento, produtividade e perda pós-colheita da cebola em função de podas na fase de produção de mudas / Growth, development, productivity and post-harvest losses of onion due to pruning during the production of seedlings

Menezes Júnior, Francisco Olmar Gervini de; Vieira Neto, João; Kurtz, Claudinei.
R. Ci. agrovet.; 12(2): 141-148, mar. 2013.
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-11738

Resumo

A realização de uma ou mais podas no canteiro, com vistas ao condicionamento das mudas de cebola e seu transplante no momento mais oportuno, é uma prática comumente utilizada pelos cebolicultores catarinenses da região do Alto Vale do Itajaí. Atualmente, não existem estudos específicos em relação ao comportamento das plantas quando da prática da poda. O ensaio teve por objetivo o estudo da influência de podas aéreas de plantas de cebola na fase de canteiro em relação à formação de mudas, crescimento e desenvolvimento pós-transplante, produtividade e armazenamento de bulbos. Os tratamentos aplicados foram: ausência de poda (testemunha Sem Poda), uma poda - efetuada aos 55 dias após a semeadura (DAS), duas podas efetuadas aos 55 e 62 DAS, três podas efetuadas aos 55, 62 e 69 DAS. Foi utilizado o delineamento experimental de blocos ao acaso, com quatro repetições. Na fase de mudas as parcelas experimentais foram formadas por canteiros com 6,0 m2 (1 x 6 m) e área útil de 4,64 m2. Na fase de pós-transplante, adotou-se o esquema fatorial 4 x 7 e 4 x 4, relativo aos fatores manejo de poda das mudas e datas de observação. Avaliaram-se o número de folhas, as fitomassas seca e fresca de mudas e plantas após o transplante, bem como produtividade e perdas após quatro meses de armazenamento dos bulbos. Os resultados obtidos indicam a viabilidade do uso de podas na fase de mudas com vistas ao seu condicionamento e transplante no momento mais adequado sem redução na produtividade e condicionamento de mudas, manejo de podas no canteiro, armazenamento.(AU)
The performance of one or more pruning in the bed (seedlings stage) with view to the conditioning of the onion seedlings and transplanting at the most opportune time is a practice commonly used by the Santa Catarina onion producers in the Alto Vale do Itajaí region. There are no specific studies on the behavior of plants on the practice of pruning. In this sense, this paper aimed to study the influence of aerial pruning of onion seedlings in the bed in relation to the growth and development of the seedlings, plants after their transplant, productivity and storage of bulbs. The treatments were: no pruning (Control), a pruning - done at 55 days after (DAS), two pruning - made 55 and 62 DAS, three pruning - performed at 55, 62 and 69 DAS. We used the experimental design of randomized blocks with four replications. In the initial growth period the experimental plots were formed by beds with 6.0 m2 (1 x 6 m) and floor area of 4.64 m2. In post-transplant phase, we adopted a factorial scheme 4 x 7 and 4 x 4, factors relating to management of pruning of the seedlings and observation dates. We evaluated the number of leaves, dry and fresh biomass of seedlings and plants after transplantation, as well as productivity losses after four months storage of the bulbs. The results indicate the feasibility of pruning the seedling stage with a view to their conditioning and transplant seedlings in the most appropriate time with no reduction in productivity and no increase in post-harvest losses.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1