Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Carcass and non-carcass components of feedlot ewes subjected to increasing levels of concentrate in the diet / Componentes carcaça e não-carcaça de borregas confinadas submetidas a níveis crescentes de concentrado na dieta

Morais, Maria da Graça; Silva, Rafaele Alcântara da; Comparin, Marco Aurélio Scarton; Feijó, Gelson Luís Dias; Ribeiro, Caroline Bertholini; Walker, Catherine Cecilia; Bento, Anderson Luiz de Lucca; Ítavo, Camila Celeste Brandão Ferreira.
R. bras. Saúde Prod. Anim.; 15(4): 1038-1051, out.-dez. 2014.
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-16633

Resumo

The objective of this study was to evaluate the effect of increasing levels of concentrate on the production of carcass and non-carcass components of feedlot ewes. Twenty-four crossbred ewes were randomly distributed in four treatments: diet with 20%; 40%; 60%; and 80% concentrate. Animals were slaughtered when those receiving the diet with 80% concentrate reached adult live weight (50 kg LW). The data were analyzed by variance and regression analyses. The weights of the shoulder and leg rise linearly with the increase in the levels of concentrate, but shoulder yield was not affected, with an average of 16%, and the leg yield reduced linearly (28 g for each 1% concentrate added). The percentage value of the viscera reduced linearly, as well as those of head and paws. The non-carcass components represented values of 34.64; 38.60; 38.55; and 39.88% of the LW for the levels of 20, 40, 60 and 80% of concentrate, respectively. The weight of the cuts is affected positively by the increase in the levels of concentrate. The increase in the levels of concentrate promotes lower percentage of viscera and increase in the deposition of back fat of the commercial meat cuts.(AU)
Objetivou-se avaliar o efeito de níveis crescentes de concentrado sobre a produção dos componentes carcaça e não-carcaça de borregas confinadas. Vinte e quatro borregas mestiças foram aleatoriamente distribuídas em quatro tratamentos: dieta com 20%; 40%; 60%; 80% de concentrado. Os animais foram abatidos quando aqueles que recebiam a dieta 80% de concentrado atingiram o peso adulto (50 kg PV). Os dados foram analisados por meio de análise de variância e regressão. Os pesos da paleta e da perna cresceram linearmente com o aumento dos níveis de concentrado, porém, o rendimento da paleta não foi influenciado com média de 16%, e o rendimento da perna reduziu linearmente (28g para cada 1% de concentrado adicionado). O valor percentual das vísceras reduziu linearmente, assim como da cabeça e patas. Os componentes não-carcaça representaram valores de 34,64; 38,60; 38,55 e 39,88% do PV para os níveis de 20, 40, 60 e 80% de concentrado, respectivamente. Conclui-se que os pesos dos cortes são influenciados positivamente pelo aumento dos níveis de concentrado. O aumento dos níveis de concentrado proporciona menor percentual de vísceras e aumento na deposição de gordura subcutânea dos cortes cárneos comerciais.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1