Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Mummified papyraceous fetuses in the abdominal cavity of an elderly female dog with pyometra / Fetos papiráceos em cavidade abdominal de fêmea canina idosa acometida por piometra

Voorwald, F. A; Tiosso, C. F; Cardilli, D. J; Toniollo, G. H.
Arq. bras. med. vet. zootec; 64(2): 311-317, 2012. ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-1278

Resumo

This paper reports on a rare case of fetal papyraceous mummification after asymptomatic uterine rupture in an elderly female dog with pyometra. The patient had a history of mating six months before the examination but no apparent signs of gestation or parturition. Exploratory laparotomy was used to identify a rupture of the left uterine horn and the presence of cystic endometrial hyperplasia and pyometra. Two mummified papyraceous fetuses were observed in the abdominal cavity and had adhered to the spleen, pancreas, intestine and omentum. Ovariehysterectomy and corrective surgery were performed. The patient had remained healthy after uterine rupture until a new estrous cycle and the development of pyometra. Bitches that are 10 years old or more are predisposed to implantation failure, pregnancy or parturition problems and they should not be breed to avoid complications.(AU)
Relatou-se um caso raro de mumificação fetal papirácea após ruptura uterina assintomática em uma cadela idosa, acometida por piometra. A paciente apresentava histórico de cópula seis meses antes do exame clínico, sem sinais de gestação ou parturição. Na laparotomia exploratória identificaram-se ruptura do corno uterino esquerdo e presença de hiperplasia endometrial cística e piometra. Foram identificados dois fetos mumificados papiráceos na cavidade abdominal, aderidos ao baço, pâncreas, alças intestinais e omento. Realizou-se ovarioisterectomia e cirurgia corretiva. A paciente manteve-se compensada após ruptura uterina, até início de um novo ciclo estral e desenvolvimento de piometra. Cadelas idosas são predispostas à falha na implantação embrionária, problemas durante gestação e parturição, e devem ser excluídas da reprodução para evitar complicações.(AU)
Biblioteca responsável: BR1.1
Localização: BR68.1