Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Desempenho e características de carcaça de cordeiros Santa Inês e suas cruzas com Dorper terminados em confinamento / Performance and carcass traits of Santa Ines pure lambs and crosses with Dorper finished in feedlot

Cartaxo, Felipe Queiroga; Sousa, Wandrick Hauss de; Cezar, Marcílio Fontes; Cunha, Maria das Graças Gomes; Menezes, Lenice Mendonça de; Ramos, João Paulo de Farias; Gomes, Josimar Torres; Viana, Jefferson Alves.
R. bras. Saúde Prod. Anim.; 18(2): 388-401, abr.-jun. 2017. tab
Artigo em Português | VETINDEX | ID: vti-15573

Resumo

Objetivou-se avaliar o desempenho e características de cordeiros Santa Inês e suas cruzas desmamados aos 75 dias de vida e terminados em confinamento. Foram utilizados 30 cordeiros não castrados, 10 Santa Inês, 10 ½Dorper × ½Santa Inês e 10 ¾Dorper × »Santa Inês, com idade e peso vivo médio no início do experimento de 82 dias e 19,40 kg, respectivamente. Foi utilizada dieta única contendo 169,0 g/kg de proteína bruta e 2,80 Mcal/kg MS. Não houve efeito do genótipo sobre o desempenho dos cordeiros, exceto para escore corporal final, em que os mestiços Dorper alcançaram os maiores escores. As carcaças dos cordeiros ½Dorper × ½Santa Inês e ¾Dorper × »Santa Inês apresentaram maior largura da garupa, área de olho de lombo e percentual de lombo do que as carcaças dos cordeiros Santa Inês. As carcaças dos cordeiros ¾Dorper × »Santa Inês alcançaram maior largura do tórax e do anterior quando comparadas com as carcaças dos cordeiros Santa Inês, tendo obtido também melhor conformação e acabamento de carcaça quando comparadas com as carcaças dos demais genótipos. Entretanto, as carcaças dos cordeiros Santa Inês e ½Dorper × ½Santa Inês apresentaram maior percentual de pescoço em relação às carcaças dos cordeiros ¾Dorper × »Santa Inês.(AU)
This study evaluated the performance and carcass traits of Santa Ines sheep and crosses weaned at 75 days old and finished in feedlot. Thirty uncastrated sheep, 10 Santa Ines, 10 ½Dorper × ½Santa Ines, and 10 ¾Dorper × »Santa Ines were used. The sheep were 82 days old average and 19.40 kg average initial weight. The diet used contained 169.0 g/kg crude protein and 2.80 Mcal/kg DM. No effect of genotype was observed on the performance of lambs, except for the higher final body condition scores achieved by the Dorper crossbreds. The carcasses of the ½Dorper × ½Santa Ines and ¾Dorper × »Santa Ines crossbreds lambs had greater rump and loin eye area and higher loin percentage compared to Santa Ines. Carcasses of ¾Dorper × »Santa Ines crossbreds lambs had greater chest and anterior width compared to Santa Ines and better carcass conformation and finish compared to other genotypes. Furthermore, the carcasses of Santa Ines and ½Dorper × ½Santa Ines lambs had higher neck percentage compared to carcasses of ¾Dorper × »Santa Ines.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1