Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Cardiac parameters during the estrous cycle of canine bitches / Parâmetros cardíacos durante o ciclo estral de cadelas

Souza, Rute C. A. de; Peres, Regiane; Sousa, Marlos G; Camacho, Aparecido A.
Pesqui. vet. bras; 37(3): 295-299, mar. 2017. tab
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-16796

Resumo

The cardiovascular parameters of canine bitches were assessed during the estrous cycle. A total of eleven mongrel female dogs were enrolled in a longitudinal prospective investigation. Six animals were bred during the study and were assigned into group I, in which evaluations were performed during proestrus, estrus, gestational diestrus and anestrus. The five remaining bitches were not bred and underwent evaluations during proestrus, estrus, nongestational diestrus and anestrus. The holter data showed a gradual increase in the minimum and mean heart rate along pregnancy, as well as a reduction during anestrus, which differed significantly among the distinct periods. The values for maximal heart rate documented during pregnancy were significantly lower than those recorded during anestrus, and a variation in the heart rate circadian rhythm was also found, as demonstrated by decreases at night and rises during the day. Cardiac rhythm had a similar performance in both pregnancy and anestrus. Likewise, the blood pressure, electrocardiography, and echocardiography data did not vary during the estrous cycle. The results support the role played by the autonomic nervous system during these two distinct periods in order to attain a heart rate that provides the blood needed by the female's body during the various stages of the reproductive cycle. Further studies are needed to better clarify the cardiovascular compensatory neuroendocrine events that accompany gestation in this species.(AU)
Os parâmetros cardiovasculares de fêmeas caninas foram avaliados durante o ciclo estral. Um total de onze cadelas sem raça definida foram incluídas nesta pesquisa prospectiva longitudinal. Seis animais foram colocados em reprodução durante o estudo e avaliados durante o proestro, estro, diestro gestacional e anestro. As cinco cadelas restantes não se reproduziram e foram avaliadas durante o proestro, estro, diestro não gestacional e anestro. Os dados derivados do holter indicaram aumento gradativo nas frequências cardíacas mínima e média durante a gestação, bem como redução durante o anestro, diferindo significativamente entre os distintos períodos. Os valores da frequência cardíaca máxima documentados durante a gestação foram significativamente inferiores àqueles registrados durante o anestro. Também foi identificada variação no ritmo circadiano da frequência cardíaca, conforme demonstrado por sua redução à noite e elevação durante o dia. No entanto, o ritmo cardíaco se comportou de modo semelhante tanto na gestação quanto no anestro. Da mesma forma, os dados de pressão sanguínea, eletrocardiografia e ecocardiografia não variaram durante o ciclo estral. Os resultados atestam o papel desempenhado pelo sistema nervoso autônomo ao longo desses dois períodos distintos, visando manter uma frequência cardíaca que garanta o suprimento sanguíneo necessário pelo organismo da fêmea durante os vários estágios do ciclo reprodutivo. Estudos adicionais são necessários para esclarecer mais detalhadamente os eventos neuroendócrinos e cardiovasculares compensatórios que acompanham a gestão nessa espécie.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1