Your browser doesn't support javascript.

Portal de Pesquisa da BVS Veterinária

Informação e Conhecimento para a Saúde

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Exportar:

Email
Adicionar mais destinatários

Enviar resultado
| |

Papillary Adenocarcinoma of the descending colon in a dog: case report / Adenocarcinoma papilífero em cólon descendente de cão: relato de caso

Ferreira, M. G. P. A; Ribeiro, J. O; Pascoli, A. L; Reis-Filho, N. P; Beluque, T; Santos, M. Q. P; Theodoro, S. S; Feliciano, M. A. R; Nardi, A. B; Tinucci-Costa, M; Moraes, P. C; Canola, J. C; Carciofi, A. C.
Arq. bras. med. vet. zootec; 69(4): 830-834, jul.-ago. 2017. ilus
Artigo em Inglês | VETINDEX | ID: vti-17995

Resumo

The aim of this report was to describe the clinical findings and therapeutic management of a case of papillary adenocarcinoma of the descending colon in a Beagle. The patient presented soft stools, haematochezia, tenesmus, and dyschezia. Clinical examination revealed alterations on the ultrasonographic features of the descending colon suggestive of colitis and neoplasia. Following local mass resection, histopathology analysis revealed mild lymphoplasmocytic enteritis and papillary adenocarcinoma of the colon. Enterectomy for tumoral resection and biopsy of locoregional lymph nodes were carried out. Subsequent to the surgical procedure, it was possible to confirm the previous diagnosis and the tumor was classified as intestinal intraluminal papillary adenocarcinoma, with incomplete surgical margins. Adjuvant chemotherapy was performed using carboplatin, cyclophosphamide, and piroxicam, leading to remission of clinical signs and absence of any clinical or imaging alterations compatible with the patient's previous clinical condition.(AU)
O objetivo desse relato de caso foi descrever os achados clínicos e manejo terapêutico de um caso de adenocarcinoma papilífero do cólon descendente em um Beagle. O paciente apresentou fezes amolecidas, hematoquesia, tenesmo e disquesia. Exame clínico revelou alteração de achados ultrassonográficos do cólon descendente sugerindo colite e neoplasia. Após ressecção de massa local, análise histopatológica revelou enterite linfmoplasmocito leve e adenocarcinoma papilar do cólon. Enterectomia para ressecção tumoral e biopsia das lesões locais e tumores linfonodais foram realizadas. Após procedimento cirúrgico foi possível confirmar o diagnóstico prévio e o tumor foi classificado como adenocarcinoma papilar intraluminal intestinal, com margens cirúrgicas incompletas. Quimioterapia adjuvante foi realizada utilizando carboplatina, ciclofosfamida e piroxano, levando a remissão de sinais clínicos e ausência de alterações de imagem compatíveis com situação clínica prévia do paciente.(AU)
Biblioteca responsável: BR68.1
Localização: BR68.1